O ESPORTE DE ASSU E REGIÃO, OBRIGADO PELA VISITA

sábado, 18 de outubro de 2014

Luverdense supera pressão, vence fora e deixa ABC em situação ruim


Rubinho marcou o gol da vitória sobre o ABC (Foto: Augusto Gomes/GE.com)
ABC e Luverdense entraram em campo neste sábado separados por apenas dois pontos. Apesar da pressão do ataque abecedista no Frasqueirão, o Verdão do Norte foi mais eficiente e venceu por 1 a 0, com gol de falta marcado por Rubinho. O LEC abriu cinco pontos de vantagem sobre o adversário na tabela e se distanciou ainda mais da zona rebaixamento. O Luverdense abriu o placar em uma bela cobrança de falta do meia Rubinho, ainda no primeiro tempo. Mesmo com a vitória, o Verdão do Norte permanece na 12ª colocação, agora com 40 pontos. Por outro lado, o tropeço em casa do ABC faz o time perder uma posição na tabela, caindo para 15º, com 35 pontos, apenas cinco a mais do que o América-RN, o primeiro na zona de rebaixamento. Na próxima rodada, a 31ª da Série B do Brasileiro, o ABC enfrenta o Joinville, vice-líder da competição. A partida acontece na Arena Joinville. O Luverdense também joga fora de casa contra o Atlético-GO, no Serra Dourada. Os dois jogos serão na terça-feira, às 21h50.
O jogo
O ABC começou o jogo já na pressão para cima do Luverdense. O primeiro lance de perigo foi aos dois minutos, com a boa participação do lateral-direito Madson. O técnico Moacir Júnior apostou em dois meias de criação para tentar chegar a vitória e foram eles que protagonizaram o lance mais lamentado do jogo. Após boa jogada, Ronaldo Mendes foi derrubado na área. Pênalti para o Alvinegro. Xuxa foi para cobrança e bateu no meio do gol. Com os pés, Gabriel Leite defendeu. Foi o terceiro pênalti perdido pelo ABC nos últimos quatro jogos da Série B. O mesmo Xuxa ainda acertou a trave em uma cobrança de falta, mas foi do outro lado do campo que a rede balançou primeiro. O meia Rubinho cobrou falta com perfeição e acertou o ângulo do goleiro Andrey para fazer 1 a 0 para o Luverdense, aos 21 minutos. O LEC quase amplia com Misael e o ABC chegou perto do empate em chute de Rodrigo Silva, que saiu em cima do goleiro. Na segunda etapa, o Mais Querido voltou pressionando para tentar chegar ao empate, mas foi Misael quem apareceu primeiro, e muito. O atacante chegou várias vezes com perigo, mas não foi feliz nas finalizações. Os dois técnicos fizeram as três alterações, mas o resultado permaneceu o mesmo. Ruim para o ABC, que segue em situação delicada na tabela, a oito rodadas do final da competição.
por GloboEsporte.com

Bragantino bate América-RN, encerra jejum e se distancia do Z-4 da Série B


No duelo entre o pior time fora do Z-4 e a melhor equipe dentro dele, o clube de melhor pontuação faturou. O Bragantino venceu o América-RN por 2 a 1 na tarde deste sábado, no estádio Nabi Abi Chedid, pela 30ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Sandro e Mota marcaram para o Massa Bruta, enquanto Rodrigo Pimpão descontou para o Mecão. O confronto era direto pelo Z-4. Por isso, o Bragantino vai a 36 pontos, chega ao 14º lugar e abre seis pontos de vantagem justamente sobre o América-RN, que está mais distante de deixar a degola. O elenco potiguar está na 17º colocação, com 30 pontos. As duas equipes voltam a jogar na próxima terça-feira, às 19h30. O Mecão recebe o Vasco na Arena das Dunas. O Bragantino viaja até o Maranhão, onde encara o Sampaio Correa, no estádio do Castelão.
Muitas chances e cartões
Antes do jogo completar cinco minutos, cada equipe teve uma clara oportunidade de gol. Primeiro, Isaac acertou bela cabeçada para o América-RN, mas Matheus fez grande defesa. A bola ainda explodiu no travessão antes de ser afastada pela zaga. No minuto seguinte, a bola foi na área do Mecão, e Geandro subiu livre para marcar o gol. A arbitragem, no entanto, anulou de forma errada o gol, já que o volante estava em posição legal.
Sandro comemora gol do Bragantino contra o América-RN (Foto: Fabio Moraes / Agência estado) 
Sandro comemora gol do Bragantino contra o América-RN
(Foto: Fabio Moraes / Agência estado)
O ritmo do jogo não caiu no restante da primeira etapa, e quem tirou vantagem foi o Massa Bruta, que passou a ter um jogador a mais com a expulsão de Walber. O lateral-direito recebeu dois cartões amarelos por duas faltas duras em um intervalo de cinco minutos. Na partida, foram oito cartões amarelos aplicados. Com vantagem numérica, o Braga foi ao ataque e teve um pênalti a favor aos 33 minutos, quando Lázaro desviou cabeçada de Mota com a mão. Sandro cobrou com classe para marcar seu quinto gol na Série B e definir o placar na primeira etapa. A segunda etapa começou mais morna que os primeiros 45 minutos. Com a vantagem no placar, o Bragantino segurou a posse e conseguiu neutralizar o ataque do Mecão, que sentia por ter um jogador a menos em campo. Quando ia ao ataque, o Massa Bruta criava melhores chances que o rival. Se aos 15 minutos, Andrei fez grande defesa em chute de Magno Cruz, aos 23, o arqueiro do América nada pôde fazer quando Luisinho fez cruzamento certeiro para Mota, que só teve o trabalho de rolar para o gol. No finzinho, o América ainda deu esperanças a seu torcedor, quando Rodrigo Pimpão se antecipou à defesa do Braga e diminuiu o placar. Mas a reação parou por aí. No final, 2 a 1 para o Massa Bruta.
Por Bragança Paulista, SP

Ainda em risco, ABC e Luverdense fazem confronto direto em Natal

Após a eliminação na Copa do Brasil, o ABC vira a página e volta suas atenções para a Série B do Campeonato Brasileiro. Na 14ª posição na tabela, com 35 pontos, o time de Natal tem um confronto direto com o Luverdense neste sábado. Dois pontos à frente na tabela, o LEC chega sob o comando do gerente de futebol Maico Gaúcho, após a demissão de Júnior Rocha. Na zona intermediária da tabela, as duas equipes vivem um momento que não se pode chamar de confortável e lutam para alcançar a meta de 46 pontos, o que garantiria a permanência na Segundona. A partida é válida pela 30ª rodada e acontece no Estádio Frasqueirão, às 21h. O ABC retoma o foco para a Série B após histórica participação na Copa do Brasil. Mesmo com a eliminação, o técnico Moacir Júnior garante que a vitória sobre o líder da Série A do Brasileirão servirá de motivação para o Alvinegro na Série B. Para ele, é hora de voltar à realidade e se concentrar nas nove rodadas que restam na competição, usando o mesmo empenho visto diante do Cruzeiro. A má fase no returno da Série B do Brasileiro teve reflexos no Luverdense. A diretoria demitiu o treinador Júnior Rocha e sua comissão técnica, mas ainda não encontrou nenhum substituto. Com isso, o gerente de futebol Maico Gaúcho vai para a beira do campo comandar o time neste sábado. Com experiência de já ter treinado a equipe sub-19 na Copa São Paulo de Futebol Júnior 2014, Maico usa como trunfo o fato de conhecer bem o elenco, já que ocupa o cargo de gerente desde o começo do ano. O trio de arbitragem será cearense. O árbitro Francisco de Assis Almeida Filho comanda a partida, auxiliado por Marcos da Silva Brígido e Arnaldo Rodrigues de Souza. O Premiere transmite a partida e o GloboEsporte.com acompanha em Tempo Real, com vídeos exclusivos. 

Por Natal

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

ABC 3 x 2 Cruzeiro - Melhores Momentos e Gols do jogo - Copa do Brasil 2...

Com "velhos" conhecidos, time do RN sonha com vaga na elite profissional


Wassil Mendes, técnico do Alecrim (Foto: Gabriel Peres/Divulgação)Wassil Mendes assume o comando técnico do Currais Novos (Foto: Gabriel Peres)

Um dos três participantes da segunda divisão do Campeonato Potiguar, o Currais Novos já anunciou o técnico e três jogadores para a competição. Quem vai comandar o Azulão do Seridó é o experiente Wassil Mendes, ex-técnico do Alecrim, Santa Cruz-RN e Baraúnas. Outro reforço na comissão técnica é o preparador físico Jean Robson, que estava no Globo FC. Para o time, a diretoria anunciou a contratação de três jogadores. O jovem atacante Ailson e dois velhos conhecidos do futebol potiguar, o atacante Quirino, de 35 anos, que disputou o estadual deste ano pelo Alecrim, além de ter jogado pelo Santa Cruz-RN, Potiguar de Mossoró e Potyguar de Currais Novos; e o zagueiro Everaldo, de 37 anos, que já vestiu as camisas dos três clubes mossoroenses - Potiguar, Baraúnas e Mossoró Esporte Clube. Terceiro colocado da segunda divisão em 2013, o Currais Novos quer o inédito acesso. Para tanto, contratou o técnico Carlos Gutemberg, com passagens por Alecrim e Palmeira de Goianinha, para coordenar o departamento de futebol do clube. O Currais Novos está realizando uma pré-temporada em Natal, com treinos no campo do bairro Dix-Sept Rosado, na zona Oeste da cidade. Segundo Berguinho, o clube está em fase de estruturação e vai contar com jogadores já conhecidos no estado.
Quirino, atacante do Currais Novos (Foto: Gabriel Peres/Divulgação) 
Quirino vestiu a camisa do Currais Novos na 2ª divisão
do estadual em 2013 (Foto: Gabriel Peres/Divulgação)
Contratamos alguns atletas que já defenderam outras equipes do estado, como o goleiro Renato, que jogou pelo Alecrim, o zagueiro Cleiton, ex-Corintians-RN e Alecrim, o volante Jonathan, ex-Baraúnas, e o meia Paulinho, que é um velho conhecido nosso e estava no Bragantino - conta o dirigente. Para reforçar ainda mais o planejamento da equipe na competição, o Currais Novos fechou uma parceria com o Alecrim. Tivemos um acerto com os dirigentes do Alecrim e vamos utilizar alguns jogadores do Alviverde. É mais um reforço para que o Currais Novos chegue ao grupo principal do Campeonato Potiguar - almeja.
Regulamento da 2ª divisão do estadual
Assim como em 2013, o campeonato deste ano terá a participação de três clubes: Força e Luz, Currais Novos e Atlético Potiguar. Segundo a federação Norte-rio-grandense de Futebol, o regulamento prevê a disputa por pontos corridos, com jogos de ida e volta. Um acordo entre FNF, os clubes participantes e o Globo FC, atual vice-campeão da primeira divisão do estadual, permitirá que todas as partidas sejam disputadas no Estádio Barretão, na cidade de Ceará-Mirim, na região metropolitana de Natal. Sobre o regulamento, com data para o dia 29 de outubro, Carlos Gutemberg acredita que o Currais Novos pode conquistar o acesso à elite do futebol potiguar e deve ter uma briga direta contra o Força e Luz, formado por jogadores do Globo FC. Vamos trabalhar com força para conquistar o título. Eles (Força e Luz) levam a vantagem por jogarem com os jogadores do Globo FC e estarão em casa. Será mais um desafio para ultrapassarmos - finaliza.
Confira os jogos:
1ª Rodada – 29 de outubro às 20h – Força e Luz x Currais Novos
2ª Rodada – 1º de novembro às 16h – Currais Novos x Atlético Potiguar
3ª Rodada – 9 de novembro às 16h – Atlético Potiguar x Força e Luz
4ª Rodada – 16 de novembro às16h – Currais Novos x Força e Luz
5ª Rodada – 23 de novembro às 16h – Atlético Potiguar x Currais Novos
6ª Rodada – 30 de novembro às 16h – Força e Luz x Atlético Potiguar
Por Natal

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

"Temos nove jogos para buscar o máximo de pontos", diz lateral do ABC


Michel Benhami - volante do ABC (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)De fora contra o Cruzeiro, Michel Benhami está de volta ao ABC(Foto: Augusto Gomes)

Restando nove rodadas para o fim da Série B do Campeonato Brasileiro, os clubes que estão na parte debaixo da tabela começam a fazer contas para planejar a permanência, ou não, na competição de 2015. Com cinco pontos acima da zona do rebaixamento, o ABC ocupa atualmente a 14ª colocação, com 35 pontos. Neste sábado, o Mais Querido recebe o Luverdense, no Estádio Frasqueirão, às 21h e quer manter a boa fase jogando em casa. Para o lateral-esquerdo Michel Benhami, que volta ao time titular, o momento para o ABC é de concentração e o time precisa pontuar no máximo de partidas, sendo em Natal ou atuando fora de casa. Para garantir a vaga na Segundona do próximo ano, o time abecedista precisa atingir os 45 pontos.  Bom, nós tentamos não perder em casa. Estamos jogando em casa e tendo um bom retrospecto, por isso precisamos manter essa situação de vencer em casa e conseguir beliscar os pontos fora, já que estamos com boas oportunidades, mas estamos deixar escapar no finalzinho. Precisamos manter esse foco de vencer o máximo possível em casa e trazer pontos nos jogos fora. Temos nove jogos para vencer o maior número possível de partidas e conquistarmos o máximo de pontos - planeja o jogador. A inspiração para a vitória sobre o Luverdense pode vir do duelo contra o Cruzeiro, nesta quarta-feira, pela fase de quarta de final da Copa do Brasil. Perdendo de 2 a 0 no primeiro tempo, o Alvinegro conseguiu uma impressionante virada e venceu por 3 a 2, mas acabou eliminado da competição por ter perdido o primeiro jogo, em Belo Horizonte, por 1 a 0. Mesmo não tendo enfrentado a Raposa, Michel garante que o grupo ficou mais forte depois da última partida.  O jogo contra o Cruzeiro nos deixou um aprendizado muito grande e o time provou, em 45 minutos, a qualidade que os jogadores possuem, que é muito forte. Viramos o jogo para 3 a 2 e tivemos chances de classificação. Acabou deixando essa garra e essa força para continuarmos no campeonato. Onde nós estamos na tabela não é o lugar em que deveríamos estar - analisa.
Ataque alviverde: perigo para o ABC
Misael fez dois gols na vitória diante do ABC (Foto: Assessoria/Luverdense)Misael fez dois gols na vitória diante do ABC, em Mato Grosso (Foto: Assessoria/Luverdense)
No primeiro confronto entre as equipes nesta Série B, o Verdão venceu por 3 a 1, com destaque para o atacante Misael, que marcou dois gols. Para o confronto deste sábado, o lateral-esquerdo do ABC pede atenção ao time para a experiente dupla de ataque do time matogrossense, que tem ainda a presença de Reinaldo. Nós jogamos contra eles (Luverdense) no Mato Grosso e eles tem dois atacantes que se posicionam de forma perigosa, tendo um pela beirada (Misael) e outro que joga bem centralizado (Reinaldo). Mas nós estaremos jogando em casa e precisamos deixá-los presos no campo de defesa para impormos o nosso futebol e marcarmos os gols - conclui.  O Luverdense vem de derrota para o Paraná por 2 a 0, no Estádio Passo da Emas e está na 12ª colocação, com 37 pontos, dois a mais que o ABC, em 15º lugar.
Por Natal

Nogueirão segue penhorado

Nova audiência entre Borracha e a LDM irá acontecer no dia 25 de novembro – Foto Alcivan Costa
Nova audiência entre Borracha e a LDM irá
acontecer no dia 25/11 – Foto Alcivan Costa

Ao que parece, o problema envolvendo a Liga Desportiva Mossoroense e o ex-funcionário Valderi Franco, mais conhecido como Borracha, está longe de acabar. Isto porque a versão de Borracha sobre a audiência de conciliação que aconteceu ontem, e a do Tribunal Regional do Trabalho da 21a  Região (TRT-RN), estão em conflito. Em contato com a reportagem na tarde de ontem, Borracha explicou que tinha entrado em acordo com o presidente da LDM, Francisco Braz, e que o valor da dívida (R$ 171 mil reais) seria pago com a venda do antigo terreno onde se localizava uma churrascaria. Por outro lado, a nota enviada à imprensa pelo TRT não diz o mesmo e afirma que o estádio segue penhorado. “Não recebi o dinheiro ainda porque Braz não tem nada comprovando que é presidente da liga. Mas, quando for daqui a 30 dias ele vai levar pro juiz para comprovar que é presidente da liga e aí recebo o dinheiro”, disse Borracha. Porém, no final da tarde de ontem, o Tribunal Regional de Trabalho (TRT) do Rio Grande do Norte emitiu uma nota à imprensa informando que Borracha não tinha aceitado o acordo e que, assim, o Nogueirão continua penhorado. Sendo assim, a versão de Borracha é conflitada com a do TRT. “O Estádio Leonardo Nogueira continuará penhorado pela Justiça do Trabalho, pelo menos, até o próximo dia 25 de novembro. Esse foi o resultado da audiência de conciliação presidida pelo juiz Vladimir Paes de Castro, nesta quarta-feira, 15, na 3ª Vara do Trabalho de Mossoró”, explicou a assessoria de imprensa do TRT. Ainda de acordo com a assessoria, a Liga ofereceu a Borracha o pagamento da dívida em 20 parcelas de R$ 5 mil reais, e mais 15 parcelas de R$ 7 mil reais. “O trabalhador não aceitou a proposta e apresentou uma contraproposta”, diz a nota. A reportagem entrou em contato com a assessoria do TRT, que informou que o advogado de Borracha, Fábio Moura, não tinha aceitado o acordo. “A nota à imprensa foi feita de acordo com a ata do que aconteceu na audiência. E aqui diz que o advogado de Valderi Franco não aceitou o acordo”. Na nota emitida a imprensa, consta que o Estádio Leonardo Nogueira continua penhorado pela Justiça do Trabalho pelo menos até o dia 25 de novembro, data em que será realizada outra audiência de conciliação entre o presidente da Liga, Francisco Braz, e o ex-funcionário da LDM, Valderi Franco.
Fonte: Gazeta do Oeste

Lázaro é confirmado contra Braga; Jean Cléber é convocado no Mecão


Lázaro - zagueiro do América-RN (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)Lázaro - zagueiro do América-RN (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)

Após a eliminação na Copa do Brasil, o América-RN volta as suas atenções para a Série B. Na briga para fugir da zona do rebaixamento, a equipe enfrenta neste sábado o Bragantino, no Estádio Nabi Abi Chedid, pela 30ª rodada da competição. O zagueiro Lázaro, que foi expulso contra o Flamengo, na noite de quarta-feira, poderá atuar normalmente. Segundo o vice-presidente jurídico do Mecão, Diogo Pignataro, o cumprimento da suspensão se dá apenas na mesma competição. Como o time foi eliminado da Copa do Brasil, a punição pode ser transferida para o Campeonato Brasileiro, mas só após o julgamento do Superior Tribunal de Justiça Desportiva. Ele (Lázaro) terá que cumprir a suspensão na mesma competição, no caso a Copa do Brasil. Para o próximo compromisso do América-RN, que é relativo à Série B do Campeonato Brasileiro, o jogador está liberado e pode integrar o elenco americano. No entanto, quando houver o julgamento do caso e, se existir uma punição ao atleta, ele deverá cumprir na competição subsequente promovida pela mesma entidade, a CBF - explicou. Com a liberação de Lázaro, o zagueiro Roberto Dias, que chegou a ser chamado pelo técnico Roberto Fernandes, fica em Natal. Apenas o volante Jean Cléber viajou para São Paulo para se integrar ao elenco rubro.
De volta ao time
O volante Márcio Passos e o meia Arthur Maia, que se recuperam de lesões musculares e ficaram no banco de reservas contra o Flamengo, na quarta-feira, podem voltar à equipe titular. Os jogadores fazem tratamento intensivo e serão reavaliados pelo departamento médico do América-RN antes de partida. A delegação do América-RN ficará concentrada na cidade de Atibaia. O jogo contra o Bragantino será em Bragança Paulista, no sábado, e é um confronto direto na luta contra a degola. O Mecão está na 17ª colocação, com 30 pontos, enquanto o Braga está uma posição acima, com 33 pontos. O duelo começa às 16h20.
Por Natal

"O sonho acabou de uma forma muito digna", lembra técnico do ABC


Moacir Júnior, técnico do ABC (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)Moacir Júnior comemora vitória, mas lamenta queda (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)

Foi por muito pouco. O ABC viveu um dia histórico nesta quarta-feira, venceu o atual campeão brasileiro, mas está fora da Copa do Brasil. A melhor campanha de um clube potiguar na competição foi encerrada com uma vitória por 3 a 2, de virada, sobre o Cruzeiro. Para o técnico Moacir Júnior, ficou a sensação de dever cumprido, embora tenha lamentado a falta de um "golzinho". O grupo teve que se reformular todo para esse jogo. Todos sabem os problemas que tivemos para formatar a equipe. Eu procurei valorizar aqueles jogadores que jogaram no Mineirão, que fizeram um ótimo jogo lá. Infelizmente, no primeiro tempo, a gente foi assolado por dois gols que não estavam nos nossos planos, e também pela contusão do João Paulo - comentou. O comandante alvinegro fez questão de destacar a participação da torcida - a Arena das Dunas recebeu mais de 20 mil espectadores, além, claro, da entrega dos jogadores. O sonho acabou, mas acabou de uma forma muito digna. O torcedor que veio aqui pôde comemorar uma vitória sobre o campeão brasileiro. Infelizmente, por ter faltado um gol na casa do adversário ou um detalhe, a gente não conseguiu. Saímos de pé, com o nome do ABC dignificado a nível nacional. Eu também queria exaltar o torcedor. Hoje (quarta-feira) pude conhecer a força do torcedor do ABC. Foi maravilhosa a participação da torcida. E, logicamente, exaltar os jogadores, com aquilo que foi feito por eles. A cobrança no intervalo foi bem absorvida, e a virada foi sensacional - comentou. O ABC perdia por 2 a 0 ao fim do primeiro tempo. No vestiário, Moacir confessa que temia uma goleada do Cruzeiro, mas conseguiu motivar a equipe. Com gols de Rodrigo Silva, Xuxa e Alvinho, o Alvinegro chegou à virada. No final, ainda pressionou e por pouco não conseguiu o gol da classificação. Tivemos uma conversa mais direcionada em relação às nossas pretensões neste ano, e acho que surtiu um efeito muito positivo. Os jogadores absorveram, foram para cima, não se acovardaram. Poderíamos ter tomado um placar mais elástico? Poderíamos. Só que no futebol você tem que ter ousadia, e a gente teve no momento certo. A equipe mereceu a vitória pela ousadia, pela personalidade, por encarar o campeão brasileiro de frente. Não ficou atrás querendo perder de pouco ou empatar, e conseguiu a virada. Isto tem que servir de alento e para que a auto-estima dos atletas seja afetada em prol da Série B, que é a nossa realidade - emendou.
ABC - pênalti - Xuxa (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com) 
Xuxa, de pênalti, fez o segundo gol do ABC na Arena
das Dunas (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)

Fonte: globoesporte.com/Natal

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Cruzeiro leva susto, toma virada do ABC no 2º tempo, mas garante vaga

O líder da Série A encarou o 14º da Série B e garantiu vaga na semifinal da Copa do Brasil. Mas nada foi fácil como poderia se imaginar. Após a vitória mineira por 1 a 0 no primeiro jogo, no Mineirão, as duas equipes se reencontraram, nesta quarta-feira, na Arena das Dunas. A Raposa quase lembrou o Cruzeiro que parecia virtual campeão brasileiro há duas rodadas, antes de perder para Corinthians e Flamengo. Foi cirúrgico e eficiente ao abrir dois a zero no primeiro tempo. Mas sumiu na etapa final. Foi engolido por um surpreendente e aguerrido ABC, que não desistiu até o último segundo. Pressionou, tentou. Mas não houve tempo. Vitória por 3 a 2, insuficiente para tirar a Raposa da competição. A partida terminou com o Cruzeiro classificado, mas com jogadores azuis assombrados em campo. Aplaudidos pela torcida, os jogadores do ABC deram adeus ao sonho de fazer história e ser o primeiro time potiguar a chegar às semifinais da Copa do Brasil. Botafogo ou Santos, que jogam nesta quinta-feira, decidem quem enfrentará a equipe azul. Parecia que seria uma noite para o Cruzeiro exorcizar fantasmas. Líder do Brasileirão com seis pontos de vantagem para o segundo colocado, o time celeste já se arrepiava em ouvir falar de mau momento, após duas derrotas no Brasileirão. Willian, que não marcava há 16 jogos, abriu o placar; Henrique ampliou no finalzinho. No segundo tempo, o ABC ressuscitou com Rodrigo Silva, chegou ao empate com Xuxa, de pênalti, e parecia ter iniciado algo fantástico ao virar com Alvinho. Tentou até o final, mas não conseguiu. O Cruzeiro joga novamente pela Copa do Brasil no final do mês. Inicialmente, a primeira partida da semifinal está marcada para 29 de outubro; o jogo da volta, para dia 5 de novembro. Antes disso, o time mineiro pega o Vitória pelo Brasileirão. A partida será neste domingo, às 18h30 (de Brasília), no Barradão, em Salvador. O ABC volta as atenção para a Série B. Joga no sábado, às 21h, contra o Luverdense, no Frasqueirão, em Natal.
ABC X Cruzeiro (Foto: Nuno Guimarães / Agência estado) 
ABC foi aguerrido, conseguiu a virada, mas quem levou
a vaga foi o Cruzeiro (Foto: Nuno Guimarães / Agência estado)
O jogo
O início de jogo foi bom. A partida era aberta, com os dois times buscando o gol. O Cruzeiro teve uma chance com Nilton, de cabeça, mas parou no travessão. Empurrado pela torcida, o ABC chegou com perigo em chute de Rodrigo Silva. Aos 30 minutos, Willian aproveitou a sobra de um escanteio que veio da esquerda e encheu o pé: 1 a 0 para a Raposa. Ducha de água fria na torcida abecedista. Os donos da casa haviam perdido João Paulo com pouco mais de vinte minutos. João Henrique, o substituto, teve a chance de ser o autor dos gols da virada, mas esbarrou na defesa celeste. O ABC se animava novamente, mas foi mais uma vez castigado pelo Cruzeiro. Aos 41, a equipe mineira encaixou um contra-ataque e resolveu o jogo: Alisson deu belo toque por cobertura, quase sem ângulo. Henrique completou quase em cima da linha, praticamente garantindo a classificação mineira. O jogo era morno no segundo tempo. Mas só até Rodrigo Silva descontar para o ABC. Aos 14 minutos, ele aproveitou bom cruzamento da direita e cabeceou firme para marcar. A torcida se inflamou na Arena das Dunas, e quase foi a loucura quatro minutos depois, quando o árbitro viu empurrão de Dedé em Marlon e marcou pênalti. Xuxa igualou o placar. O Cruzeiro parecia perdido. Impotente. Já o ABC era todo empolgação. Sem Borges, que saiu machucado no final do primeiro tempo, o time mineiro não tinha um centroavante de origem, e mostrava dificuldades para ficar com a bola. A equipe potiguar marcava bem, corria feito louco e, embora não tivesse muita inspiração para chegar, buscava o gol a todo momento. E encontrou. Aos 40, Alvinho, que havia acabado de entrar, de voleio marcou um golaço. Nada parecia impossível. Os minutos finais foram de inteira pressão dos donos da casa, apreensão na arquibancada, e desespero azul em campo. O atual campeão brasileiro parecia eliminado, mas o tempo acabou antes e os cruzeirenses deixaram o campo com um sentimento de alívio.
Por Direto de Natal

Flamengo joga para o gasto, vence América-RN e avança para as semis

O Flamengo não precisou repetir o bom futebol do último fim de semana, quando derrotou o Cruzeiro pelo Brasileiro, para manter seu bom momento na temporada. Após primeiro tempo sonolento nesta quarta-feira à noite, o Rubro-Negro cresceu na segunda etapa e, com gol de Gabriel, venceu o desfalcado América-RN por 1 a 0, em um Maracanã lotado, avançando para as semifinais da Copa do Brasil. Na ida, a equipe carioca já havia vencido em Natal pelo mesmo placar, também com tento de Gabriel. O Atlético-MG, que venceu o Corinthians por 4 a 1, será o adversário da próxima fase, nos dias 29 de outubro e 5 de novembro.
comemoração do Flamengo contra o América-RN (Foto: André Durão) 
Leonardo Moura e Marcelo abraçam Gabriel,
autor do gol rubro-negro (Foto: André Durão)
Embora a partida desta noite não tenha reservado susto no placar para a torcida rubro-negra, o técnico Vanderlei Luxemburgo teve motivos para se preocupar. Perdeu, machucados, Márcio Araújo e Alecsandro. Este último teve pequeno afundamento na testa após choque com o zagueiro Cleber e foi para o hospital passar por exames. O zagueiro Marcelo ainda foi expulso no segundo tempo. O time carioca volta a campo neste domingo, às 16h (horário de Brasília), para enfrentar o Atlético-PR, em Curitiba, pela 29ª rodada do Brasileirão. A equipe da Gávea vem de duas vitórias no nacional e ocupa posição mais tranquila - é o décimo, a sete pontos do Z-4. O América-RN, por sua vez, voltará a se preocupar exclusivamente com a briga contra o rebaixamento na Série B. O time do recém-contratado técnico Roberto Fernandes é o 17º colocado na competição e  joga neste sábado, às 16h20 (horário de Brasília), contra o Bragantino, em Bragança Paulista, pela 30ª rodada. O adversário é rival direto na luta contra a queda para a Série C, estando em 16º lugar, com três pontos a mais.
Sem emoção
Foi um primeiro tempo de dar sono no Maracanã. Para se ter ideia, os goleiros não fizeram nenhuma defesa. As sete finalizações na etapa – quatro do Flamengo e três do América-RN – foram para fora, sem perigo algum. Aos 3min, João Paulo teve uma ótima falta para cobrar, mas mandou na barreira. O lateral, que perdeu algumas bolas fáceis, recebeu algumas vaias do torcedor. Repleto de desfalques, o América-RN se fechou e buscou esporádicos contra-ataques. No melhor, Jéferson chutou fraco, para fora, após boa arrancada de Paulinho, aos 32. No fim, Márcio Araújo saiu machucado para a entrada de Gabriel.
Alecsandro, Flamengo X América- RN (Foto: André Durão) 
Alecsandro se choca com Cleber no alto, leva a pior
e precisa ir para o hospital (Foto: André Durão)
Com emoção
Nixon foi outra mudança no Flamengo, na vaga de Eduardo da Silva, para o segundo tempo. A etapa trouxe muito mais emoção ao torcedor, mas começou com um susto. Aos 4, Alecsandro se chocou no alto com Cleber e levou a pior, sendo substituído com pequeno afundamento na testa. Muralha entrou. O Rubro-Negro passou a pressionar, imprimindo mais velocidade, e a torcida veio junto. Em bonita jogada que ele mesmo iniciou, Gabriel concluiu com perfeição aos 18, abrindo o placar. Dez minutos depois, Marcelo, por reclamação, foi expulso. Precisando de dois gols, o América-RN se lançou. Porém, Isac e Pimpão perderam chances na cara de Paulo Victor, que assegurou a classificação.
Por Rio de Janeiro 

Audiência termina sem acordo e Nogueirão continua penhorado

Foto: Assecom TRT/RN
O estádio Leonardo Nogueira, Nogueirão, em Mossoró, continuará penhorado pela Justiça do Trabalho, pelo menos, até o próximo dia 25 de novembro.Nessa data ocorrerá uma nova audiência entre os representantes da Liga Desportiva Mossoroense e um ex-empregado da entidade, com a participação da Prefeitura de Mossoró, segundo informação da assessoria de imprensa do Tribunal Regional do Trabalho do RN (TRT). Esse foi o resultado da audiência de conciliação presidida pelo juiz Vladimir Paes de Castro, nesta quarta-feira (15), na 3ª Vara do Trabalho de Mossoró, para tentar garantir o pagamento de uma dívida trabalhista de R$ 172.841,62. A expectativa, entretanto, era de que a Liga fizesse uma proposta de conciliação para justificar a retirada do estádio Nogueirão do último leilão realizado pelo TRT/RN, no final de setembro. E Francisco Braz, que se apresentou como representante da Liga, propôs a quitação da dívida com o pagamento de 20 parcelas de R$ 5 mil e mais 15 parcelas de R$ 7 mil. O trabalhador não aceitou a proposta e apresentou uma contraproposta que o representante da Liga Desportiva ofereça “proposta razoável” e inclua outros dois processos trabalhistas na negociação, com dívidas em torno de R$ 50 mil cada um. Durante a audiência, os representantes do município fizeram juntada da escritura pública de doação do terreno onde o estádio funciona. Diante do impasse, o juiz Vladimir Paes de Castro marcou uma nova audiência para novembro. Enquanto isso, o estádio continua penhorado.
Fonte: Blog Pauta Aberta

Acordo na justiça evita bloqueio de renda do jogo entre ABC e Cruzeiro


Ricardo Oliveira - ex-jogador do ABC (Foto: Canindé Soares)Ricardo Oliveira foi capitão do título da Série C de 2010 (Foto: Canindé Soares)

Um acordo entre o ABC e o ex-jogador Ricardo Oliveira, nesta quarta-feira, na 6ª vara de Natal, garantiu o pagamento de uma dívida trabalhista no valor de R$ 158 mil. A decisão evitou o bloqueio de parte da renda do jogo contra o Cruzeiro, pelas quartas de final da Copa do Brasil. O ABC foi condenado por ter assinado a carteira de trabalho do jogador com um salário mensal de R$ 1.000, enquanto pagava, de fato, R$ 23.500 por mês ao atleta. Em sua sentença, o juiz Dilner Nogueira, da 6ª Vara do Trabalho de Natal, determinou que o clube retificasse a carteira de trabalho de Ricardo Oliveira e pagasse os valores referentes ao FGTS, férias e 13º salários, com base no que o atleta deveria ter recebido à época em que atuou no ABC. Com a determinação de bloqueio da arrecadação do jogo desta quarta-feira, na Arena das Dunas, o clube apresentou proposta de acordo para pagamento da dívida, que soma R$ 157.584,04. Na audiência de conciliação, representantes do ABC e de Ricardo Oliveira fecharam um acordo para pagamento, já a partir do próximo mês, de uma parcela de R$ 28 mil e mais 13 de R$ 10 mil a partir de dezembro. Além do pagamento, o clube comprometeu-se a assinar a carteira do jogador com o salário referente ao período da prestação de serviço do atleta, que ocorreu nos anos de 2010 e 2011, quando foi campeão brasileiro da Série C.
Por Natal

ABC e América; bom é ganhar de time grande

Comentei aqui nos dias que antecederam aos jogos de ida de ABC e América contra Cruzeiro e Flamengo pela Copa do Brasil que bom era:
Ganhar de Cruzeiro e Flamengo. E hoje, volto a tocar no assunto. E afirmo. Bom é ganhar de time grande.
Essa história que o América, o ABC não tem condições de ganhar desses times, isso é comentário de comunicador fraco e pequeno. Esse time do Cruzeiro é fraco, apesar de liderar o campeonato brasileiro. A defesa é horrível. O zagueiro Dedé sempre foi fraco. O Cruzeiro pode até golear o ABC, mas não acredito. O outro, o Flamengo, também é fraco. É tanto que até dias atrás era lanterna da Série A. O time todo é fraco e o treinador, um falastrão medroso. Também, não vejo como o América de Natal ser goleado por uma equipe do mesmo nível. E tem mais, se ABC e América vencerem, ou um ou outro, não será zebra.
 
Por Marcos Trindade

Prefeitura confirma presença em audiência nesta quarta que discutirá leilão de terreno do Nogueirão

O Secretário de Esportes de Mossoró, Abraão Dutra, contesta desmembramento de terreno do Nogueirão para pagar divida trabalhista. (Foto: Fábio Oliveira)
O Secretário de Esportes de Mossoró, Abraão Dutra, contesta
desmembramento de terreno do Nogueirão para pagar
divida trabalhista. (Foto: Fábio Oliveira)
A prefeitura de Mossoró, através da Secretaria de Esportes, confirmou presença em audiência que acontece nesta quarta-feira (15), às 11h na 3ª Vara da Justiça do Trabalho, e que tem como objetivo oficializar acordo para leilão de parte do terreno do estádio Nogueirão, para quitação de dívida trabalhista com o ex-funcionário conhecido como Borracha. O secretário de esportes do Município, Abraão Dutra, que acompanhará a audiência, vê como inviável o leilão. “A gente vê como inviável essa questão de fatiar o Nogueirão. A LDM quer fazer um leilão de uma parte do Nogueirão. Aí ai eu faço a pergunta: a LDM fazendo o fatiamento desse terreno, tem condições de gerir o Nogueirão? Não. E depois, qual será o rateamento que ela vai fazer do Nogueirão?”, contestou o secretário. Abraão foi mais além, afirmando que, se necessário, a Prefeitura tomará medidas judiciais para impedir que o patrimônio do Nogueirão seja desfeito. “A prefeitura não concorda, e irá intervir judicialmente para que não ocorra. Nós já fizemos um procedimento administrativo, e nesse procedimento a LDM foi intimada para se defender em relação ao processo de municipalização através da reversão” disse. Para finalizar, o secretário reiterou o interesse por parte da prefeitura em municipalizar o estádio. “O prefeito ainda reitera o interesse de municipalizar o Nogueirão. E ele deixou muito claro quando houve aquela audiência. Ele quer municipalizar dentro dos meios jurídicos e financeiros. A gente tá querendo fazer a coisa legalmente e ver se resolve o problema do estádio. Eles estão pensando em problema trabalhista, mas não estão pensando em um projeto que existe, o campeonato estadual 2015. Infelizmente quem sai perdendo é o torcedor” finalizou o secretário.
Fabiano Júnior/F9.net.br

Baraúnas projeta zerar dívida com atletas da Série D

Zezinho cobra aproximação de tricolores e pagamento da Prefeitura
Zezinho garante que vai dar para pagar os jogadores.
O Baraúnas não ficará devendo a nenhum jogador que disputou a Série D. Pelo menos, essa é a projeção do gerente de futebol do clube, Zezinho Mossoró. A previsão foi feita durante entrevista ao programa 95 Esportes, da 95 FM, na noite desta terça-feira (13). Nela, o dirigente afirmou que as duas últimas parcelas a serem pagas pela Prefeitura, referentes ao patrocínio para a Série D, serão suficientes para cobrirem o débito com os salários dos jogadores e até sobrará um pouco. “O planejamento foi feito em cima disso. Saindo essas duas parcelas, se Deus quiser, a gente vai estar pagando a todos os jogadores, pessoal do apoio e comissão técnica que trabalharam na série D, cumprindo com a obrigação”, declarou Zezinho. Ainda de acordo com o dirigente, a dívida com os atletas é de pouco mais de R$ 49 mil, sendo que o Baraúnas ainda tem a receber duas parcelas de R$ 25 mil, cada. Zezinho não sabe quando a Prefeitura realizará o repasse, que já está em atraso, mas afirmou que a vice-presidente do clube, Josirene Ribeiro, e o diretor de futebol, João Dehon, estão tentando insistentemente junto ao Município acelerar o desembolso. “A gente está na expectativa. Ainda não temos a confirmação, mas sabemos que o prefeito tem nos ajudado, compreendido a situação do Baraúnas. Esperamos que isso possa ser resolvido e a gente possa pagar os atletas que estão no aguardo”, finalizou.
Fabiano Júnior/F9.net.br

Roberto Fernandes promete “não se esconder” para derrubar novo gigante


Roberto Fernandes no desembarque no Rio de Janeiro (Foto: Thiago Pereira)Roberto Fernandes no desembarque no Rio de Janeiro (Foto: Thiago Pereira)

O América-RN não vive um momento favorável. Na zona de rebaixamento da Série B, com apenas uma vitória nos últimos cinco jogos, o Alvirrubro desembarcou no Rio de Janeiro na noite desta quarta-feira com 20 desfalques na bagagem. Nesta quarta-feira, o Dragão enfrentará o Flamengo pela Copa do Brasil, com a promessa de grande público no Maracanã. As adversidades, contudo, não parecem ameaçar o time potiguar, que se acostumou a encarar e derrubar gigantes nesta temporada. Para chegar nas quartas de final da Copa do Brasil, o América-RN superou o Atlético-PR e o Fluminense, com direito a uma goleada de 5 a 2 sobre o Tricolor no Maracanã. O bom retrospecto sobre os clubes da Série A anima o técnico Roberto Fernandes, que se prepara para um recomeço no Alvirrubro e promete não se intimidar com o tamanho do Flamengo. Trabalhamos duas opções de jogo e vamos analisar a melhor. Temos mais de 24 horas para o jogo, para ver qual a situação que se encaixa melhor. Eu costumo jogar sempre com três atacantes. Dificilmente vou ter essa condição pelos desfalques. Mas o América-RN precisa vencer. E a responsabilidade inteira é do Flamengo. Não viemos aqui para ficar escondidos. Vamos jogar, vamos atacar – garantiu o treinador. Atacar é mais que uma opção para o América-RN. O time potiguar perdeu a primeira partida para o Flamengo por 1 a 0, na Arena das Dunas, e precisa vencer o confronto para seguir adiante. Caso o placar da primeira partida se repita em favor do Alvirrubro, a decisão irá para os pênaltis. O Dragão garante a vaga no tempo regulamentar com um triunfo por qualquer outro placar. Roberto Fernandes sabe que a classificação para as semifinais pode render um capítulo na história do clube. A vitória em um jogo como esse ajuda para entrar na história. Nenhuma equipe de Natal foi tão longe na Copa do Brasil. Alcançar uma classificação seria épico. Sobretudo pela equipe que é o Flamengo - avaliou. Para tornar o clima mais leve dentro do Alvirrubro, Roberto Fernandes tirou o peso dos jogadores e jogou a responsabilidade toda para o Flamengo. A vantagem do Flamengo é muito grande. Joga no Maracanã, pelo empate, tem o apoio do torcedor. O América-RN está esfacelado. Mas futebol é jogo. Por isso tem loteria esportiva. Futebol é imprevisível. Vamos jogar com muita determinação. É um jogo que mexe com a multidão. A torcida do Flamengo dispensa comentários. Mas vamos tentar fazer um jogo bem concentrado e quem sabe surpreender – avisou.
Desfalques
O América-RN tem vários desfalques para o confronto desta quarta-feira. O zagueiro Zé Antônio, os laterais Marcelinho, Arthur Henrique e Digão, os volantes Fabinho, Tiago Dutra e Dudu e os atacantes Alfredo e Max estão no departamento médico, assim como o meia Arthur Maia e o volante Marcio Passos, dois titulares absolutos do time. Além dos problemas por contusão, outros seis atletas atuaram na Copa do Brasil por outros clubes: Pantera (CSA), Roberto Dias (CSA), Daniel Costa (CSA), Wanderson (Tombense), Gláucio (Treze) e Alekito (Brasília). Outra baixa é o volante Jean Cléber, que assinou um novo contrato após o prazo de inscrição ter se encerrado. Os jogadores que chegaram ao Mecão após esse período também não vão poder atuar: Fábio Braga, Emerson, Neto e Rafael Tavares. O último desfalque é o volante Val, que tem contrato em vigor com o Flamengo e fica impedido de enfrentá-lo. Uma das receitas para reverter o sério quadro de ausências é apostar no fator motivacional. O jogo contra o Fluminense, também disputado no Maracanã, é um exemplo utilizado dentro do América-RN para mostrar que a vaga nas semifinais da Copa do Brasil é possível. Outro fator motivacional para o América-RN é o histórico de Roberto Fernandes no clube. O treinador comandou a equipe entre 2012 e 2013, ganhou um título estadual e deixou boas recordações. Na segunda passagem, ele pretende repetir o trabalho. Vou tentar repetir nosso trabalho anterior. Fomos campeões, ficamos 16 rodadas na zona de acesso. Boa parte do grupo permanece o mesmo. Para esse jogo temos desfalques. Mas para a sequência da série B a gente tem a recuperação de alguns atletas. Tentar o mesmo sucesso da outra passagem – concluiu.
Por Rio de Janeiro

Técnico do ABC diz que sonho da classificação pode se tornar realidade


Moacir Júnior, técnico do ABC (Foto: Jocaff Souza/GloboEsporte.com)Moacir Júnior, técnico do ABC, espera conduzir ABC à conquista de um sonho (Foto:Jocaff Souza)

técnico Moacir Júnior tem a missão de conduzir o ABC ao que ele mesmo considera um sonho: a classificação para as semifinais da Copa do Brasil. O Alvinegro terá como adversário o campeão e atual líder do Campeonato Brasileiro da Série A, o Cruzeiro. No jogo de ida, em Belo Horizonte, o Mais Querido conseguiu segurar o ataque da Raposa e acabou derrotado pelo placar mínimo. Com a pequena desvantagem, o treinador do ABC espera, em Natal, conseguir reverter o resultado, tendo como trunfo a ausência de alguns dos principais atletas da equipe celeste. Marcelo Oliveira não poderá contar com o meia Éverton Ribeiro, que está com a seleção brasileira e chega a Natal apenas na quinta-feira para se juntar à delegação da equipe, e com Ricardo Goulart, Júlio Baptista, Dagoberto, Samudio e Tinga, que estão machucados. Além deles, o atacante Marquinhos também não pode atuar, por ter vestido a camisa do Vitória na atual edição da mesma competição. A Copa do Brasil é feita com esse formato de democracia e de proporcionar às equipes que têm menos estrutura financeira, e outras coisas mais, de surpreender. Então, por que não o ABC sonhar com isso, uma vez que não só está na Copa do Brasil ainda, como no jogo de ida se manteve muito vivo? O segredo é jogar como jogou no Mineirão e, com certeza, com uma retenção de bola maior na frente. Saber que você vai estar jogando contra o campeão brasileiro, contra o atual líder do Campeonato Brasileiro, mas que também você se credenciou a estar nessa fase e se credenciou também, pelo jogo de ida, a buscar algo no jogo de volta. Ninguém aqui vai omitir o favoritismo amplo do Cruzeiro, mas o jogo é jogado e o ABC vai, dentro das suas pretensões, de sua inteligência, buscar dificultar o máximo e buscar a classificação para a outra fase da Copa do Brasil - explica o treinador.  Moacir também acredita que a entrega em campo será fundamental para que a equipe possa deixar o gramado da Arena das Dunas com a vaga na próxima fase garantida. O treinador quer evitar, porém, que a equipe caia na empolgação durante o jogo. Segundo ele, é preciso inteligência em uma partida como essa. O que tiver de suor, de entrega para ser dado, será. É mata-mata agora. Ou é prosseguimento ou é a sua despedida da Copa do Brasil, e eu espero que seja nosso prosseguimento. Acho que vai ser um grande jogo de futebol e o torcedor também vai estar do nosso lado, e isso é um ingrediente muito importante. A gente não pode ir na empolgação. Qualquer tipo de empolgação tem que ficar fora. A gente tem que, dentro de uma inteligência tática, e dentro de uma proposta de jogo, ir buscar a cada minuto virar esse placar, para que o ABC possa seguir na competição - comenta Moacir Júnior. ABC e Cruzeiro fazem o jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil na noite desta quarta-feira, às 22h, na Arena das Dunas, em Natal. No primeiro duelo, em Belo Horizonte, os mineiros venceram pelo placar de 1 a 0 e jogam com a vantagem do empate. Ao Alvinegro, resta vencer por mais de um gol de diferença e, caso vença por 1 a 0, a decisão vai para os pênaltis.
Por Natal

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Maciel é artilheiro no Itajá

Atacante Maciel da Seleção de Pataxó é o artilheiro em Itajá
O atacante Maciel foi artilheiro na temporada passada em Assu, mas esse ano o jogador não conseguiu ter o mesmo desempenho e só marcou um gol pelo seu time na competição Assuense. Já no campeonato municipal do Itajá 2014 promovido pela Liga Itajaense de Futebol, o jogador tem tido uma boa performance juntamente com o seu time,  A Seleção de Pataxó que entrou como convidada por ser de Ipanguaçu,  e está na final do turno(Final esta que não teve um vencedor por falta de luz natural, e que só vai acontecer no confronto dos dois times pelo segundo turno). Maciel já marcou 05 gols e é artilheiro isolado da competição e promete não só ser o artilheiro como também conquistar o título inédito para Pataxó.

Texto e imagem: L. Filho

2ª MiniMaratona do Assú atrai atletas de todas as idades

No último domingo (12/10), a Prefeitura M. de Assú promoveu a 2ª MiniMaratona da Emancipação. O evento, com mais de 100 atletas participantes de todo o Rio Grande do Norte e até de estados vizinhos, foi realizado com o intuito de promover a prática esportiva e fomentar novos talentos locais. O evento faz parte das comemorações pelos 169 anos de emancipação política do município. A largada da maratona foi às 16h, com grande público presente nas ruas que margeavam o evento. O percurso total foi de 6,5 km. "Nosso objetivo maior é fomentar no assuense o desejo pela prática esportiva", explicou o secretário de Juventude, Esporte Eventos e Turismo de Assú, Daílson Machado. O domingo de maratona também teve espaço para os pequenos. Afinal era o dia deles e a Prefeitura promoveu a "Maratoninha", dedicado para as crianças de 06 a 11 anos. O percurso percorrido pelos pequenos atletas foi de aproximadamente 400 metros.
Ciclismo
No próximo domingo (19), às 07h, a Prefeitura promove o II Grande Prêmio Assú de Ciclismo. Com a coordenação da Federação Norteriograndense de Ciclismo e supervisão da Confederação Brasileira de Ciclismo, a competição, a exemplo da 2ª MiniMaratona irá atrair competidores da cidade e de outras regiões do estado.
Fotos e Classificação
A classificação completa e outras fotos do evento estão disponíveis no seguinte endereço: http://assu.rn.gov.br/ 
SEACOM/ Assessoria de Imprensa

Martelotte é demitido do América-RN; Roberto Fernandes volta ao clube

O América-RN anunciou no início da tarde desta segunda-feira a demissão do técnico Marcelo Martelotte. De imediato, a diretoria do clube confirmou o retorno de Roberto Fernandes, que estava no Remo. A informação foi confirmada pelo diretor de futebol do Mecão, Eliel Tavares.
Roberto Fernandes técnico do Remo (Foto: Thiago Araújo/Agência Pará) 
Roberto Fernandes volta a trabalhar no América-RN
(Foto: Thiago Araújo/Agência Pará)

A mudança de comando acontece a dois dias de um dos jogos mais importantes da história do América-RN. Na quarta-feira, o Alvirrubro encara o Flamengo no duelo da volta pelas quartas de final da Copa do Brasil, no Maracanã. Por ter perdido o primeiro confronto por 1 a 0, o time potiguar precisa vencer por dois gols fora de casa, ou até mesmo por um gol, contanto que marque mais de duas vezes (2 a 1, 3 a 2, etc). Roberto Fernandes, 43 anos, comandou o América-RN nas temporadas 2012 e 2013, sendo campeão estadual. Depois, seguiu para o rival ABC, o qual livrou do rebaixamento à Série C no ano passado. Saiu do Alvinegro após o insucesso no Campeonato Potiguar de 2014. Seu último clube foi o Remo, pelo qual foi campeão paraense, mas não alcançou o acesso à Terceirona. RF já comanda o treinamento no CT Abílio Medeiros, em Parnamirim, na tarde desta segunda-feira, na reapresentação dos jogadores. Além da classificação às semifinais da Copa do Brasil, o treinador tem a missão de salvar a equipe do rebaixamento na Série B. Atualmente, o Mecão é o 17º colocado, com 30 pontos. Nas nove últimas rodadas, precisa somar, pelo menos, 15 pontos.
Queda de Martelotte
Na Série B, o rendimento do América-RN com Marcelo Martelotte foi muito abaixo do esperado. Em oito jogos, foram quatro derrotas, três empates e apenas uma vitória - 25% de aproveitamento. Ainda teve a derrota por 1 a 0 para o Flamengo, no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil.
Por Natal

América-RN só tem um volante para encarar Fla; veja lista de desfalques


América-RN x Joinville, na Arena das Dunas (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)Judson é o único volante disponível no América (Foto: Augusto Gomes/GE.com)

Eliminar o Flamengo no Maracanã já era considerada uma missão difícil no América-RN, mas uma lista extensa de desfalques agravou ainda mais a situação para o confronto pelas quartas de final da Copa do Brasil. Entre jogadores lesionados ou com impedimentos contratuais, o técnico Marcelo Martelotte pode ter até impressionantes 20 baixas para o duelo de quarta-feira, no Rio de Janeiro. Destes, sete são volantes. O único disponível para esta função, especialmente, é Judson, que foi titular no jogo de ida em Natal. No sábado, no empate com o Sampaio Corrêa pela Série B, o Mecão perdeu o lateral-direito Marcelinho e o volante Tiago Dutra por lesão. O departamento médico rubro ainda tem o lateral-esquerdo Arthur Henrique, os volantes Márcio Passos e Fabinho, o meia Arthur Maia e o atacante Max. Os atacantes Alfredo e Rodrigo Pimpão, que não jogaram no fim de semana, serão reavaliados e podem viajar. Outros 12 jogadores não podem jogar por questões contratuais. Seis já atuaram por outros clubes na Copa do Brasil, incluindo jogadores que poderiam ser utilizados como o zagueiro Roberto Dias e o lateral-esquerdo Wanderson, titulares contra o Sampaio; além do meia Daniel Costa. O volante Jean Cléber assinou novo contrato após o prazo de inscrição e também está fora, assim como os quatro últimos reforços do clube que só podem ser utilizados na Série B: os volantes Fábio Braga e Neto, o meia Rafael Tavares e o atacante Emerson. O volante Val, emprestado pelo Flamengo ao América-RN, é outro desfalque confirmado. O técnico Marcelo Martelotte terá muito trabalho para remontar a equipe e poderá ter alguma definição ainda nesta segunda-feira, no período da tarde, no último treinamento antes da viagem para o Rio de Janeiro. Walber e Thiago Cristian são as primeiras opções para as alas. Na zaga, além de Cleber e Lázaro, ainda tem Edson Rocha. O caso mais crítico, realmente, é no setor de marcação do meio-campo, onde só conta com Judson. O meia Andrezinho pode atuar como segundo volante. Para a criação, o time só tem Jéferson. O ataque, que teve Paulinho e Isac no sábado, pode ter o retorno de Pimpão e Alfredo.
Por Natal

ABC esquece Série B para pensar em duelo decisivo contra o Cruzeiro


 Moacir Júnior Náutico x ABC-RN Série B (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)Moacir lamenta derrota para o Náutico e foca Cruzeiro (Foto: Aldo Carneiro/PPress)

A derrota para o Náutico, considerada injusta por muitos dentro do ABC, já é página virada. A Série B do Campeonato Brasileiro, por um momento, precisa ser deixada de lado para voltar as atenções para a Copa do Brasil. O segundo duelo contra o Cruzeiro é nesta quarta-feira e, como bem frisou o técnico Moacir Júnior, não há tempo para lamentação. O jogo está marcado para a Arena das Dunas, em Natal, com início às 22h. Não adianta ficar se lamentando, pois não volta mais. Agora é trabalhar e focar no importante jogo que teremos contra o Cruzeiro. Será uma partida complicada, uma decisão que pode nos dar uma classificação histórica e vamos buscar isso. Vamos dar o nosso melhor e contamos com a nossa torcida para essa grande batalha - destacou Moacir. Na partida de ida das quartas de final, em Belo Horizonte, o Cruzeiro venceu por 1 a 0. Para se classificar, o ABC precisa ganhar por dois gols de diferença. Se devolver o mesmo placar, leva a decisão da vaga para os pênaltis. O goleiro Gilvan ratifica as palavras do treinador e só pensa no confronto contra o líder do Brasileirão. Estamos chateados com o resultado, mas vamos esquecer esse jogo (contra o Náutico) e focar na decisão pela Copa do Brasil. Vamos nos preparar bem, acertar os detalhes, pois será um jogo complicado e esperamos fazer uma boa partida e buscar a classificação diante do nosso torcedor - comentou. Os jogadores do Alvinegro se reapresentam às 15h30 desta segunda-feira, no CT Alberi Ferreira de Matos, e iniciam as atividades de olho no jogo de quarta-feira.
Por Natal

FUTEBOL AMERICANO EM ASSÚ FOI UM SUCESSO.

  O  UFERSA/PETROLEIROS-RN GOLEOU POR 60 X 0 OS PIRATAS DO RECIFE-PE
EQUIPE: UFERSA/PETROLEIROS/RN
   
EQUIPE:PIRATAS DO RECIFE/PE 
                                                PÚBLICO PRESENTE NO EDGARZÃO.
                                     
A coordenação do jogo de futebol americano envolvendo as equipes UFERSA/PETROLEIROS 60 X 0 PIRATAS DO RECIFE, avaliou como um sucesso de público, de organização, e de apoio por parte do gestor público municipal IVAN LOPES JR, do secretário DAILSON MACHADO, e o presidente da LAD, FCº SOARES, que ofereceram uma infraestrutura dentro daquilo que se esperava; disse ARMANDO GOMES fundador da equipe  da UFERSA/PETROLEIROS. O mesmo disse ainda que na sua visão, o futebol americano é um esporte viável para cidade do Assú, e que tem como desafio para os próximos anos profissionalizar esse esporte na cidade. Disse ainda que a expectativa em relação ao jogo em si, foi a melhor possível, pois 480 espectadores estavam presentes no estádio Edgarzão, e que a equipe da região UFERSA/PETROLEIROS, jogou  muito bem e saiu vencedora desse desafio, o próximo jogo será contra o CEARA/FÊNIX na arena castelão em Fortaleza as 14:00hs e ele e o grupo esperam alcançar mais uma vitória.
TEXTO E IMAGEM: JOTA SANTOS

domingo, 12 de outubro de 2014

Em itajá, decisão só no segundo turno

A final do primeiro turno do Campeonato Itajaense de Futebol Amador 2014 disputado no Estádio Argemirão no último sábado(11/10) não teve vencedor, o título de Campeão do primeiro turno só será conhecido no confronto das duas equipes pelo segundo turno, isso porque a final estava prevista para começar às 15:00 horas, começou quase as 16:00 hs, e como o jogo terminou empatado em 2 a 2 no tempo normal, e já sem visibilidade, os pênaltis já foram batidos quase que no escuro, os goleiros não viam mais a bola, e como não houve vencedor a Direção da Liga do Itajá través do seu presidente Chico Siqueira, e os treinadores, Diassis do Pataxó e Pé de Quenga do Cruzeiro resolveram em consenso que o Campeão do 1º turno será conhecido na partida que os dois times farão pelo segundo turno, ou seja, além dos três pontos válidos para o segundo turno, o vencedor também leva o título do primeiro e assegura vaga na final da competição; A pergunta é, e se novamente o jogo sair empate e não houver mais luz do dia como é que fica? Taí uma pergunta que só será respondida depois do jogo entre Pataxó e Cruzeiro, aguardemos pois. Confira mais imagens da final que não teve campeão no Itajá entre Pataxó e Cruzeiro.
 

Pênaltis foram batidos já no escuro e não houve vencedor
Texto e imagens: L. Filho

Nos pênaltis, 'Água Branca' conquista o tricampeonato municipal de Carnaubais

A equipe de Água Branca conquistou pela terceira vez consecutiva o título de Campeão de futebol Amador de Carnaubais, ao vencer nos pênaltis o bom time do Entroncamento F C. A equipe tricampeã confirmou o favoritismo e terminou com o goleiro menos vazado e o artilheiro da competição. Parabéns aos jogadores e comissão técnica; parabéns a Secretaria de Esporte, representada por Josenildo Fonseca e ao prefeito Junior Benevides que garantiu a premiação aos vencedores.

Fonte: Tony Martins/Fotos: TM e Willame Fotografias.

Com mais cinco baixas, técnico do Mecão lamenta desfalques no time


Marcelo Martelotte, técnico do América-RN (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)Marcelo Martelotte lamenta série de lesões no América-RN (Foto: Augusto Gomes)

O técnico Marcelo Martelotte precisou mudar o time inteiro do América-RN para enfrentar o Sampaio Corrêa neste sábado. Os jogadores até que fizeram um bom primeiro tempo e dominaram a partida até o começo da segunda etapa, quando marcaram 2 a 0. No entanto, o forte ritmo em campo provocou mais uma dor de cabeça para o treinador. As três substituições realizadas no jogo aconteceram por lesões. Outro agravante é que no final do jogo, dois jogadores - Paulinho, com cãibras, e Marcelinho, com dores no joelho direito - deixaram o Mecão ainda mais fraco. Os outros três atletas que saíram machucados foram os volantes Márcio Passos, com uma pancada na perna direita, e Tiago Dutra, que sentiu a coxa direita, além do meia Jéferson, que saiu reclamando de dores na coxa esquerda. Com a lista de jogadores aumentando no departamento médico, Marcelo Martelotte lamentou o prejuízo em campo e a falta de opções táticas para modificar a sua equipe. Praticamente, não sei o que é uma substituição tática aqui no América-RN. Não tivemos possibilidade de fazer nenhuma mudança pensando taticamente no jogo, analisando e tentando mudar uma situação. Todas as alterações foram por questões médicas e físicas. Isso é o que preocupa mais, porque tivemos a perda de quatro atletas na última partida, e hoje tivemos mais cinco jogadores com lesões. Fizemos as três substituições por lesão, e tivemos mais o Paulinho, que jogou mais de 15 minutos com cãibras e o Marcelinho, que no final saiu e jogamos os acréscimos com um a menos em campo. Essa é a minha preocupação no momento, de não estar aguentando esse ritmo forte e é isso que precisamos para ter mais chances de sair dessa situação - lamentou o treinador. O próximo compromisso do América-RN será ainda mais difícil. Nesta quarta-feira, a equipe alvirrubra vai ao Rio de Janeiro para enfrentar o Flamengo, pelo jogo da volta das quartas de final da Copa do Brasil. A preparação vai ser curta e os jogadores que estão machucados farão um tratamento intensivo no departamento médico para buscar uma recuperação. Questionado sobre o excessivo número de atletas lesionados, Marcelo Martelotte disse que ainda não sabe o motivo. Eu estou há menos de um mês aqui e ainda não tenho essa resposta. Um dos aspectos é o fato de estarmos jogando duas competições simultaneamente e os adversários da Série B, não. Tirando o ABC, qua ainda está na Copa do Brasil, os outros estão focados somente na Série B. Isso tem tirado algumas semanas para que pudéssemos recuperar os jogadores e realizar um treinamento, mas é uma situação que temos que analisar com mais profundidade - finalizou.
Por Natal