O ESPORTE DE ASSU E REGIÃO, OBRIGADO PELA VISITA

sábado, 28 de janeiro de 2012

Técnico do ASSU garante equipe determinada no domingo

Em seu próximo desafio no Campeonato Potiguar, o ASSU enfrenta o Santa Cruz, neste domingo, a partir das 17h, Estádio Edgarzão. Para o confronto, o técnico Ademilson Venâncio(Foto) fez questão de prometer uma equipe ofensiva e determinada em busca da vitória. "Vamos buscar um ritmo agressivo, temos que fazer valer o mando de campo nosso. Será muito importante conquistar uma vitória, sobretudo, em um campeonato equilibrado como está o Campeonato Potiguar", declarou, antes de completar, exaltando também a partida contra o Caicó, na próxima rodada. "Temos que vencer esses dois jogos, para buscar nossos objetivos. Será difícil, mas vamos batalhar muito para conseguir esse objetivo", completou. Tanto ASSU quanto Santa Cruz tem seis pontos ganhos até aqui na competição.
Fonte: Futnet

Wassil Mendes não vai poder contar com cinco titulares contra o ASSU

Os jogadores do Santa Cruz participaram na tarde desta sexta-feira, dia 27, do coletivo de apronto. O treino realizado no estádio Iberezão, sob o comando de Wassil Mendes(Foto), serviu de preparação para o duelo do próximo domingo, dia 29, contra o ASSU. Wassil Mendes testou algumas formações, mas, ainda não definiu o time. O treinador não contará com cinco jogadores titulares. Ivan e Danilo Lopes estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Maiquel, Geriel e Pantera também ficam fora por estarem entregues ao departamento médico. Na manhã deste sábado, dia 28, os jogadores do Tricolor do Trairi participam de um treino recreativo e logo após o treinador definirá e divulgará a lista dos atletas que viajarão para ASSU/RN.
Fonte: Nominuto.com

Potiguar apresenta reforço na zaga, mas tem problemas com atletas machucados

Após a vitória fora de casa contra o Alecrim por 3x1, o Potiguar se reapresentou na tarde de ontem no Nogueirão. Os jogadores que atuaram na partida foram poupados dos exercícios, apenas os reservas e aqueles que não viajaram participaram do treinamento. Por causa do ritmo intenso da partida, três atletas do Potiguar sentiram pequenas lesões e dois deles preocupam para o clássico de amanhã. O atacante Quirino e o zagueiro Lúcio, ambos com dores na parte posterior da coxa, foram poupados do treinamento de ontem, não participam do treino de hoje e só vão ter a confirmação se jogam no dia da partida. Já o volante Robson, que teve um entorse no tornozelo, não é dúvida para o jogo. "Vamos fazer o tratamento com Quirino e Lúcio até momentos antes da partida. Os dois são titulares e o time precisa deles. Gelo e fisioterapia deve resolver o problema e acredito que mesmo sem estar 100% eles vão para o jogo", comenta Bentivi, massagista do Potiguar. A equipe do Potiguar, que joga um clássico decisivo contra o Baraúnas amanhã, treina hoje pela manhã no Nogueirão. Após o treinamento, o técnico Fábio Giuntini fará a seleção dos atletas que vão participar do clássico.
REFORÇO - Após apresentar problemas no setor defensivo, o Potiguar contratou mais um reforço para a sequência do Campeonato Estadual. Trata-se do zagueiro Índio(Foto), que estava atuando no Araripina-PE, pelo campeonato pernambucano. Natural de Sertânia-PE, o jogador foi revelado pelo Goiás-GO e teve já teve passagens por clubes conhecidos nacionalmente como Atlético-GO e Gama-DF. Como estava treinando no time do Araripina, o atleta chegou ao Potiguar em boas condições físicas e já poderá atuar amanhã contra o Baraúnas.


Baraúnas dispensa dois atletas antes do clássico

Deficiência técnica e enxugar a folha salarial dos atletas foram os argumentos utilizados pela diretoria do Baraúnas para dispensar o lateral direito Leandro Macaxeira(Foto) e o zagueiro/lateral esquerdo Dos Santos. Os dois não vinham apresentando o desempenho técnico esperado e já deixaram o clube. Apesar das despensas no setor defensivo, o Baraúnas não pretende contratar neste momento jogadores para o setor. Segundo Sávio Marcellus, membro da diretoria do tricolor, o alvo da equipe é um jogador de meio de campo que faça o trabalho de distribuição de bola, crie jogadas, tenha um bom passe e finalize em gols. Com dois atletas a menos em seu elenco e vindo de uma derrota dentro de casa, o treinador Francisco Diá recebeu a notícia da regularização de Léo Paraíba com muita alegria. O atleta que tanto joga de volante como de lateral direito treinou na equipe titular como lateral e deve ser utilizado contra o Potiguar. Mesmo com todo esforço da diretoria, o atacante Fabinho Cambalhota não conseguiu ficar regularizado a tempo de disputar o Potiba. "Como a transferência dele é internacional ficou mais complicado de regularizá-lo a tempo. Ele estava atuando no futebol do Japão e sua transferência só deve ficar pronta para a próxima rodada. Mas o Léo Paraíba está liberado e vai para o jogo", comenta Sávio. O zagueiro artilheiro Índio e o lateral direito Pedrinho que cumpriram suspensão contra o Caicó já podem voltar a equipe titular. Mesmo sem adiantar a escalação, a equipe que Diá treinou na Toca do Leão deve ser a mesma que vai jogar contra o Potiguar. A provável escalação do Baraúnas para o clássico: Érico, Índio, Nildo e Jonantan; Alberto, Richardson, Edmilson, Léo Paraíba e Ribinha, Didi e Adalgísio 
Pitbull. 
Fonte: Gazeta do Oeste

O antidoping e seus reais valores

Às vésperas do clássico Potiba, o torcedor assiste a uma velha novela que de tão chata já deveria ter acabado há tempo. O mal-estar causado entre dois clubes por conta de um simples pedido de exame antidoping é enredo enfadonho e sem sentido. O Potiguar pediu, o Baraúnas, através do técnico Diá, não digeriu. Reação quase infantil. Antidoping não é só para um; é para os dois. Trocando para o popular, o risco que corre o pau, corre o machado. Independente de quem pediu ou de quem se ofendeu, antidoping é direito, mas deveria ser obrigação. Partindo do princípio de que todos são inocentes até que se prove o contrário, não se deve temer os efeitos do que não se comete. Entendo até que os treinadores deveriam ser gratos às diretorias se assim procedessem com freqüência, mas os altos custos impedem isso. Garantir-lhes-ia, pelo menos, o direito à igualdade nas condições de disputa. É que apesar da seriedade da maioria dos profissionais que existem em suas comissões, inclusive os preparadores físicos que tentam aplicar todo seu conhecimento adquirido em anos de estudo em prol de um bom rendimento no esporte, a gente sabe que alguns jogadores gostam da automedicação ou fazem uso de drogas sociais, tudo longe do conhecimento de seus superiores. Dessa forma, com o exame antidoping, o atleta que costuma fazer uso de drogas, seja para tratamento clínico ou para saciar vícios, vai se abster ou então pedir para não ser escalado, poupando seu clube e a si do desgaste. O antidoping é uma arma do meio em favor do esporte, o qual precisa ser praticado de forma limpa e o resultado em sua disputa ser gerado pelo que se produz em campo, e não nos laboratórios.
Fonte: Jogo Aberto com Fábio Oliveira/JF

Clássico Rei - Quem vai levar a melhor?

O Campeonato Potiguar de 2012 está entrando em sua quinta rodada do primeiro turno, mas o confronto deste domingo entre ABC e América pode ser considerado decisivo para o decorrer da competição. Como manda a tradição, quem levar a melhor no primeiro Clássico-Rei do ano ganha um valioso "empurrão" na corrida em busca do título estadual. Nesta oportunidade, o mais tradicional confronto do Rio Grande do Norte vale ainda a liderança da competição, já que a diferença entre alvinegros e americanos é de apenas dois pontos. Nesta reta inicial ABC e América já viveram situações opostas. O time rubro entrou na competição com "vantagem", como definiu o técnico do ABC, Leandro Campos, em virtude de ter mantido a base que conseguiu o acesso à Série B no ano passado. Depois de três rodadas na liderança, porém, o Alvirrubro perdeu a ponta justamente para o rival, que vem de duas vitórias, uma delas de goleada - 6 a 1 em cima do Alecrim. Com os dois melhores ataques do campeonato em campo, a expectativa é de um duelo particular entre os atacantes Washington e Soares, que pode fazer sua estreia como titular no América.
A esperança de gols do ABC ficou de fora das primeiras rodadas do Estadual em virtude de uma lesão. Washington estreou na competição apenas nesta semana e agora está confirmado ao lado de Léo Gamalho no ataque. Com participações em grandes clássicos do futebol brasileiro, ele espera gravar seu nome no primeiro Clássico-Rei de 2012. "Nada melhor que jogar um clássico e fazer gols. Isso é o que marca um jogador", diz. Contra o América o camisa 9 também tem a missão de fazer funcionar o ataque alvinegro, já que dos dez gols marcados pelo Alvinegro até aqui apenas dois foram anotados por atacantes - Léo Gamalho e Felipe Alves, ambos com um gol marcado. "A cobrança é sempre maior em cima dos atacantes, mas se a gente puder ajudar os companheiros a fazer os gols também é válido", comenta. Do outro lado Soares ainda vive a expectativa de ser confirmado no time titular do América para o jogo contra o ABC. No coletivo apronto ele treinou no time de baixo, mas a pressão da torcida em cima do atacante Isac deve fazer com que Flávio Araújo opte pelo mais novo reforço rubro, mesmo que apenas no decorrer da partida. Também já tendo participado dos tradicionais clássicos mineiro, gaúcho e paulista, o centroavante americano espera vencer o ABC para encaminhar o título do primeiro turno. "A gente vai ter que fazer de tudo para conseguir essa vitória", diz. "É um jogo totalmente diferente, sempre foi assim em todos os clássicos que joguei e a gente sabe que ganhar o primeiro clássico é sempre muito importante para o resto da competição", comenta.
Meias brigam pela artilharia
Se os homens de frente não têm marcado, Júnior Xuxa e Jerson assumiram a funções de goleadores em América e ABC. Ambos têm três gols e lideram a corrida pela artilharia do Campeonato Potiguar 2012. Mesmo priorizando servir os companheiros, o armador abecedista pelo menos promete não dar folga aos atacantes na briga pela artilharia. "Pode ter certeza que a gente vai estar aí", brinca. No coletivo apronto para o clássico, realizado na última sexta no Frasqueirão, Jerson sentiu a coxa e deixou o treinamento. O jogador ainda está em observação pelo departamento médico do clube, mas deve ser confirmado entre os titulares pelo técnico Leandro Campos momentos antes do início do primeiro Clássico-Rei de 2012.
Fonte: Diário de Natal

Diretoria garante melhorias no trânsito para o Clássico-Rei

O vice-presidente administrativo do ABC F. C., Wilson Cardoso, esteve reunido com representantes da SEMOB (Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana), SETURN (Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos) e Polícia de Trânsito Estadual e garantiu melhorias para os torcedores visando o clássico deste domingo (29), contra o América. Devido ao grande apelo da partida, que deve gerar um imenso fluxo de veículos e pessoas nas proximidades do estádio Frasqueirão, a direção alvinegra se preocupou com o torcedor e tratou de proporcionar todas as condições necessárias para que a torcida possa acompanhar o Clube do Povo em mais um importante compromisso, sem se incomodar como chegar ao estádio ou retornar para casa sem transtornos. Ficou acertado que as linhas de ônibus serão reforçadas e circularão com um número maior de veículos, inclusive, aguardando o término do jogo para atender o torcedor. Além destes benefícios, também ficou garantido que todas as linhas terão o seu trajeto estendido até o primeiro posto de gasolina da Rota do Sol (Posto Shell), para facilitar ainda mais o acesso da torcida. Outro benefício garantido é que, visando à fluidez do tráfico de veículos, a Polícia de Trânsito Estadual controlará o trânsito nas proximidades do estádio, em todos os semáforos e rotatórias desde a Via Costeira até a Rota do Sol. É mais uma segurança para o torcedor alvinegro que comparecerá ao Frasqueirão para acompanhar o Mais Querido em mais uma grande partida. Vamos encher o estádio e incentivar os nossos guerreiros em busca de mais um resultado positivo.
Fonte: Site do Clube

América vence o Monamy e se classifica em primeiro do grupo

Mesmo com todas as dificuldades impostas pelo adversário, o América superou mais uma batalha e venceu o Monamy por 2 a 0. A partida foi realizada na tarde deste sábado (28), no Estádio Juvenal Lamartine. Os gols do Mecão foram marcados por Mila e Nildinha. Com este resultado, o América terminou a primeira fase como primeiro colocado no grupo e tem a vatagem de jogar por dois resultados iguais. As partidas da final estão marcadas para o dia 04 e 11 de fevereiro, em local a ser definido. Com atletas de alto nível, o América realizou uma campanha impecável. As meninas do técnico Maurício Salgado iniciaram a competição enfrentando o Força e Luz e venceram por 10 x 0. Na segunda partida, o Comercial levou uma goleada de 18 x 0. O Monamy seria o adversário mais difícil e as meninas venceram por 2 x 0. Com isso, o time rubro encerrou a campanha com 9 pontos, 30 gols pró, 0 gol contra. A artilheira da primeira fase foi Nildinha, que marcou 12 gols. Mariana e Elenilda vem logo em seguida, cada uma marcou 7 gols.
Fonte: Site do Clube

Torcidas de Corintians e de Caicó convocam galera para concentrações antes do clássico

As torcidas do galo do seridó e da raposa farão a maior festa antes do início do clássico deste domingo (29). Ao todo cada equipe possui duas grandes torcidas organizadas, que estarão em alguns pontos da cidade, reunidas para fazer o tradicional esquenta. As torcidas TUTA (Terror Alvinegro) e Dragões Alvinegros do Corintians, estarão a partir das 10h da matina na sede social do clube onde acontecerá o esquenta galo. A concentração será animada pelo pagode Yury e Banda do Povão e seguirá até aproximadamente às 14h30 quando os torcedores sairão em direção ao estádio Marizão. Pelo lado da raposa, as torcidas FOX e Torcida Jovem do Caicó (TJC) se concentrarão logo cêdo em frente ao bar de Chaguinha, no bairro Castelo Branco. De onde sairão em carreata para a Ilha de Santana onde acontecerá um grande pagodão. Próximo das 15h a galera vai sair para o jogo onde a festa será uma das maiores já vistas na cidade, é o que promete a turma do Caicó. Portanto você de torcida organizada ou não, compareça nas concentrações do seu clube e vá ao clássico. Lembrando sempre: Faça a festa sem agredir ninguém #RivaissimInimigosNunca
Fonte: Blog do Niltinho Ferreira

Clássico Potiba pode valer o G-4

Potiguar e Baraúnas se enfrentam neste domingo, às 17h, no estádio Leonardo Nogueira, pela quinta rodada do Campeonato Estadual com o pensamento voltado para uma única direção: a zona de classificação para a semifinal do primeiro turno. Ocupando a quinta posição com seis pontos, o alvirrubro entrará no G-4 - bloco das equipes que estariam classificadas - se vencer o clássico e o Santa Cruz, quarto colocado com sete pontos, tropeçar no Assu na outra partida da rodada. O Baraúnas aparece apenas na nona colocação, com quatro pontos, mas como a distância para os primeiros colocados é pequena, uma vitória aliada à combinação de resultados pode valer ao leão a zona boa do campeonato. No Potiguar, o objetivo é alcançar o G-4, mas o discurso mais predominante é o respeito e a dificuldade de superar um jogo clássico. O técnico Fábio Giuntini, que disputou muitos clássicos como atleta que foi, entende que é um jogo para o jogador colocar o coração no bico da chuteira. "Vale a determinação, a entrega, o espírito de luta. São fatores determinantes num clássico", disse o treinador, que ainda não sabe se poderá contar com o zagueiro Lúcio e o atacante Quirino, que se recuperam de lesão. Ambos farão teste no vestiário para saber se atuam. Se forem vetados, Igor Maranhão e Renan serão os seus substitutos. No Baraúnas, o técnico Francisco Diá também é do pensamento de que os detalhes é que decidem um clássico. "Garra, espírito de luta, qualidade técnica, são esses detalhes que decidem um clássico. Não dá para ter um favorito", comentou o treinador. Assim como no rival, o tricolor só define os 11 titulares somente hoje. Diá admitiu ter dúvida no esquema tático se mantém com três zagueiros e dois alas ou se desfaz para o 4-4-2 com a saída de um zagueiro e o reforço de mais um jogador de frente, que seria o avanço do ala Alberto para o ataque. A novidade é a volta do zagueiro Índio e a estreia do apoiador Léo Paraíba, que atuará improvisado na lateral-direita.
Exame e falta de acordo contribuem para o clima quente
Ingredientes não vão faltar para um clássico bastante movimentado neste domingo no Estádio Leonardo Nogueira. Além do ânimo natural de buscar uma vaga no G-4, o clima ficou tenso depois da decisão do Potiguar de pedir exame antidoping. O técnico do Baraúnas, Francisco Diá, reagiu, afirmando que "aqui ninguém toma isso e que eles vão gastar dinheiro à toa". O presidente do Potiguar, Benjamim Machado, afirmou que não vê problema algum devido o pedido de exame constar no regulamento e valer para todos. "Não vejo nada demais nem motivo para se explicar. Está no regulamento e as despesas serão pagas pela gente", disse o presidente. Nos bastidores, a falta de acordo entre as duas diretorias sobre a divisão da renda também contribuiu para o clima quente. Em vez de dividir a arrecadação como antigamente, agora quem vencer levará a maior parte (60%), o que poderá influenciar o desempenho dos atletas dentro de campo.
Fonte: Jornal de Fato

Momentos diferenciados antes do clássico.

http://www.nominuto.com/_resources/files/_modules/news/news_54317_20100607122627f5d8.jpg
É o que vive os torcedores do ABC e do América/RN.    De um lado está uma torcida que promete invadir o frasqueirão e buscar todo incentivo para o alvinegro, já o torcedor americano sabe que terá um bom espaço para ficar e torcer pelo rubro. De um lado está o treinador Leandro Campos que ainda não perdeu nenhum clássico rei e quer manter a liderança da competição, um treinador que tem problemas na definição de seu time, que sempre deixa claro bem antes o time que vai pro jogo mas que está sendo impedido devido contusões de jogadores. Do outro lado está o treinador rubro Flávio Araujo que vive momentos não muito bom com seu time vez que vem de duas derrotas seguidas na competição. Como existe um ditado que diz onde time grande não perde 3 jogos seguidos, a expectativa dos torcedor americanos é que o time volte a mostrar qualidade e consiga vencer o clássico. Se o ABC quer tudo e o América promete mudar o quadro, imagina a estreia no clássico do jovem Pablo Ramon Gonsalves, esse é só expectativa devido a grande responsabilidade. Mas, ele sabe que tem potencial e condições de administrar o mais arduo duelo entre rivais.
Fonte: Blog do Chico Inácio

Camaleão contrata novo atacante

O Assu anunciou ontem a contratação de mais um atacante para a disputa do Campeonato Estadual. Trata-se de Vitor Hugo(Foto), atleta de 19 anos, que pertence ao Noroeste-SP e chega ao Camaleão do Vale por empréstimo. Vitor Hugo é uma das principais promessas do time do interior paulista e trabalhou com o técnico Ademilson Venâncio na equipe até o final do ano passado. Vitor, que vem por indicação direta do treinador do time assuense, foi contratado para preencher a vaga do atacante Gilmar, que fraturou o maxilar e ainda não sabe quando retornará aos gramados.

Fonte: Diário de Natal

Alecrim dispensa e contrata para sair da lanterna

A derrota para o Potiguar e a consequente queda para lanterna do primeiro turno, motivou algumas mudanças na equipe do Alecrim. O clube anunciou ontem as contratações do lateral-esquerda Nego, que retorna ao clube, e do goleiro Renato, que chega com a missão de dar mais experiência ao setor defensivo da equipe. O treinador Carlos Gutemberg também anunciou que o atacante Sidney será titular no confronto de amanhã, contra o Palmeira, em Goianinha. A diretoria também decidiu rescindir o contrato do goleiro Fred, por indisciplina e de mais três atletas por deficiência técnica: Osmani, Manoel e Washington. 

Fonte: Tribuna do Norte

Ataque indefinido no América

OAmérica realizou ontem seu coletivo apronto para o jogo de amanhã contra o ABC no Frasqueirão, primeiro Clássico-Rei de 2012. O técnico Flávio Araújo iniciou o treinamento com o mesmo time que começou o jogo do meio de semana contra o Corintians, em Caicó, quando o Dragão foi derrotado por 1 a 0. Na segunda parte do coletivo, que durou aproximadamente uma hora, o treinador sacou Isac e promoveu a entrada de Soares, contratado como esperança de gols do time alvirrubro para este Estadual. Sem confirmar qual dos dois será titular, Flávio Araújo deve confirmar o time apenas poucos minutos antes do início do jogo contra o ABC.

Soares deve ficar como opção para o segundo tempo do clássico. Foto: Ana Amaral/DN/D.A Press
"Vamos ver qual vai ser a preferência do treinador", disse Soares. O mais recente reforço do time americano estreou com a camisa rubra na última quarta-feira no Marizão e gostou de seu desempenho. "Acho que foi uma boa estreia, apesar de agente não ter vencido o jogo, porque deu para sentir bem a movimentação, mas agora é pensar nesse jogo de domingo", comentou. O jogador participou ontem de um trabalho de finalizações - realizado após o coletivo - comandado pelo técnico Flávio Araújo. Depois, no final da tarde, os jogadores americanos entraram em regime de concentração para o clássico no Centro de Treinamento do clube, em Parnamirim. Para hoje o treinador do Dragão programou um treino recreativo novamente no Centro de Treinamento Abílio Medeiros, em Parnamirim, e após os trabalhos os jogadores retornarão à concentração, onde permanecerão até a partida contra o ABC, no Frasqueirão.
Relacionadoso técnico Flávio Araújo relacionou 20 jogadores. As novidades são as voltas do meia André Beleza e do atacante Leandro Guerreiro. Confira a lista: Fabiano e Dida (goleiros), Zé Antônio, Mauro e Edson Rocha (zagueiros); Ferreira e Carlinhos (laterais); Nata, Márcio Passos, Fabinho, Ricardo Baiano e Ricardo Oliveira (volantes); Jairo, Júnior Xuxa, André Beleza e Wanderson (meias) e Isac, Wanderley, Soares e Leandro Guerreiro (atacantes).
Fonte: Diário de Natal

Jérson vira dúvida para o clássico

Quando tudo parecia estar decidido no time do ABC, o técnico Leandro Campos teve uma  surpresa negativa no último coletivo antes do clássico de amanhã, contra o América. O meio campo Jérson, artilheiro com três gols e destaque absoluto do time na competição, sentiu uma lesão na virilha esquerda e virou dúvida para o confronto desse domingo. Sem um substituto imediato, o comandante alvinegro optou pela entrada do lateral esquerdo Berg no meio campo. Mas, pela tranquilidade de Campos ao falar da lesão do seu camisa 8, ele não deve ser desfalque para a partida contra o alvirrubro.
Rodrigo SenaJérson, meio-campo do ABC, sentiu uma contusão no coletivo 
Jérson, meio-campo do ABC, sentiu uma contusão no coletivo
"O Jérson teve uma participação efetiva em todas as partidas da competição. Mas, o problema é que ele não é um jogador de grande poder físico e sim técnico. Ele sentiu um pouco e vamos aguardar até amanhã (hoje), para tomar alguma decisão. Mas, de antemão, não acredito que essa dor que o Jérson esteja sentindo, seja o suficiente para tirar o jogador do clássico", revelou Campos. O zagueiro Flávio Boaventura foi poupado do treinado de ontem, já que está se recuperando de uma lesão no tornozelo e ainda não sabe se vai para o clássico ou não. Caso seja vetado pelo departamento médico, Leandro Cardoso entra no seu lugar, para formar a dupla de zaga com Eduardo. A dúvida sobre quem vai ocupar a vaga deixada por Eliélton, suspenso pelo terceiro cartão amarelo só deve ser dissipada momentos antes do jogo contra o América. Mas, é provável que o volante Luis Ricardo faça sua estreia com a camisa do ABC. "Tive uma conversa tanto com o Luis Ricardo, quanto com o Carlinhos Santos, que ainda precisa melhorar um pouco na parte física. E, pelo desenvolvimento do coletivo, não devo mudar o time", afirmou o comandante alvinegro. No coletivo, ele utilizou, durante todo o treinamento, o volante Luis Ricardo, o que deixou claro pela opção do treinador. O atacante Adriano Pardal, foi regularizado junto à Confederação Brasileira de Futebol e vai ficar como opção para o segundo tempo.
Fonte: Tribuna do Norte

Potiguar pede antidoping; técnico do Baraúnas reage

O clima esquentou para o clássico Potiba deste domingo. A direção do Potiguar encaminhou ontem à Federação um pedido de exame antidoping para a partida, que será válida pela quinta rodada do primeiro turno do Campeonato Estadual. A atitude não foi bem ingerida pelo técnico do Baraúnas, Francisco Diá. O presidente alvirrubro, Benjamim Machado, disse que não vê problema algum em solicitar um direito que consta no regulamento do campeonato e que vale para todos.  "É normal. Está no regulamento. Todas as despesas referentes ao exame serão de nossa responsabilidade. Um jogo desta importância exige todas as providências no sentido de termos uma partida limpa", comentou Benjamim. No primeiro momento, o técnico baraunense Francisco Diá se mostrou tranquilo quanto à atitude do rival de pedir o exame para o clássico. "É um direito que assiste a eles", disse o treinador.  Mas, depois Diá considerou uma decisão antipática e desrespeitosa. "Mesmo assim, acho uma falta de respeito ao nosso preparador físico (Edson Barros), aos atletas e à instituição Baraúnas", reagiu.  Segundo ele, o bom condicionamento físico apresentado pelo Baraúnas nos jogos, sendo resultado de uma boa pré-temporada, incomoda o Potiguar. "Se a gente está bem fisicamente é porque fizemos uma boa pré-temporada. Aqui, ninguém usa isso (doping). Vão gastar dinheiro em vão", argumentou o técnico lembrando que o pedido de exame sempre foi uma prática do Potiguar de há muito tempo. "Aqui sempre tem isso, mas nunca o Baraúnas foi pego", lembrou Diá afirmando ainda que doping não ganha jogo. "Se doping ganhasse jogo, o time da penitenciária seria campeão".  Outro assunto fora das quatro linhas causou um mal-estar entre os clubes. Nos últimos anos, as diretorias sentavam e decidiam pela divisão de renda, mas agora esse acordo não foi possível. Sendo assim, o vencedor levará a maior parte da arrecadação líquida, 60%, o perdedor ficará com 40% e 50% em caso de empate. É nesse clima que Baraúnas e Potiguar vão a campo amanhã em jogo que poderá permitir ao vencedor um lugar no bloco das equipes que estariam classificadas à semifinal e ao derrotado, um certo distanciamento na referida zona de classificação.
Lúcio e Quirino são dúvidas no Potiguar
No Potiguar, o zagueiro Lúcio e o atacante Quirino são dúvidas para o clássico deste domingo contra o Baraúnas. Os dois alegaram contusão depois da partida contra o Alecrim e estão em tratamento intensivo. Segundo o massagista Bentivi, os atletas serão reavaliados e somente amanhã irá decidir o aproveitamento ou não de ambos na partida.
Lúcio sentiu o músculo adutor da coxa e foi substituído durante o jogo com o Alecrim. Quirino ficou o tempo todo, mas reclamou de dores também na coxa.  Outros jogadores reclamaram de lesão, mas não são problema para o clássico. É o caso do apoiador Robson e o atacante Juninho Potiguar. O primeiro sentiu o tornozelo e o segundo levou uma pancada acima do joelho por ocasião da partida de quinta-feira, mas nada grave. Bentivi informou que Lúcio e Quirino dificilmente participam do treinamento deste sábado, pois o objetivo é intensificar o tratamento e dá repouso total para tentar recuperá-los até o clássico. Com isso, os zagueiros Igor Maranhão e Índio e os atacantes Renan e Diego, por serem opções, ficam de sobreaviso caso os titulares sejam vetados. O treinamento de apronto do Potiguar acontece na manhã deste sábado, mas até ontem o local era indefinido.
Baraúnas tem dúvida no esquema tático
O Baraúnas também não está com o time definido para o clássico de amanhã. O técnico Francisco Diá preferiu fazer o mistério, afirmando ter dúvida no esquema tático se mantém o 3-5-2, com três zagueiros, ou desfaz para o tradicional 4-4-2, com apenas dois zagueiros. "Posso entrar com o lateral esquerdo Paulo Geovane e adiantar Alberto para o ataque, tirando um dos três zagueiros e entrando no 4-4-2. Ou manter o que vem sendo feito, o 3-5-2 com três zagueiros e dois alas. Tenho essa dúvida", informou Diá. Certo mesmo é a volta do zagueiro Índio, que estava cumprindo suspensão automática, e a estreia do apoiador Léo Paraíba que deverá entrar improvisado na lateral ou ala direita. A regularização de jogo de Léo chegou ontem. O técnico baraunense admitiu que queria contar com o atacante Fabinho Cambalhota, pelo menos para o banco de reservas, mas até às 19h de ontem a documentação do atleta dependia da transferência internacional.
Fonte: Jornal de Fato

União Esporte Clube vence Torneio Voleybol de Férias 2012

O União Esporte Clube, categoria amador de Assu, tem se destacado nos últimos anos no Torneio Voleybol de Férias, realizado há 12 anos pelo desportista Talleyran. O Clube participou nas modalidades voleybol masculino e feminino. Segundo George Dantas, ex-presidente do União e coordenador da equipe masculina de voleybol,  o Clube venceu 8 anos das 12 edições do Torneio de Férias, confirmando ano a ano seu favoritismo. Na noite desta sexta-feira (27), a equipe masculina ganhou o Torneio de Férias de 3 sets a 0 para a equipe de Alto do Rodrigues, no Ginásio Dr. Arnóbio Abreu. Acompanhe imagens da final desta sexta-feira!





Saiba mais sobre o UNIÃO ESPORTE CLUBE em suas páginas nas redes sociais:
Facebook: https://www.facebook.com/uniaoesportern
Twitter: @uniaoesportern
Fonte e Imagens: Blog de Mirley Araújo

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Federação não aceita pedido e clássico Caicoense será às 16h


Apesar do pedido da diretoria do Caicó Esporte a FNF acabou não deferindo e o clássico entre a raposa e o galo seridoense será mesmo às 16h. O Caicó queria a mudança para às 17h, em virtude da concorrência com o futebol da TV e também por ser um horário de clima mais ameno, porém não foi possível.
Confirmando portanto Caicó x Corintians, domingo 29/01/2012 - 16h, no estádio Marizão!!
Fonte: Blog do Niltinho Ferreira

Interior garante sobrevivência do futsal do RN

Cruzeiro campeão do Assu Open de Futsal disputará a Taça Brasil 2012
O futsal potiguar sobrevive hoje graças ao interior do RN. Essa é uma triste realidade lamentada pelo presidente da Federação Norte-rio-grandense da modalidade, Clóvis Gomes:  “Infelizmente, os clubes da capital não querem mais investir no futsal, apesar do esforço e abnegação de algumas pessoas como Artuzinho, no América. Por outro lado, Clóvis comemora o investimento de equipes do interior:  “O interior gosta do futsal e lota os ginásios. É uma festa. Graças ao interior do Estado, o futsal do Rio Grande do Norte não fechou as portas”. O vice-campeonato do Nordeste conquistado pelo do Cruzeiro de Assu é uma prova da evolução do futsal no interior potiguar. Com o fortalecimento do futsal no interior e chegada de novos investidores e parceiros, como a Intertv Cabugi, que realizará junto com a FNFs, a Taça RN 2012, Clóvis espera que os tradicionais clubes da capital como ABC, América e AABB possam voltar à ativa. A AABB conta, hoje em dia, apenas com times nas categorias de base. O futsal adulto não existe mais. Mesma situação de ABC e América, que sempre dependem ou dependiam de uma pessoa para ativar o departamento de futsal. No Alvinegro, o “último herói” foi o jornalista Rubens Lemos Filho, com apoio da agência de publicidade Art&C; no Alvirrubro, Artuzinho.
Informações George Fernandes/Blog Marcos Lopes

Volante Barata aguarda por regularização

Apresentado nesta semana como reforço do Santa Cruz para o Estadual, o volante Barata(Foto) aprimora a parte física e aguarda pela sua regularização.  O jogador vive a expectativa de ficar, já na partida contra o ASSU, a disposição do técnico Wassil Mendes. Nos últimos dias o jogador participou de atividades físicas, sempre acompanhado do preparador físico do clube, Bruno Araújo. O atleta não encontra-se com 100% de sua forma física, mas, está disposto ajudar o time já neste final de semana, sobretudo, após o treinador perder vários atletas por questão de ordem médica. A diretoria trabalha para viabilizar todas as questões relacionadas a inscrição do atleta e espera que seu nome seja divulgado no Boletim Informativo Diário (BID), até às 18h desta sexta-feira, dia 27.
Fonte: Site do Clube

Parcialmente interditado, Nogueirão apresenta novos problemas

nogueirao_2Além do fato do estádio Nogueirão estar parcialmente interditado, dois outros problemas chamam a atenção e um deles pode inclusive provocar o afastamento do policiamento às vésperas do clássico Potiguar e Baraúnas. O segundo caso leva risco aos jogadores, podendo provocar um acidente grave nos jogos. Desde a primeira rodada do Campeonato Estadual, um serviço inacabado na entrada principal do estádio deixou exposta uma grande quantidade de paralelepípedos. Nas proximidades de um estádio de futebol isso é um grande problema e a polícia já percebeu isso. Se até domingo essas pedras não forem retiradas existe a possibilidade da polícia não ser destacada para trabalhar no estádio. "Se acontecer uma briga e alguém for gravemente ferido com uma dessas pedras, vão culpar a polícia pela falta de segurança", externou o capitão Rabelo, um dos oficiais responsáveis por esse serviço. Ele mostra-se preocupado desde o primeiro jogo quando passou a cobrar uma providência por parte da administração do estádio para que procurem os responsáveis pela obra.  Na última quarta-feira, durante o jogo do Baraúnas, administradores da Liga Desportiva Mossoroense (LDM) comunicaram que providências seriam tomadas no dia seguinte para a retirada das pedras, e o local estaria limpo até o próximo domingo, dia do clássico. Mesmo a obra não sendo da LDM, a entidade foi cobrada e buscou uma solução para o problema junto à empresa responsável pelo serviço.
Placas de publicidade podem até ferir alguém
Outro problema acontece no interior do estádio. A exemplo das pedras, o registro do repórter fotográfico Luciano Lellys também flagrou perigo iminente às margens do campo de jogo. Por trás da trave, do lado do placar e na lateral que fica próxima ao setor interditado das arquibancadas. Duas placas de publicidade, contrariando a orientação de se utilizar materiais mais flexíveis, estão fixas e feitas de madeira. Pela situação, fica claro que as duas foram chumbadas no local, ou seja, se algum jogador sair de campo em velocidade e se chocar com uma das duas placas o impacto será violento e o atleta pode se machucar de forma grave. No estádio, diretores da Liga Desportiva Mossoroense (LDM) informaram que as placas são de publicidades vendidas pela Federação Norte-rio-grandense de Futebol (FNF). Porém, não souberam informar se a Liga tomou alguma providência no sentido de que a FNF possa utilizar outro material. Enquanto isso, o risco segue a cada partida disputada no Nogueirão.
Fonte: O Mossoroense

ASSU encara o Santa Cruz no domingo



Técnico promete muita determinação da equipe, para conquistar os pontos em casa
O ASSU enfrenta o Santa Cruz neste domingo (27), às 17h, no estádio Edgarzão em partida válida pela quinta rodada do Campeonato Potiguar. Os dois times estão com seis pontos, por isso, é um duelo fundamental para o objetivo de ambas equipes na competição. O técnico Ademilson Venâncio(Foto) destaca a importância desse duelo e promete uma postura ofensiva para o ASSU prevalecer o mando de campo. "Vamos buscar um ritmo agressivo, temos que fazer valer o mando de campo nosso. Será muito importante conquistar uma vitória, sobretudo, em um campeonato equilibrado como está o Campeonato Potiguar", declarou o treinador. Segundo o técnico Ademilson Venâncio, tanto essa partida contra o Santa Cruz, como o duelo posterior contra o Caicó, serão fundamentais e decisivas para as pretensões do ASSU, já que serão dois confrontos em casa. "Temos que vencer esses dois jogos, para buscar nossos objetivos. Será difícil, mas vamos batalhar muito para conseguir esse objetivo", destacou Ademilson.
Vitor Hugo reforça o ASSU
O ASSU anunciou a contratação de mais um atleta para a disputa do Campeonato Estadual. Trata-se do atacante Vitor Hugo, atleta de 19 anos, que pertence ao Noroeste-SP e chega ao Camaleão do Vale por empréstimo. Vitor Hugo é uma das principais promessas do Noroeste e trabalhava com o técnico Ademilson Venâncio na equipe, até o final do ano passado. Por isso, ele chega com total aval do treinador.
Vitor foi contratado para preencher a vaga do atacante Gilmar, que fraturou o maxilar e ainda não sabe quando retornará aos gramados.

Carlos G. Jr.

Leandro Campos tem dúvidas para definir ABC

O dia depois da vitória do ABC sobre o Santa Cruz, que valeu a liderança da competição para o alvinegro, foi de aparente tranquilidade no centro de treinamento abecedista. Os titulares foram poupados da movimentação, fazendo apenas trabalho na academia, enquanto aqueles que participaram apenas de meio tempo contra a equipe do interior e os que não jogaram, foram ao campo participar de uma atividade com o técnico Leandro Campos(Foto). Entre eles, o novo atacante do clube, Adriano Pardal, que por decisão do ABC, vai ser chamado apenas pelo primeiro nome, deixando o apelido de lado. Para o novo contratado, que ainda espera regularização para saber se vai participar do clássico de domingo, contra o América, a vontade de jogar é maior do que a falta de ritmo de jogo. "Clássico é o tipo de partida que todo jogador quer participar e eu não sou diferente. Mas, tudo vai depender da minha documentação. Se não der para participar, os torcedores podem ter certeza de que vou me esforçar ao máximo para ajudar o clube no decorrer do campeonato", afirmou Adriano. Se a participação do novo atacante ainda é dúvida, o técnico Leandro Campos tem certeza de que não vai poder contar com o volante Eliélton, que recebeu o terceiro cartão amarelo e está fora do clássico. Mas, outra dúvida surgiu na cabeça do comandante: quem colocar no lugar do jogador suspenso? "O Carlinhos Santos seria o titular, caso estivesse bem fisicamente, mas o jogador ainda precisa se aprimorar. Com isso, o Luís Ricardo pode ganhar uma oportunidade no meio campo, ao lado de Bileu", disse Campos. Outra dúvida do treinador abecedista está em o aproveitamento do zagueiro Flávio Boaventura. O jogador deixou o campo sentindo uma torção no tornozelo esquerdo e deve fazer um exame ainda hoje. Caso seja vetado pelo departamento médico do clube, Leandro Cardoso, entra, mais uma vez, para fazer dupla com Eduardo. Aliás, o setor defensivo do time vem sendo a dor de cabeça de Leandro Campos. Nos quatro jogos realizados até agora pelo campeonato potiguar, o ABC sofreu gols em todos, o que vem preocupando o treinador. "Desde que cheguei aqui, acho que não teve nenhum momento em que o time levou gols em quatro partidas seguidas. Ainda faltam alguns ajustes que precisam ser feitos, e estamos trabalhando para que isso não venha mais se repetir", afirmou. A Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol definiu o nome do árbitro Pablo Ramon como o encarregado de comandar o clássico de domingo. Existia a possibilidade de o trio de arbitragem ser de fora do estado, mas, os clubes concordaram por um profissional potiguar.
Fonte: Tribuna do Norte

Flávio Araújo: prestígio inabalado?

Se treinador vive de resultado pode se presumir que Flávio Araújo está com o cargo ameaçado no América, afinal a equipe perdeu os seus dois últimos compromissos, despencou na tabela de classificação e o clima de cobrança por parte da torcida começa a aumentar. A diretoria para não deixar o ambiente pesado se instalar no CT de Parnamirim foi rápida, dmitiu que a onda de constantes trocas no comando da equipe encerrou e que Flávio tem a confiança da alta cúpula do clube para dar prosseguimento ao  trabalho dele. Porém ainda é cedo para se prever o que uma derrota no clássico de domingo poderia acarretar. A experiência mostra que, no futebol, em se tratando de treinadores, as palavras dos dirigentes costumam ser tão constantes quanto a direção do vento. 
Rodrigo SenaTreinador Flávio Araújo tem um início de Estadual semelhante ao do Brasileiro da Série C, em 2011, quando o time oscilou bastante 
Flávio Araújo tem um início de Estadual igual a Série C, em 2011, quando o time oscilou bastante

O vice-presidente de futebol Paulinho Freire reforçou que não há motivo para se pensar em trocar de treinador neste momento, uma vez que Flávio Araújo realizou um bom trabalho na série C e não pode ser desprezado apenas pelo fato de ter perdido duas partidas. "Flávio Araújo é um profissional correto, que mostrou bons serviços ao clube e os dois últimos resultados não complicam em nada a situação dele dentro do América", ressaltou o dirigente americano. Paulinho disse que não existe um único culpado pelos recentes insucessos, ele afirmou ainda que querer descontar tudo na conta do comandante da equipe também não seria justo neste momento. "Temos de reconhecer que apesar de iniciar com duas vitórias, nosso time ainda não está acertando. As derrotas foram de todo o grupo", frisou. Ciente do prestígio que goza junto da diretoria, na reapresentação do elenco ontem, Flávio Araújo falou da importância de uma recuperação no clássico. "Esse passou a ser um jogo vital para nosso time, muito importante mesmo porque a briga para chegar na fase semifinal está muito acirrada. Vamos ter de atuar com muita disposição, equilíbrio e demonstrar também tranquilidade em campo", afirma o técnico americano. Levando em consideração que a conquista do Campeonato Estadual é uma das prioridades traçadas pela atual diretoria e que a competição será seletiva para a disputa do Campeonato do Nordeste e da Copa do Brasil, em 2013, pode se imaginar o tamanho da pressão que está recaindo sobre o grupo alvirrubro neste momento, onde o retrato da competição, mostra o maior rival como líder isolado do turno, o recente algoz Coríntians, na segunda posição, com o América vindo a seguir empatado em número de pontos ganhos com Santa Cruz, ASSU Palmeira e Caicó, levando vantagem sobre esses adversários apenas nos quesitos de desempate. O regulamento do campeonato é mais um fator a pressionar. Se quiser o direito de ter o mando de campo na semifinal, que será disputada em jogo único, o América terá de terminar essa fase de classificação em primeiro ou em segundo lugar. Caso contrário a equipe terá de decidir sua sorte como visitante. Flávio Araújo não tem qualquer problema no elenco para o clássico, ele ainda não sinalizou com novas alterações na equipe. A expectativa é pelo aproveitamento de Soares no ataque, mas pelo que deixou escapar, a tendência é que o jogador fique como opção no banco de reservas, uma vez que fisicamente, ainda não está no mesmo patamar dos demais companheiros.
Fonte: Tribuna do Norte

Campeonato Estadual - Concluída 4ª Rodada

A quarta rodada do Campeonato Potiguar foi concluída nesta quinta feira (26) com o jogo realizado na cidade de Goianinha entre o Alecrim, de Natal, e o Potiguar, de Mossoró. O time do oeste levou a melhor, venceu por 3x1, Quirino, de pênalti, marcou o 3° gol. A rodada foi ruim para o América que além de perder para o Corintians, perdeu também a liderança que agora pertence ao ABC. Se a terceira rodada foi desastrosa para os dois times de Caicó, essa rodada foi ótima para os representantes do Seridó. O Galo venceu no Marizão e a Raposa derrotou o Baraúnas no Nogueirão. Confira o resultado dos cinco jogos, a classificação e os números do campeonato.

Quinta feira - 26/01:
Em Goianinha - Alecrim 1x3 Potiguar/M
Gols: Juninho Bahia, aos 19’1°T, André Borges, aos 12’2°T e Quirino, aos 43’2°T, de pênalti, (Potiguar); Miratan, aos 17’2°T (Alecrim).
Árbitro: Suelson Diógenes de França Medeiros.
Renda: R$ 1.100,00. Público pagante: 64.

Quarta feira – 25/01
Em Goianinha - Palmeira 1x0 ASSU 
Gol: Damião, aos 20' 1°T.
Renda: R$ 2.740,00 - Público pagante: 503

Em Mossoró - Baraúnas 0x1 Caicó 
Gol: Rafael, aos 39'2°T. 
Em Caicó - Corintians 1x0 América 
Gol: Felipe Espada, aos 47'2°T. 
No Fraqueirão - ABC 2x1Santa Cruz 
Gols: Jerson, aos 20'1°T (ABC), Zé Paulo, aos 23'1°T(Santa Cruz); Felipe Alves, aos 32'2°T (ABC)

CLASSIFICAÇÃO – 4ª RODADA

 Clube
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%A
8
4
2
2
0
10
4
6
66.7
7
4
2
1
1
4
3
1
58.3
6
4
2
0
2
8
3
5
50.0
6
4
2
0
2
7
3
4
50.0
6
4
2
0
2
5
5
0
50.0
6
4
2
0
2
4
5
-1
50.0
6
4
2
0
2
5
8
-3
50.0
6
4
2
0
2
4
9
-5
50.0
4
4
1
1
2
2
3
-1
33.3
10
3
4
1
0
3
6
12
-6
25.0
Os números do campeonato:
1ª Rodada: 17gols
2ª Rodada: 11 gols
3ª Rodada: 17 gols.
4ª Rodada: 10 gols.
Jogos realizados: 20
Gols marcados: 55
Média de gols por partida: 2,7
Placares registrados:
1x0 = Seis vezes.
3x1 = Quatro vezes
2x1 = Três vezes.
1x1 e 2x0 = Duas vezes
4x0, 5x0 e 6x1= Uma vez cada.
Melhor ataque: ABC, 10 gols.
Pior ataque: Baraúnas, marcou dois gols
Melhor saldo de gols: ABC F.C, 06 gols.
Melhor aproveitamento: ABC F.C, 66,7%.
Melhor defesa: Corintians, América, Baraúnas e Santa Cruz, sofreu apenas três gols.
Pior defesa: Alecrim, sofreu 12 gols.
Única equipe invicta: ABC F.C.
Time que mais perdeu: Alecrim, três derrotas.
Principais artilheiros:
1° - Jerson (ABC) e Júnior Xuxa (América), com 03 gols:
2° - Quirino (Potiguar/M), Wanderley (América), Zé Maria (Corintians) e Marcelo (Alecrim), cada um marcou 02 gols.
Fonte: Escrete de Ouro.