O ESPORTE DE ASSU E REGIÃO, OBRIGADO PELA VISITA

sábado, 11 de dezembro de 2010

Todas as 12 Equipes do Assu Open 2010

Baraunas de Mossoró
Potiguar/F. Souto de Mossoró

Cruzeiro do Assu
Casa do Cimento/Limoeiro do Norte
Prisiaca/Cal Mossoró
Seleção de São Rafael

Macau
Najas/Atacadão Vieira

Seleção de Ipanguaçu
Real Juventude do Assu

Cleiltur/Seleção da Várzea
Seleção de Pendências

Palmeira de Goianinha conquista acesso para a Série A do Campeonato Potiguar

Com dois gols do então desacreditado André Luiz, Alviverde tirou invencibilidade do ABC-B

O Palmeira de Goianinha é o novo integrante da elite do futebol potiguar. O Verdão do Agreste conquistou o acesso para a Série A do Campeonato Potiguar neste sábado (11), ao derrotar o ABC-B, então invicto, pelo placar de 2 a 1. O experiente zagueiro André Luiz fez os dois gols do Palmeira, enquanto o atacante Alvinho descontou para o Alvinegro.
O duelo era entre duas equipes acostumadas a vencer e, por isso, prometia ser bastante complicado. O Palmeira vinha de uma seqüência de quatro vitórias consecutivas, enquanto o Alvinegro havia ganhado todas as sete partidas disputadas até então.
E, mesmo com o título já garantido, o ABC não deu moleza para o seu adversário. O goleiro Messi, talismã da conquista desse acesso, foi obrigado a fazer defesas complicadas para segurar os meninos do Alvinegro. O Palmeira tentou de várias formas fazer o seu gol, principalmente com os homens de ataque, Galeguinho e Jandyr. Mas foi um defensor que abriu o placar. Aos 25, experiente zagueiro André Luiz aproveitou um desvio de bola e chutou para o fundo das redes, correndo emocionado para abraçar os companheiros.
Depois do gol, a torcida do Palmeira assistiu ao jogo tranquila e confiante que o acesso viria ser maiores sustos. Mas se enganou quem pensou dessa forma, pois o atacante Alvinho aproveitou deslize da zaga e fez o gol de empate no início do segundo tempo.

O jogo passou a ser emocionante. O torcedor do Palmeira estava louco sem saber informações do confronto entre Atlético Potengi e América, que também poderia classificar o Alviverde, caso o Potengi não vencesse. Só que quando a notícia chegou em Goianinha foi de uma vitória temporária do Atlético, que conseqüentemente tiraria o sonho de ver o clube na Primeira Divisão.
Na arquibancada, alguns choravam e outros tentavam incentivar o time, buscando controlar o nervosismo. E, aos 32 minutos, o zagueiro André Luiz mais uma vez trouxe a alegria para o torcedor do Palmeira, marcando o segundo gol da equipe. A vitória fez muita gente chorar de emoção, principalmente o presidente do clube, Cláudio José Freire, o Cal.
“Fui taxado de louco, por tentar fazer futebol profissional em uma cidade pequena. Mas, está aí, o resultado chegou e não é só meu, é de todos que fazem parte da história de Goianinha”, disse, chorando, o presidente.
Autor de dois gols, o zagueiro André Luiz foi outro que desabafou nesse momento de pura alegria. “Eu voltei a treinar todo dia depois de dois anos. Neste período, fui treinador, dirigente e todo mundo dizia que não dava mais para voltar e ser jogador. Eu acreditei e está aí o resultado: dois gols na decisão. Obrigado Deus!”, agradeceu o jogador, que foi campeão estadual do ASSU em 2009, participando parte como treinador e outra como gerente de futebol. Neste ano, ele ainda tentou bancar seu retorno aos gramados, mas foi ironizado. “O André voltou e vai jogar tudo que sabe em 2011”, avisa.
O técnico Marcos Manoel é outro nome de destaque na campanha vitoriosa. Quando ele assumiu a equipe, o time havia perdido todas as três partidas disputadas. E no momento que o presidente Cal anunciou que o então preparador físico assumiria o cargo de treinador, o dirigente ouviu críticas, porque Marquinhos é cidadão local e funcionário da prefeitura, mas os resultados mostraram que a opção foi acertada. O Palmeira venceu as cinco partidas disputadas, sob o comando do treinador.
“Quando eu anunciei Marquinhos, a torcida disse de imediato: é a prova de que o time já desistiu. Desistimos sim, mas foi de ficar perdendo. Marcos Manoel está na história do Palmeira, por ser um grande treinador e que levou nosso time ao acesso, com cinco vitórias”, disse Cal.
Humilde, o treinador prefere dá o mérito dessa conquista a todo o grupo. “Eu contribui motivando os atletas e mostrando a seriedade de um trabalho profissional. Mas a vitória é de todas. Cada um tem sua parte nessa conquista”, salientou Marcos.

Messi preparado para romper mais barreiras
O maior nome do acesso do Palmeira de Goianinha é o goleiro Messi, destaque em todas as partidas que disputou, por ter feito diversas defesas inacreditáveis. Antes do campeonato, ele aceitou divulgar para toda a mídia a sua condição de homossexual e isso foi considerado como um fator que poderia tirar a estabilidade do grupo.
Mostrando sempre seriedade, o goleiro provou que a sua coragem não atrapalhou em nada o clube e ainda ajudar a romper a grande barreira do preconceito. Agora, na Série A do Estadual, ele acredita que vai quebrar ainda mais esse tabu, já que vai ter a oportunidade de enfrentar equipes de tradição, como ABC, América e Baraúnas.
“Mostrei na segunda divisão que a minha opção não atrapalha em nada o grupo e vou fazer o mesmo jogando a primeira. A visibilidade agora vai ser bem maior e vou usar em favor também de todos os homossexuais”, disse o goleiro.
André comemora seu gol contra o ABCb
Jogadores vibram com o acesso
Capitão André Luiz, herói em goianinha.

Fonte: Carlos Guerra Júnior

Assu Open é destaque na InterTV Cabugi

Lucílio falando a Inter Tv Cabugi sobre o Assu Open.
O Repórter Fabiano Morais da Inter-TV Cabugi, afiliada da rede Globo no RN esteve em Assu cobrindo o Assu Open de futsal; A matéria foi ao ar neste sábado  destacando o alto nível da competição e a quantidade de jogadores envolvidos. Na oportunidade Fabiano também enfocou a presença de um  bom público, a estrutura do Ginásio e a premiação oferecida em um total de  Nove mil e quinhentos reais para os vencedores. O Assu Open prossegue nesta segunda a partir das sete da noite no Ginásio Arnóbio Abreu .

Jogos emocionantes encerram 1ª semana do Assú Open

Prisiaca arranca empate, Baraúnas sofre para abrir vantagem e Macau vence o Cruzeiro
O torcedor que foi ao Ginásio Arnóbio Abreu esperando ver vitórias fáceis se enganou bastante. Os três jogos foram emocionantes e levaram o público a loucura. A Seleção da Várzea empatou em 1 a 1 com o Prisiaca, o Macau ganhou do Cruzeiro de Assú por 4 a 3 e apenas o Baraúnas teve um placar mais elástico, já que venceu o Najas por 6 a 2, mas, ainda assim, passou por sufoco para construir a vantagem.
Várzea é surpreendida
O Prisiaca/Cal Mossoró pode ser considerado a grande surpresa da noite. O técnico Pedro Neto motivou bastante os seus jogadores no vestiário, alertando que o público estava apontando o Cleiltur/Várzea como favorito a ganhar o confronto e provavelmente de goleada. Pedro passou inclusive para os seus comandados que era o desafio de Davi contra Golias, já que o Prisiaca tinha um time regional, enquanto o Várzea apostou em jogadores consagrados no futsal brasileiro.
Edinho, craque do Prisiaca, fazendo a diferença
Os atletas do Cal Mossoró encararam o espírito aguerrido e partiram para cima do adversário. E já no início da etapa, os torcedores da equipe foram a loucura, com o gol do ala Edinho, jogador natural de Lagoa D´anta.
E o time segurou a vantagem por muito tempo. Apesar do Cleiltur insistir em jogadas ofensivas, a defesa do Prisiaca sempre afastava o perigo. Faltando cinco minutos para encerrar a partida, o técnico Boba foi obrigado a colocar o fixo Léo Rummenigue como goleiro-linha, no intuito de buscar mais ofensividade.
E, aos 17 minutos do segundo tempo, foi o próprio Léo que conseguiu o empate para a equipe, levando os torcedores da Zona Rural de Assú à loucura. Empurrados pelas vuvuzelas e a bateria dos torcedores, os jogadores tentaram de diversas formas a virada, mas o Prisiaca garantiu o empate.
Com esse resultado, o Cleiltur/Várzea está classificado para a segunda fase como primeiro colocado do grupo, enquanto o Prisiaca garantiu o seu posto de segundo colocado. Potiguar/F.Souto e Real Juventude jogam na segunda-feira, na tentativa de conseguir uma vaga como melhor ou segundo melhor terceiro.
Baraúnas sofre, mas goleia e garante classificação
Outro time que se motivou para enfrentar uma equipe teoricamente mais forte foi o Najas/Atacadão Vieira. Depois de sofrer duas goleadas, a equipe entrou em quadra tentando uma despedida honrosa, diante do Baraúnas, e também evitar perder o direito de participar do  Assú Open no próximo ano (os dois times que fizerem as piores campanhas não disputam o torneio no ano que vem). 
Vitória e Classificação para próxima fase
João Paulo distanciou o sonho do Najas logo no início da partida, com um gol aos 20 segundos. Mas o time assuense não entregou e buscou o empate, através do ala Marcelo. A partir daí, o Najas passou a acreditar na possibilidade de enfrentar o Tricolor de igual para igual e conseguiu por boa parte do jogo. O Barú ampliou a vantagem no início da segunda etapa com Piliu, mas logo depois Berguinho empatou para o Najas.
Os dez minutos finais, porém, foram de total domínio do Tricolor. O Barú mostrou a sua força nesse período e conseguiu golear o time adversário. Preá marcou duas vezes; Piliu e João Paulo também voltaram a marcar e garantiram um placar elástico de 6 a 2, que classificou a equipe para a próxima fase.
Macau cala a torcida do Cruzeiro
Macau vence de virada e está na quartas de final do Assu open
Depois de aplicar uma massacrante goleada de 11 a 3 sobre São Rafael, a torcida esperava mais um show do Cruzeiro de Assú, time mais tradicional do futsal da cidade e que se reforçou com os principais craques do futsal cearense. Porém, a equipe decepcionou o público, com uma derrota diante do Macau.
O time visitante mostrou a sua força, logo no início, ao marcar com Marcelo. O Cruzeiro chegou ao empate, já em seguida, mas o dia ainda era mesmo do Macau, que construiu a sua vitória com muita batalha e derrotou o time local por 4 x 3.
Mesmo com a derrota, o time cruzeirense está classificado, mas, ainda assim, o time não escapou das vaias. Os gols da partida foram marcados por Marcelo, Elber, Son e Yuri, enquanto Rogério (2) e Clauber fizeram para o Cruzeiro.
Equipes já classificadas
Grupo A: Várzea/Cleitur e Prisiaca
Grupo B: Baraúnas e Casa do Cimento/Limoeiro
Grupo C: Cruzeiro e Macau
Carlos Júnior, Assessor de imprensa/Assu Open de futsal

Clube ameaça não participar do Campeonato Estadual

Mesmo com a confirmação de Ferdinando Teixeira como técnico do Alecrim para a próxima temporada, a direção do clube ainda não sabe se vai colocar o time para disputar o campeonato estadual. O motivo é a falta de patrocínio. Mas, a torcida alviverde não precisa ficar preocupada. O presidente alecrinense, Orlando Caldas, afirmou que tem um plano B, caso não consiga investidores a tempo do início da disputa potiguar. “O Alecrim não tem nenhuma causa trabalhista por falta de pagamento a jogadores. Por isso, se não conseguirmos patrocinadores, não iremos disputar o estadual. Saio do futebol e vou me dedicar apenas a administração do clube. Se algum empresário sério, responsável, se interessar em assumir apenas o futebol do Alecrim, podemos sentar e conversar. Mas, com a confirmação de que não haverá atrasos salariais, nem problemas para o clube”, revelou Caldas.

Mas, o que parece é que alguns jogadores que participaram da campanha na série C do Brasileiro,  estão em vias de acionar o clube na justiça por atraso de salários .“Apenas o goleiro Jair e o Marcelinho que receberam um mês adiantado estão em dia, os outros ainda não receberam o ultimo mês trabalhado e pensam inclusive em acionar o clube na Justiça” afirmou Orlando.
Orlandinho, presidente  do Alecrim
Se o presidente do clube afirma que o Alecrim não tem dívidas trabalhista, ele mesmo revela que o rebaixamento para a série D do Brasileiro deixou alguns prejuízos financeiros ao Alviverde que ainda não foram quitados. Mas, Orlando Caldas espera resolver essa situação ainda este ano. “é verdade que ficamos com uma dívida grande para o Alecrim, de R$ 35 mil. Mas, com o dinheiro da Prefeitura, que ainda não nos repassou o que foi prometido, quitaremos todas as nossas dívidas. Falei com uma pessoa ligada a prefeita Micarla de Souza, e tive a resposta que até o fim do ano eles estão repassando o que prometeram, que é de R$ 100 mil”, finalizou o mandatário alecrinense.
Fonte: www.tribunadonorte.com.br

Robertinho renova contrato com o Baraúnas

Atacante vai permanecer no Tricolor por mais seis meses
O atacante Robertinho renovou o seu contrato com o Baraúnas. O jogador defende o Tricolor mossoroense desde a temporada 2006 e assinou com o clube por mais seis meses.
O jogador foi revelado nas categorias de base do próprio Tricolor e só defendeu outras equipes quando o time não estava participando de competições oficiais.
Ídolo da torcida, o atleta mostra bastante felicidade com a renovação do seu vínculo com o clube e diz que está otimista para a conquista de mais um título pelo Tricolor.
“Estou bastante motivado. O Baraúnas é minha casa e sinto otimismo neste momento para a disputa do Campeonato Estadual de 2011”, declarou o atacante.

Fonte: Carlos Guerra Júnior

GERENTE DE COMUNICAÇÃO E MARKETING DO BARAÚNAS
Sócio-Presidente do Jogando Sports - MKT Esportivo 
Vice-presidente do Thermas Sport Club 
Cel: (84) 9605-6095 e 8829-4706

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Melhores jogadores do Nordeste estão no Assú Open de Futsal

Equipes se reforçaram com atletas habituados a conquistar títulos
 A primeira semana de disputa do Assú Open de Futsal tem comprovado o alto nível que era esperada na competição. Pelo menos 50% dos melhores jogadores da Região Nordeste estão disputando o evento disputado no Ginásio Arnóbio Abreu, que acontece até o dia 17 de dezembro.
Os jogadores campeões dos estados da Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará e Pernambuco estão espalhados entre as equipes que disputam o evento. Na equipe do Cruzeiro de Assú, por exemplo, estão cinco atletas que foram campeões cearenses pelo Horizonte e participaram da Taça Brasil pelo clube cearense.
O pivô Wendel, por exemplo, já perdeu as contas de quantas vezes recebeu o prêmio de artilheiro em competições que disputou e já é o principal goleador do Assú Open, com quatro gols, ao lado de Tazinho do Pendências.
Pivô Wendel artilheiro no Cruzeiro
Ele inclusive foi o atleta mais disputado entre as equipes participantes, já que mostrou o seu potencial na Copa Sesi-TCM, quando participou de apenas duas partidas e já se sagrou artilheiro da competição.
O Cruzeiro ainda tem Marquinhos, que foi craque, artilheiro e revelação do Campeonato Potiguar de Futsal, além de ter disputado a Taça Brasil pelo Macau.
Ala Marquinhos, craque do estadual, quer brilhar no Assu open
Na Seleção da Várzea/Cleiltur, o investimento é ainda maior. Jogadores como Adolfo, que estava no futsal pernambucano e Gildemário, que teve a experiência de competir recentemente em clubes europeus, estão defendendo a equipe que representa a Zona Rural de Assú.
O time ainda é reforço por craques que ganharam a Liga do Nordeste pelo ABC/Art&C, como Léo Rummenigue, Biro-Biro e o goleiro Matheus. Esses experientes jogadores se dizem surpreendidos com o nível técnico apresentado no evento.
Goleiro Matheus, campeão do Nordeste, reforço do Cleiltur/Sel. Várzea
“Não esperava ver um evento tão grande no interior do Rio Grande do Norte. O Assú Open vai se firmar no calendário do futsal nordestino, como um dos grandes eventos. Só tenho elogios a dar para os organizadores”, salientou Biro-biro.
O Baraúnas e o Macau, que pensam em um trabalho a longo prazo no futsal, também investiram pesado. O Tricolor trouxe atletas do rival Potiguar e outros que vieram do futsal cearense, além dos destaques do próprio time na Copa Sesi-TCM. Já o Macau apostou na base que ganhou experiência na Taça Brasil e reforços de times campeões no Ceará, Pernambuco e Paraíba.

Pivô Tibério, esperança de gols do Baraunas.
Mas o grande destaque do Macau é da própria cidade: o ala Elber foi um dos destaques da Taça Brasil e foi contratado para o time sub-20 do Corinthians. Por isso, a Taça Brasil vai marcar a despedida do craque do futsal potiguar. “Estou encerrando essa história disputando um grande evento. Estou muito feliz por isso e quero ser campeão”, disse o atleta do Corinthians.
Ala Élber de Macau, destaque na taça brasil foi contratado pelo Corinthians paulista.
Já o Potiguar de Mossoró fez uma aposta ousada. Ao invés de trazer jogadores consagrados no futsal, o time apostou na adaptação de atletas conhecidas por jogar futebol de campo pelo próprio Alvirrubro, como Sideny e Fábio Bezouro.
Sidenir, Potiguar/F. Souto
Fábio Bezouro - Potiguar/F. Souto
Carlos Junior - Assessor de Imprensa/Assu Open de Futsal

Palmeira de Goianinha disputa jogo do acesso com o ABC

Verdão do Agreste precisa vencer o Alvinegro para garantir vaga na Série A do Estadual
O Palmeira de Goianinha disputa o jogo mais importante da sua história neste sábado. O Verdão do Agreste encara o ABC-B, às 15h, no estádio José Nazareno, em Goianinha e uma vitória garante o clube na Série A do Campeonato Estadual no próximo ano.
O time, comandando por Marcos Manoel, está bastante motivado para o confronto e vem de uma sequência de quatro vitórias consecutivas. Por isso, acredita que é possível vencer o ABC, mesmo sabendo que o Alvinegro ganhou as sete partidas que disputou na Série B do Campeonato Estadual.
“O ABC é um time a ser respeitado. Não só pela fase que está vivendo nessa competição, mas por tudo que conquistou nesse ano e a grande história do clube. Mas, nós, com o jeitinho humilde, podemos vencer. Nada é impossível”, salientou o treinador.
O grande nome do Palmeira nessa campanha tem sido o goleiro Messi, que enfrentou o preconceito contra o homossexualismo com a mesma veracidade que encara cada adversário do Alviverde. O grande destaque da competição estadual espera fechar o gol e ajudar os seus companheiros nessa grande batalha.
“Difícil vai ser, não tem como ser diferente. Mas eu me sinto preparado para essa missão. Sou profissional para encarar momentos como esses”, salientou o goleiro do Alviverde.
Outro símbolo dessa competição é o atacante Jandyr, que começou o campeonato no banco e desacreditado pela torcida e tem sido o grande artilheiro da equipe. “Quero coroar essa campanha com um gol decisivo”, resumiu com fome de gol, o artilheiro.
Atacante Jandir, fome de gol.
A torcida do Verdão do Agreste prepara uma grande festa para o dia do jogo e o presidente do Palmeira de Goianinha, Cláudio José, o Cal, disse que terá praticamente um carnaval fora de época se o clube conseguir o acesso.
“Se o Palmeira sobe, ninguém vai dormir em Goianinha. Não sei nem se meu coração aguenta tanta emoção se meu time subir”, disse Cal.

Fonte: Carlos Guerra Júnior

Renatinho Itajá reforça o meio-campo do Baraúnas

Jogador defendeu o Centenário Pauferrense no Campeonato Potiguar deste ano

A diretoria do Baraúnas acertou a contratação de mais um jogador visando a disputa do Campeonato Potiguar de 2011. O novo reforço do Tricolor é o meia Renatinho Itajá, que foi um dos principais destaques do Centenário de Pau dos Ferros no Estadual deste ano e, por isso, tem o respaldo de toda a diretoria e comissão técnica do Barú.
Renato Leandro Barbosa já passou por diversos clubes do RN, como ASSU, Potyguar-CN  e Real Independente. Além disso, passou pelas categorias de base do Rio Preto-SP, ABC e América.
O jogador vai se apresentar ao Baraúnas no dia 24 de dezembro, para iniciar os treinamentos com a camisa do Tricolor.
Fonte:Carlos Guerra Júnior

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Campeão assuense derrota o Potiguar de Mossoró no Assú Open de Futsal

Prisiaca/Cal Mossoró ganhou do Alvirrubro pelo placar de 6 a 4
Prisiaca garante classificação para próxima fase
O campeão assuense mostrou a sua força diante da tradicional equipe do Potiguar de Mossoró. O Prisiaca/Cal Mossoró conseguiu uma virada sobre o Alvirrubro e depois goleou a equipe. O time assuense venceu pelo placar de 6 a 4. Os gols do Cal Mossoró foram marcados por Chapinha (2), Tibúrcio, Edinho, Nuna e Carlos. Enquanto, Júnior Pimental (2) e André Coxinha descontaram para o Alvirrubro.
O time do Potiguar/F.Souto começou o jogo mostrando qualidade. Com uma equipe repleta de atletas que se destacaram no futebol de campo, como Sideny, Jackson e Fábio Bezouro, o Alvirrubro partiu para cima do Prisiaca e abriu o placar com Júnior Pimental. O Prisiaca conseguiu o empate com Tibúrcio, mas a primeira etapa foi realmente dominada pelo Alvirrubro, que marcou o segundo gol com Sideny.
Por outro lado, a segunda etapa foi dominada pelo Prisiaca, que teve bem mais tranquilidade do que o Potiguar. Apesar de ter um time experiente, o Alvirrubro se descontrolou na partida e teve os atletas Binho e André Coxinha expulsos.
Com isso, o Prisiaca empatou com Chapinha, depois conseguiu a virada com Edinho e ampliou o placar com gols de Nuna e Carlos. Chapinha ainda fez o sexto para o Prisiaca, mas, quando tudo caminhava para uma goleada, Juninho Pimental marcou dois gols para o Potiguar nos dois minutos finais.
Porém, não foi o suficiente para derrotar o Prisiaca. Final: Prisiaca/Cal Mossoró 6 x 4 Potiguar/F.Souto

Macau vence e deixa Ipanguaçú com poucas chances de classificação
Macau estreia com vitória

Recém chegada da Taça Brasil de Futsal, a equipe do Macau mostrou um desempenho digno de um representante do Estado a nível nacional. O time venceu o Ipanguaçú por 3 a 1, no jogo que marcou a estreia do Tubarão no Assú Open. Os gols do time vencedor foram marcados por Son (2) e Erverson, enquanto Cazuza fez o gol do Ipanguaçú.
Bem armado taticamente, o time bloqueou os espaços do Ipanguaçú e deixou a equipe adversária sem muitas opções de jogada. Com isso, abriu o placar com Erverson.
Mas o Ipanguaçú, que é uma das revelações da competição, tentava de várias maneiras vencer a equipe macauense e chegou ao empate através de Cazuza.
O Macau, porém, é um time forte que conta com alguns jogadores oriundos do futsal cearense e pernambucano. Além de atletas que mostraram o seu potencial na Taça Brasil, com o garoto Elber, de 19 anos, que foi negociado com o Corinthians-SP.
O time mostrou o seu potencial na segunda etapa e Son marcou dois gols que definiram o placar.
O Ipanguaçú está praticamente desclassificada com esse placar, mas o time mostrou um desempenho honroso na competição, conseguindo segurar o fortíssimo Cruzeiro na quarta-feira e goleando o São Rafael na estreia.
Satisfeito com o desempenho da equipe, mas chateado com os resultados, o técnico Marcos ainda acredita na classificação da equipe como segundo melhor terceiro, já que o time tem saldo positivo de um.
Treinador Marcos Oliveira, espera classificar  pelo índice técnico
Cruzeiro de Assú aplica sonora goleada sobre o São Rafael
O torcedor do Cruzeiro de Assú que foi ao Ginásio Arnóbio Abreu nesta quinta-feira (9) não se arrependeu. Depois de passar sufoco para vencer o Ipanguaçú na sua estreia, o time celeste deu um show diante de São Rafael. A equipe aplicou um sonoro 11 a 3, com gols de Rafael (2), Flávio (2), Wendel (2), Rogério (2), Marquinhos (1), Júnior Pipiu (1), BV (1). O jogo marcou a abertura da quarta noite de disputas do Assú Open de Futsal.
O time do Cruzeiro foi bastante apressado no jogo. O torcedor que chegou um pouco mais atrasado deixou de ver muitos gols. Aos 40 segundos, o time já abriu o placar. Aos oito, a equipe já vencia por 4 a 0.
São Rafael fez o seu primeiro gol aos nove minutos, com o experiente Adeílson, que é jogador de futebol de campo. Mas o selecionado da cidade do Vale do Açú não teve poder para confrontar a forte equipe do Cruzeiro, que estava recheada de craques do futsal cearense e o grande ídolo da torcida assuense: Marquinhos, que foi o melhor jogador, revelação e artilheiro do Campeonato Potiguar 2010.
O time assuense jogou tudo que sabia no primeiro tempo da partida e aplicou um sonoro 10 a 1 na etapa inicial. No segundo tempo, porém, o time baixou o ritmo e São Rafael marcou dois gols, com Washington e Roldão Neto. Mas, para afastar o risco de qualquer reação mais concisa, BV finalizou o marcador, fazendo o 11º gol com Roldão Neto.
De quebra, o pivô Wendel chegou aos quatro gols e se igualou a Tazinho, do Pendências. E Wendel entende de artilharia, já que foi o principal goleador do Campeonato Cearense 2010 e também da Copa Sesi-TCM, realizada em Mossoró
Fonte: Carlos Guerra Júnior

Cruzeiro de Assú fecha terceira noite do Assú Open com vitória emocionante

Time mais tradicional da cidade teve dificuldades para derrotar o selecionado de Ipanguaçú
Cruzeiro, estréia com vitória suada
O terceiro dia de Assú Open de Futsal manteve a escrita de ser encerrado com um jogo emocionante. Uma das equipes mais esperadas do evento, o Cruzeiro de Assú, teve dificuldades para superar a Seleção de Ipanguaçú e só conseguiu derrotar os visitantes nos segundos finais. O time celeste venceu pelo placar de 4 a 3. Os gols foram marcados por Wendel (2), Marquinhos e Fábio, enquanto Elias, Pebinha e Guedão fizeram para o Ipanguaçú.
O Cruzeiro contou com uma base forte, que foi terceiro lugar no Campeonato Estadual. Desses, cinco jogadores participaram da Taça Brasil de Futsal pelo Macau. Além disso, cinco atletas do campeão cearense Horizonte também estão no time assuense.
Entre os craques do Cruzeiro está o ala Marquinhos, que foi eleito como melhor jogador e revelação do Campeonato Potiguar 2010, e, de quebra, ainda foi o artilheiro da competição.
E foi justamente Marquinhos que abriu o placar do jogo. Depois, outro artilheiro fez o segundo: Wendel, que foi o goleador do Campeonato Cearense deste ano e também da Copa Sesi-TCM.
Porém, o Ipanguaçú deu trabalho e surpreendeu a todos, empatando a partida em instantes, com gols de Pebinha e Elias. O Cruzeiro ainda abriu novamente vantagem, fazendo 3 a 2, com Fábio. O time visitante, porém, insistiu em buscar o empate e igualou o placar novamente, através de Guedão.
Só que quando tudo parecia estar resolvido, Wendel fez o quarto gol do Cruzeiro, para alegria da fanática torcida. Final: Cruzeiro 4 x 3 Ipanguaçú.
Sel. de Ipanguaçu valorizou vitória do Cruzeiro
Casa do Cimento goleia Pendências
O Casa do Cimento/Limoeiro encerrou a sua participação na primeira fase do Assú Open de Futsal com mais uma goleada. O time venceu a equipe de Pendências, pelo placar de 6 a 2. Os gols da equipe cearense foram marcados por Celinho, Dedo, Carté, Darliel, Mardônio e Testinha, enquanto Tazinho fez os dois gols de Pendências. Depois de ficar no empate com o Baraúnas, o time cearense jogou contra o Pendências bastante motivado, para garantir a classificação, no jogo em que marcou a despedida da equipe na primeira fase da competição. Logo no início do confronto, o time abriu uma vantagem de 3 a 0 e deixou o Pendências bastante preocupado.
O Pendências, porém, demonstrou poder de reação e diminuiu o placar, para 3 a 2, com dois gols de Tazinho, atleta que participou da Taça Brasil de Futsal na semana passada pelo Macau.
A partir daí, porém, o Casa do Cimento/Limoeiro não deu mais chances para o seu adversário e marcou gols seguidos. No final, o placar de 6 a 2 foi bastante comemorado pelos cearenses, que retornam para Limoeiro nesta quarta-feira e ficam esperando o adversário das quartas-de-finais, em duelo que acontecerá na próxima semana.
O time agora espera também a definição do seu grupo, para saber em que posição ficará na tabela de classificação. O único clube que pode alcançar o Baraúnas é o Limoeiro, que empatou com o Azulão em 1 a 1. O time cearense terminou a primeira fase com sete pontos e dez gols de saldo, com isso, agora torce para que o Tricolor de Mossoró não consiga o mesmo saldo nos seus jogos contra Pendências e Najas/Atacadão Vieira.

Cleiltur/Várzea goleia por 5 a 1
João Boba, Técnico da Cleiltur/Sel. da várzea
O Cleiltur/Várzea não deu moleza ao Real Juventude. A experiente equipe goleou a meninada do Real pelo placar de 5 a 1. Os gols foram marcados por Adolfo (2), Biro-biro, Léo Rummenigue e Dedé. Enquanto, De Assis descontou para o Real.
Contando com um elenco muito experiente e total apoio da população da Zona Rural de Assú, a Seleção da Várzea teve dificuldades no início do confronto, para furar a defesa do Real. Depois de insistir, Adolfo abriu o placar para a Várzea, mas De Assis empatou logo em seguida.
A partir daí, o Cleiltur/Várzea mostrou a qualidade da sua equipe e encontrou espaços para abrir vantagem sobre o adversário. No final da primeira etapa, o time já estava vencendo por 3 a 1.
No segundo tempo, o time já baixou o ritmo, economizando para enfrentar o campeão assuense Prisiaca/Cal Mossoró na próxima sexta-feira (10). Ainda assim, a equipe marcou outros dois gols para fechar a goleada.
Com esse resultado, a equipe já está classificada para a segunda fase da competição, restando apenas definir em qual posição o Cleiltur ficará no grupo.
O time da Várzea conta com atletas experientes, como o goleiro ídolo do ABC, Matheus, e outros ex-jogadores do Alvinegro, como Bizinho, Biro-biro e Léo Rummenigue. A experiente equipe ainda tem atletas como Gildemário, que já passou pelo futsal europeu, e Adolfo, que estava recentemente em Pernambuco.
Cleiltur/Sel. da Várzea, uma das equipes  candidatas ao título

Carlos Guerra Júnior

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Alecrim anuncia Ferdinando Teixeira como técnico para 2011

Técnico esteve na visita ao estádio Tenente Luís Gonzaga
Técnico Ferdinando Teixeira, confirmado no Alecrim

Na tarde desta terça-feira (7), a comissão de gestão do Alecrim esteve no estádio Tenente Luís Gonzaga para algumas avaliações. A visita contou com a presença da comissão de gestão do Alecrim, o presidente do Potiguar de Parnamirim Frazão e Ferdinando Teixeira. Quem também esteve presente foi Felipe Máximo, engenheiro e colaborador do Alecrim, que apresentou os principais pontos de reforma para a liberação do estádio já para o campeonato estadual.
Ainda na visita o presidente do Alecrim, Orlandinho Caldas, confirmou o nome de Ferdinando Teixeira como o técnico para o ano de 2011. '' É muito importante para o Alecrim. A garra que Ferdinando apresenta para o Campeonato Estadual é ainda maior do que a da Série C. É mais uma realização para a torcida do Alecrim, que aprova o nome de Ferdinando. Eu pensava que já com 55 anos nunca mais iria ver Ferdinando no Alecrim, e agora estou tendo o prazer de renovar para o ano de 2011. É mais uma realização da torcida do Alecrim'', falou Orlandinho.
Ferdinando esteve no Alecrim em 2010 e comandou o time na série C, e apesar do rebaixamento, é aceito por toda torcida do Alecrim e a sua confirmação é feita num momento chave para o clube traçar os planos para 2011.
'' A minha função no clube não interessa, eu coloquei isso muitas vezes para Marcelo e Orlando. Eu quero ajudar e não me preocupo com função. Se é para ser treinador, vou ser treinador e torcedor com o mesmo espírito de querer vencer, de gritar e de brigar pelo clube. Como alecrinense eu quero ajudar. Já é a quarta vez que estamos em Parnamirim e graças a Deus essa parceria deu certo, e isso foi uma coisa boa para o Alecrim e boa para Parnamirim. Nós vamos ajudar na manutenção do estádio e a cidade de Parnamirim vai ganhar um foco de notícias e de reportagens, e isso é fundamental para uma cidade grande como hoje é Parnamirim é. Agora temos que convocar os alecrinenses, os ex-presidentes, os jovens torcedores que agora são empresários. É importante se aproximar da diretoria, não precisa esperar que a gente convide. Tem que vir para somar. É importante nessa hora juntar todos os torcedores, pois fica menos pesado para os que já estão, e deixa o Alecrim mais forte. O Alecrim não é uma ''Kombi'' cheia de torcedores, tem muitos torcedores, mas é preciso juntar. Acredito que se isso acontecer, seremos ainda mais forte no Estadual'', comentou Ferdinando Teixeira.

Kelvyn Henrique
Assessoria de Imprensa do Alecrim Futebol Clube
kelvynalecrim@bol.com.br
(84) 9654-2154

Cruzeiro confirma base para o Assu Open...

Depois da temporada jogando pela seleção de Macau na 37ª Taça Brasil de Futsal, em Jaraguá do Sul/SC, o goleiro Júnior, o pivô Marquinhos, o central Tiago, o ala direito Marcos Peixoto e o ala esquerdo Rogério Meneses, foram confirmardos como contratação do Cruzeiro para o Assu Open de Futsal. O cruzeiro que ficou em terceiro lugar no campeonato estadual, foi vice na taça TCM/SESI de futsal em Mossoró e não conseguiu chegar a final do campeonato da cidade, promete para a sua torcida uma equipe muito forte para no Assu Open, além destes jogadores considerados da base, seis reforços oriundos do Futsal Cearense chegam nesta terça feira e já estreiam hoje contra a Seleção de Ipanguaçu que lidera o grupo "C" pois venceu na estreia São Rafael; Esta chave ainda conta  com equipe de Macau que só estreia amanhã.
Fonte: cruzeiroassu.blogspot.com


terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Baraúnas e Limoeiro travam duelo emocionante no segundo dia de Assú Open

Campeão cearense intermunicipal ficou no empate com o Tricolor do Oeste, em duelo que os goleiros foram os destaques
Baraúnas saiu atráz, mais buscou o empate contra o...
Casa do Cimento/Limoeiro, no melhor jogo da noite
O segundo dia de disputas no Assú Open de Futsal foi marcado por um jogo muito apertado. O campeão do Cearense Intermunicipal, Limoeiro, duelou no final da noite com a tradicional equipe do Baraúnas e o jogo valeu o ingresso. As equipes mostraram um nível técnico elevado e empataram em 1 a 1. O gol do Limoeiro foi marcado por Dedo, enquanto Dedé fez para o Barú.
O Casa do Cimento/Limoeiro veio para o jogo diante do Baraúnas bastante empolgado,  já que havia goleado o Najas/Atacadão Vieira no primeiro dia de disputas. Só que o Tricolor de Mossoró também deu bastante trabalho ao Azulão do Ceará.
O placar foi aberto na primeira etapa com Dedo, para a equipe do Limoeiro. O técnico do tricolor, Toni, teve paciência e foi fazendo um rodízio entre os jogadores. Na segunda etapa, Dedé empatou para o Barú. O Tricolor ainda teve algumas chances de virar, mas o goleiro Gerlânio segurou o empate, defendendo diversas bolas para o Azulão.
Prisiaca/Cal Mossoró vence no clássico assuense
Prisiaca venceu na estréia do Assu Open
O segundo dia de disputas no Assú Open de Futsal foi aberto com um clássico entre duas equipes locais. E o atual campeão municipal se saiu melhor. O Prisiaca derrotou o Real Juventude pelo placar de 3 a 1. Os gols do Prisiaca foram marcados por Nuna (2) e Edinho, enquanto De Assis marcou para o Real Juventude.
A expectativa era que o experiente time do Prisiaca fosse bem superior ao Real Juventude, que como o próprio nome deixa entender, aposta na garotada. Mas o moleques do Real deram trabalho e o placar foi decidido em detalhes.
Nuna, autor de dois gols, foi o destaque individual da partida, mas atletas jovens do Real Juventude, como Breno, De Assis e o goleiro Lucas também mostraram serviço e deram trabalho ao Prisiaca.
Pendências goleia Najas/Atacadão Vieira 
Pendências também venceu na estréia
Contando com a experiência de Zizi e Tazinho, que participaram da Taça Brasil de Futsal na semana passada pelo Macau, a equipe de Pendências não deu moleza ao Najas/Atacadão Vieira e goleou por 5 a 2. Os gols do time vencedor foram de Tazinho (2), Martins, Zizi e Gideilson. Os gols do Najas foram de Romeu e Ricardo.
Mesmo sendo apenas a estreia, o Pendências mostrou muito preparo. O time começou em um ritmo alucinante e quando o Najas achava que o time ia colocar o pé no freio, os jogadores mostravam mais gás ainda, para aguentar todo o confronto.
A equipe assuense do Najas fica em situação delicada, já que perdeu na estreia para o Casa do Cimento/Limoeiro pelo placar de 4 a 0.
Fonte: Carlos Guerra Júnior

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Baraúnas está preparado para a estreia no Assu Open

Tricolor jogará contra o Casa do Cimento/Limoeiro nesta terça-feira (7)
Baraúnas, a busca pelo título em Assu.

Após cerca de um mês se preparando para o Torneio, o time do Baraúnas fará nesta terça-feira (7) sua estreia no Assú Open. O Leão do Oeste está inserido no Grupo B, e além de enfrentar o Casa do Cimento/Limoeiro na esteia, ainda enfrentará o Najas/Atacadão Vieira e Pendencias nas demais rodadas.
Para a disputa do torneio, o Leão conseguiu manter a base que disputou a Copa Sesi-TCM, e contratou novos reforços, sendo quatro deles oriundos do Futsal cearense e o pivô Tibério, que já teve passagens no futebol de campo do clube e recentemente foi destaque no rival Potiguar jogando a Copa Sesi-TCM.
Os jogadores do Baraúnas confirmados para a partida de estreia são: Anderson e Ramon;  Rodrigo, Preá e Rudinei; Zué, Piliu e Marconildo; Tibério, João Paulo, Dedé e Domar.
...............................
Giordano Bruno
Assessor de imprensa do Baraúnas

Começou o Assu Open

Nenem da Sel. de Ipanguaçu, vitória na estréia
Positivo, este foi o balanço dos que fazem o Assu Open de Futsal, que largou hoje no Ginásio Arnóbio Abreu em Assu. O público foi além das expectativas e leva a crer que deverá aumentar durante o decorrer da competição. No primeiro jogo da noite pelo Grupo "C" a  Sel. de  Ipanguaçu venceu fácil São Rafael pelo placar de 5 a 1, depois de um equilibrado empate em 0 a 0 no primeiro tempo. No segundo jogo da noite a Casa do Cimento/Limoeiro apesar de demonstrar cansaço pela viagem, venceu Najas/Atacadão Vieira por 4 a 0 e fechando a rodada no terceiro jogo, pelo grupo "A" Cleiltur/Sel. da Várzea venceu o Potiguar de Mossoró por 2 a 0, neste que foi o melhor jogo da rodada. A Coordenação do Assu Open destaca o apoio da Prefeitura do Assu, Governo do Estado, Policia Militar e todos os colaboradores que de uma direta ou indireta estão contribuindo para o sucesso do evento.

Casa do Cimento/Limoeiro, apesar do cansaço da viagem, venceu na estréia
Cleiltur/Seleção da Várzea, venceu o Potiguar(M) e mostrou qualidade técnica.

Fotos: Gustavo Varela.

Baraúnas contrata goleiro Marcos Paulo

Profissional ficou conhecido em Mossoró, ao defender o Potiguar e também já se destacou no futebol carioca
O Baraúnas acertou a contratação de mais um atleta para a temporada 2011. O goleiro Marcos Paulo, de 29 anos, fechou com o Tricolor de Mossoró e vai se apresentar ao clube no dia 03 de janeiro. Experiente, o profissional ficou conhecido no futebol norte-riograndense ao defender o Potiguar de Mossoró no ano de 2008, vindo por empréstimo junto ao Tigres do Brasil.  Na ocasião, o time ganhou o Segundo Turno do Campeonato Estadual e foi vice-campeão potiguar.  O seu destaque no Potiguar o fez retornar ao futebol carioca, com respaldo para ser titular do Tigres do Brasil no Campeonato Carioca do ano passado.  Depois de boas atuações, ele foi emprestado ao Duque de Caxias, para disputar a Série B do Campeonato Brasileiro.  Marcos ainda defendeu o Tigres do Brasil no Campeonato Carioca deste ano, clube no qual ele estava treinando até pouco tempo, já que tem contrato vigente com a equipe carioca.
Indicação
O goleiro chega ao Baraúnas, por indicação do técnico Edinho Cardoso, já que os dois trabalharam juntos no Potiguar. O treinador mostra-se otimista com a contratação e acredita que Marcos Paulo vai ter muito sucesso com a camisa do Leão.
Ficha do jogador
Marcos Paulo Machado de Souza (Marcos Paulo)
Posição: Goleiro
Nascimento: 25/7/1981
Naturalidade: Duque de Caxias/RJ
Peso: 79 kg
Clubes: Olaria-RJ, Taquaritinga-SP, Grêmio Catanduvense-SP, Duque de Caxias-RJ, Tigres do Brasil-RJ, Potiguar de Mossoró-RN
Carlos Guerra Junior
GERENTE DE COMUNICAÇÃO E MARKETING DO BARAÚNAS