O ESPORTE DE ASSU E REGIÃO, OBRIGADO PELA VISITA

sábado, 19 de setembro de 2015

Torcida comparece a último treino do América-RN; veja relacionados


Torcida do América-RN no CT (Foto: Canindé Pereira/Divulgação)Torcida do América-RN compareceu em bom número ao CT (Foto: Canindé Pereira)

A torcida do América-RN compareceu em bom número ao último treino da equipe antes do embarque para Aracaju. Dezenas de alvirrubros foram ao CT Abílio Medeiros, em Parnamirim, na tarde deste sábado para incentivar os jogadores para o duelo contra o Confiança. O confronto está marcado para segunda-feira, às 20h30, no Estádio Batistão. Após a atividade, o técnico Roberto Fernandes anunciou os 20 atletas relacionados para a partida. A novidade é a presença do atacante Luiz Eduardo, que foi regularizado durante a semana. A lista tem o retorno do volante Judson, do meia Cascata e do atacante Thiago Potiguar, que cumpriram suspensão diante do Cuiabá. Roberto não deu pistas de como deve escalar a equipe no jogo que pode valer a classificação americana. O time base deve ter Pantera, Maguinho, Cleber, Zé Antônio Potiguar e Rafael Estevam; Judson, Zé Antônio Paulista e Cascata; Thiago Potiguar (Léo Gago), Adriano Pardal e Max. O América é o quarto colocado do Grupo A, com 26 pontos, um a mais que o Confiança, que aparece na quinta posição. O Mecão estará classificado se vencer. Se houver empate, a quarta vaga da chave será decidida na última rodada, com o time potiguar dependendo das próprias forças diante do Botafogo-PB.
Confira os relacionados:
Goleiros: Renan Rocha e Pantera;
Laterais: Rafael Estevam, Arthur Henrique e Nininho;
Zagueiros: Zé Antônio Potiguar, Edson Rocha e Cléber;
Volantes: Léo Gago, Regis, Zé Antônio Paulista, Judson e Maguinho;
Meias: Cascata, Bruno Farias e Mateuzinho;
Atacantes: Luiz Eduardo, Thiago Potiguar, Adriano Pardal e Max.
Cascata América-RN (Foto: Canindé Pereira/Divulgação) 
Cascata é uma das novidades do América-RN para o duelo
contra o Confiança (Foto: Canindé Pereira/Divulgação)
Por Natal

Nininho, o lateral artilheiro do Camaleão

Nininho, artilheiro do ASSU na temporada 2015
Com um elenco desconhecido do torcedor Assuense em sua maioria para disputar a segunda divisão, o ASSU começou a competição com grande desconfiança por parte da sua torcida. O lateral Nininho é um dos poucos nomes conhecidos e com passagem pelo clube em 2011 deixando uma boa impressão na torcida do Camaleão. Chamado novamente para compor o grupo com a missão de voltar a equipe para a primeira divisão o lateral/ala tem se tornado uma das principais armas do técnico Reginaldo Sousa para surpreender os adversários; As descidas de Nininho pelo lado esquerdo do campo tem dado bons resultados, a prova é que o lateral é o artilheiro do time com três gols seguido do centroavante Val Paraíba com 2. Nininho disse que a sua boa fase se dá em virtude do bom grupo de jogadores que o ASSU tem, e que este grupo só pensa em uma coisa, voltar o Camaleão para a primeira divisão do RN. O próximo compromisso do ASSU será no Edgarzão dia 26 às cinco da tarde contra o Santa Cruz. Depois da vitória contra o CAP ontem em Goianinha, o elenco do Camaleão recebeu folga e só se reapresenta na próxima segunda-feira(21/09).
Texto e Imagem: L. Filho 

Após jogo de um pagante, dirigente comemora "recorde" de 23 pessoas


Cabine rádio Atlético Potengi x Assu (Foto: Klênyo Galvão/GloboEsporte.com)Equipe da Rádio Princesa do Vale esteve no estádio (Foto: Klênyo Galvão/GEsporte.com)

Depois de ter apenas um pagante na partida contra o Santa Cruz de Natal, o Atlético Potengi bateu um recorde de público no seu terceiro jogo como mandante na segunda divisão do Campeonato Potiguar. Na tarde de sexta-feira, o clube comemorou o fato de que 23 torcedores compraram ingressos para assistir ao duelo contra o ASSU, no Estádio Nazarenão, em Goianinha, a 58 km de Natal.
Torcida geral Atlético Potengi x Assu (Foto: Klênyo Galvão/GloboEsporte.com) 
Atlético Potengi x Assu teve público de 23 pagantes
(Foto: Klênyo Galvão/GloboEsporte.com)
Foram 10 inteiras e 13 meias. Esses são os heróis que vieram prestigiar a partida. É difícil, mas tem que jogar, tem que competir. É uma das dificuldades que a gente tem que enfrentar no futebol brasileiro. E por incrível que pareça, a que deu mais gente foi essa partida mesmo. Bateu o recorde - festejou o supervisor do Atlético, William Souto, que lembrou que nos outros dois jogos em casa, o time computou quatro pagantes contra o Mossoró e somente um diante do Santa Cruz de Natal. O público total, incluindo os não pagantes, foi de 48 pessoas, resultando numa renda de R$ 165. Os custos operacionais da partida somaram um valor de R$ 2.237,77, ocasionando um prejuízo de R$ 2.072,77. Boa parte dessa renda veio de um grupo de 15 torcedores da cidade de Assú, que fica a 207 km do estádio. Em plena sexta-feira à tarde, eles enfrentaram a estrada para apoiar o Camaleão do Vale, com direito a batuque e muito barulho na arquibancada. E deu certo. O ASSU venceu o jogo por 2 a 1, com gols de Nininho e Val Paraíba; Erisson diminuiu para os donos da casa. Nós viemos de Assú, a mais de 210 km de distância, somos torcedores fanáticos do Camaleão. Em plena sexta-feira, acabou o expediente de trabalho, a gente correu um pouquinho e conseguiu chegar a tempo para acompanhar o Camaleão, que já foi campeão do estado e se Deus quiser vai estar de volta à primeira divisão - disse o funcionário público e tocador de repique Willames Lopes.
Torcida Assu Atlético Potengi x Assu (Foto: Klênyo Galvão/GloboEsporte.com)Grupo de 15 torcedores veio de Assú para ver o jogo (Foto: Klênyo Galvão/GloboEsporte.com)
Com o ASSU liderando a competição com 13 pontos e bem encaminhado para chegar ao título, o técnico Reginaldo Sousa não se admira com a presença da torcida mesmo o jogo sendo tão longe de casa. Com outros adversários o público vem sendo pequeno, mas com o ASSU a gente vem tendo uma boa renda, o torcedor está comparecendo. Inclusive no jogo de hoje (sexta), mesmo sendo em Goianinha, nosso torcedor compareceu em bom número - afirmou. E se teve torcedor apaixonado que enfrentou horas de viagem para acompanhar o clube do coração, teve gente que foi ao estádio só por diversão mesmo. O empresário Alan Anselmo mora em Natal e resolveu sair de casa para ver o jogo de duas equipes que ele nem conhece muito bem. Para ele, uma opção de lazer e uma forma de aliviar o estresse. Eu venho assistindo à Série B, mas está um nível tão baixo. Me disseram que a Segunda Divisão está com um nível melhor, então resolvi tirar a prova. Meu sobrinho estava estressado estudando e eu falei para ele: 'Vamos ali em Goianinha assistir a um jogo para ver se tira o estresse, já que a gente não vai nem pegar fila para entrar. No jogo anterior deu uma pessoa, dessa vez ia dar pelo menos dois - brincou Alan, que percorreu 58 km até o estádio. Na área destinada à imprensa, apenas a equipe da Rádio Princesa do Vale, de Assú, ocupava uma cabine para transmitir a partida.

O narrador Adaílton Amorim disse que para ele a presença da torcida no estádio é indiferente, o que importa mesmo é soltar aquele grito de gol com emoção para quem está em casa. Quanto a narrar um jogo com torcedor ou sem torcedor, a emoção tem que ser a mesma. Quem está em casa não quer saber se tem torcedor ou não. Ele está querendo que o gol do seu time seja narrado com emoção - contou. No campo, o policiamento era feito por quatro oficiais da Polícia Militar destacados do batalhão de Nova Cruz. Sem possibilidade de briga entre torcidas, o subtenente Adriano Menezes se mostrava bem tranquilo durante a partida. Dava até para prestar atenção no jogo.

Por Goianinha, RN

América organiza ação com Bope durante reunião com jogadores

A clássica frase "treino é jogo e jogo é guerra", comumente utilizada no meio futebolístico, parece ter sido levada ao pé da letra pela comissão técnica do América. Prestes a enfrentar o Confiança-SE, em partida que pode decidir a classificação alvirrubra na Série C do Campeonato Brasileiro, os jogadores assistiram, na tarde desta sexta-feira (18), a uma palestra da Polícia Militar.
Canindé Pereira/América FCOs atletas foram surpreendidos por homens do Bope, que invadiram o auditório 
Os atletas foram surpreendidos por homens do Bope,
que invadiram o auditório
Ao final da atividade ministrada pelo Coronel Mendonça, os atletas foram surpreendidos com uma demonstração de homens do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope). Com direito a explosão de bombas, os militares simularam uma invasão e assustaram os jogadores. Alguns dos atletas chegaram a chorar. "Muitos conceitos utilizados pelo Bope servem para uma equipe de alto rendimento e, durante a palestra, foram feitas várias comparações. O Bope só trabalha no terreno inimigo. A ação deles é na casa do adversário. E nós precisamos ter personalidade e coragem para jogar fora de casa como jogamos em casa", disse o técnico Roberto Fernandes, que é filho de militar, em entrevista à Rádio Globo Natal. Sobre os jogadores que choraram durante a intervenção, o treinador alvirrubro brincou. "Já sei que esses aí não aguentam a pressão que vai ser lá. Já estão fora da viagem", disse Roberto. "Nossa participação foi curta, mas mostramos a eles que mesmo em face das dificuldades do dia a dia, superamos nossos limites para exercer bem o nosso trabalho", declarou o Tenente Luiz Barros, do Bope, que participou da ação.

Fonte: Tribuna do Norte

ABC 0 x 0 Vitória Campeonato Brasileiro Série B 18/9/2015

Hélio dos Anjos destaca domínio, mas lamenta "falta de sorte" do ABC


Hélio dos Anjos - técnico do ABC (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)Hélio dos Anjos lamentou falta de sorte do ABC (Foto: Augusto Gomes/GEsporte.com)

O ABC comprovou nesta sexta-feira que, quando a fase é ruim, não tem jeito. O Alvinegro dominou o duelo contra o Vitória, mas teve que digerir mais um empate sem gols em casa. O jejum de vitórias chegou ao 16° jogo e a equipe continua afundada na zona de rebaixamento, na 19ª posição, com 23 pontos. O técnico Hélio dos Anjos lamentou a falta de sorte da equipe potiguar na Arena das Dunas. Para mim, foi o melhor jogo que fizemos agora dentro do campeonato. Recebi os dados do nosso analista e, para se ter ideia, nós tivemos 60% de posse de bola no primeiro tempo. Nós tivemos 16 situações de gol. Eu não tenho nada a reclamar dos jogadores. Na vida, em alguns momentos, um pouco de sorte faz parte. Estamos com um pouco de falta de sorte. Não vivo de sorte. Tem um ditado: 'Sem sorte você não atravessa a rua. Com sorte, você corre o mundo' - declarou. Sob o comando de Hélio dos Anjos, o ABC atingiu o oitavo jogo sem vitória - são seis empates e duas derrotas. O treinador disse que nunca viveu um momento tão ruim no futebol. Ressaltou ainda o empenho dos jogadores, que buscaram o triunfo a todo custo, mas não foram felizes nas finalizações. Este grupo não é pior do que nenhum da Série B. Eu estou com orgulho muito grande deste grupo. Com todo respeito aos torcedores e aos dirigentes, ninguém mais merece a vitória do que estes jogadores. Eles estão massacrados e estão tendo a personalidade para impor o jogo. São de uma dedicação ímpar. A dor é muito grande nos vestiários, mas a reação está sendo positiva. A gente precisa alimentar o torcedor de esperança. Esta é a consideração dada em campo - completou.O comandante alvinegro ainda falou sobre a participação do atacante Rafinha, que substituiu Erivélton no segundo tempo, mas logo sentiu a contusão novamente. Hélio assumiu o erro porque não devia ter forçado a entrada do jogador. Fui eu que decidi colocar o Rafinha. Eu tinha os dados do departamento médico, do jogador, e infelizmente ele sentiu. A decisão é minha sempre - finalizou.
Por Natal

Luiz Eduardo tem nome publicado no BID e pode estrear pelo América-RN

O América-RN ganhou mais um reforço para a partida contra o Confiança na próxima segunda-feira, em Sergipe. O atacante Luiz Eduardo, contratado pelo Mecão na semana passada e que chega com vínculo até novembro do próximo ano, teve o nome publicado nesta quinta-feira no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF.
Luiz Eduardo - atacante do América-RN (Foto: Jocaff Souza/GloboEsporte.com) 
Luiz Eduardo é mais uma opção no América-RN para jogo
contra o Confiança (Foto: Jocaff Souza/GloboEsporte.com)

Luiz Eduardo tem 30 anos e estava na Luverdense, clube que disputa a Série B do Campeonato Brasileiro. O jogador nasceu em Parelhas, a 232 km de Natal e reúne passagem pelas categorias de base do ABC, além de ter vestido a camisa do Corintians-RN. O atacante foi vice-artilheiro do Campeonato Mineiro deste ano, com oito gols. Pelo Luverdense, marcou três gols na Série B.
Por Natal

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Rhayner reconhece ABC melhor e destaca ponto conquistado


ABC x Vitória, na Arena das Dunas (Foto: Frankie Marcone/Divulgação/ABC)Na Arena das Dunas, Vitória empata sem gols com ABC (Foto: Frankie Marcone)

O Vitória tinha pela frente o pior mandante da Série B. O ABC entrou em campo na noite desta sexta-feira, na Arena das Dunas, sem ter vencido partidas em casa na Segunda Divisão. Era de se esperar que o Rubro-Negro dominasse as ações da partida e deixasse o gramado com mais um triunfo. As expectativas, contudo, às vezes são frustradas. O goleiro Roberto Fernández foi o grande destaque do time baiano e garantiu um empate em 0 a 0 no Rio Grande do Norte, o que, para o atacante Rhayner, ficou na conta do lucro. Nossa equipe veio hoje com a proposta de jogo de tentar afunilar o time deles, aproveitar a fase deles, para ver se erravam. Acabou que foram muito bem no jogo. Pelas circunstâncias da partida, o ponto foi conquistado. Pelas chances de gol que eles tiveram... Nosso time não conseguiu criar. Foi um ponto ganho aqui – disse o jogador, que atuou durante toda a partida, levou um cartão amarelo e vai para a lista dos pendurados do Rubro-Negro. De acordo com a análise de Rhayner, a maior posse de bola potiguar (53%) e a falta de criatividade rubro-negra foram determinantes para que o ABC tivesse superioridade em campo. Eles conseguiram ficar com a bola, controlar o jogo. Jogaram a nossa equipe para trás. A gente não conseguiu atacar, criar. No segundo tempo, tentamos ajustar o meio de campo, mas não surtiu efeito. É dar parabéns para eles pela maneira que jogaram contra a gente – declarou. Com o empate no Rio Grande do Norte, o Vitória chegou aos 46 pontos e se mantém na terceira posição da tabela, com a possibilidade de cair para quarto a depender do resultado da partida entre Bahia e Sampaio Corrêa, neste sábado. O Rubro-Negro volta a jogar no dia 26 deste mês, contra o Paysandu, na Arena Fonte Nova, em Salvador.
Por Natal


"A maré não está para peixe", lamenta Edno após 16º jogo sem vitória do ABC

O ABC insistiu demais e chegou até a mandar uma bola no travessão do Vitória, mas acabou saindo da Arena das Dunas com mais um empate, esse sem gols. O resultado só faz aumentar a preocupação da torcida contra o rebaixamento, já que o Alvinegro chega ao 16º jogo sem vencer nesta Série B do Brasileirão. Na 19ª colocação, com 23 pontos, o Mais Querido se afunda numa crise e tanto jogadores como a comissão técnica não conseguem explicar a má fase vivida pelo clube. O atacante Edno, que fez uma boa partida contra o Leão baiano, saiu de campo desolado com o empate e a quantidade de bolas desperdiçadas pelo ataque abecedista. Para o jogador, o elenco está dedicando ao máximo durante os treinamentos e os jogos, mas segundo ele, "a maré não está para peixe", o que justifica a falta de vitórias. Incomoda, né! Vocês vem que não falta luta, não falta empenho, não falta dedicação. A bola não entra, bate na trave, os caras tiram em cima da linha e a gene massacra daqui, massacra dali e a bola não entra. Não tem explicação, porque falta de correr e de dedicação, esse grupo não está deixando a desejar nada. Estamos trabalhando, nos dedicando e enquanto tiver chances, nós vamos acreditar até o fim. Vamos lutar. É difícil, é uma competição muito difícil, mas vamos lá erguer a cabeça e acho que a gente está no caminho certo, as coisas que não estão dando certo. Infelizmente, a maré não está para peixe para nós, como dizem. É continuar lutando, porque uma hora essa vitória vai vir - lamentou Edno.
Edno, atacante do ABC (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com) 
Edno lamentou as chances desperdiçadas pelo ABC durante
a partida (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)
Por Natal

Não deu! ABC joga melhor que o Vitória-BA, mas não consegue vencer

ABC desperdiçou grandes oportunidades (Foto: Wellington Rocha/PortalNoAr)
ABC desperdiçou grandes oportunidades
(Foto: Wellington Rocha/PortalNoAr)
O ABC empatou com o Vitória-BA, em 0 a 0, e segue seu dramático jejum de vitórias na Série B que já perdura há 16 jogos. A partida ocorrida na Arena das Dunas teve início às 19 horas desta sexta-feira (18) e contou com 3.148 espectadores. O jogo foi válido pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. Além da série de jogos sem triunfo no campeonato nacional, o time ainda não venceu jogando como mandante. São 14 partidas realizadas em Natal, com oito empates e seis derrotas. O técnico Hélio dos Anjos chegou ao seu oitavo jogo à frente da equipe, com seis empates e duas derrotas. O treinador não conseguiu ganhar com o Alvinegro. Com o resultado, o ABC segue na zona de rebaixamento, na 19ª posição, com 23 pontos. No G4 da tabela de classificação, o Vitória ocupa a terceira colocação tendo conquistado 46 pontos. O ABC fez um primeiro tempo melhor que o adversário. Jogando em casa, o time criou mais oportunidades de gol, no entanto, não conseguiu lograr êxito. O meia-atacante Edno, que retornou ao time depois de três rodadas, foi o jogador que mais vezes apareceu à frente da meta defendida pelo goleiro Roberto Júnior. Foram três oportunidades desperdiçadas por Edno. Na primeira, aos nove minutos, chutou a bola na zaga do time baiano. Aos 37, driblou o goleiro, porém não conseguiu converter em gol. Quatro minutos depois, decidiu arriscar de fora da área e a bola passou pela linha de fundo. As circunstâncias do jogo contribuíram para a manutenção da fase ruim da equipe potiguar. Na etapa final, foram inúmeras chances desperdiçadas pelo time com a bola teimando em não entrar. Aos 15 minutos, Rafael Miranda chutou para fora, livre de marcação inimiga. Cinco minutos depois, em um cruzamento vindo da direita, Rafinha colocou pela última linha. Nos minutos finais, a pressão aumentou ainda mais. O atacante Romarinho entrou no jogo e deu boa mobilidade no ataque abecedista. Mas sem sucesso. O jogo acabou com empatado sem gols e o Mais Querido segue em vencer em casa no certame nacional. As duas equipes ganharam uma semana inteira de preparação até a próxima rodada. No sábado (26), o ABC jogará na Arena Pernambuco contra o Náutico-PE. O Vitória reencontra sua torcida diante do Paysandu-PA, no Barradão. As partidas estão marcadas para as 16h30.
Fonte: Portal no Ar

ASSU vence e fica muito perto do regresso à elite do futebol estadual

Nininho marcou mais um gol e é o artilheiro do ASSU com 03 gols.
O ASSU
derrotou o Atlético Potengi por 2x1 nesta sexta-feira, 18, valendo pela penúltima rodada do Campeonato Estadual da segunda divisão. Com o resultado, o alviverde do Vale do Açu ficou muito perto de garantir o seu acesso de volta à elite do futebol estadual. Os gols da vitória foram marcados pelo lateral-esquerdo Nininho e pelo centroavante Val Paraíba. O meia Erisson descontou para o Potengi. Todos os gols saíram no primeiro tempo. O jogo aconteceu no Estádio José Nazareno, na cidade de Goianinha. O título da competição, bem como a vaga para a primeira divisão em 2016, poderá vir com uma rodada de antecedência, sem a necessidade de o ASSU buscar o resultado na última rodada no duelo contra o Santa Cruz. Isso será possível se o Santa Cruz não conseguir bater o Mossoró Esporte Clube no jogo deste sábado, 19, também em Goianinha. O Santa Cruz é o único time que poderá fazer frente ao ASSU na briga pelo acesso. Mesmo assim, a situação do time Assuense é muito cômoda na tabela. A equipe chegou aos 13 pontos e poderá alcançar os 16, e o Santa no máximo poderá chegar aos 13. Significa dizer que, mesmo o Santa vencendo o jogo deste sábado, o ASSU continuará com ótimas possibilidades de ser campeão na ultima rodada.


Marcos Santos/da Redação/JF/imagem: TV Camaleão

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Confiança vence o Vila Nova e encosta no América

Goiânia, GO, 17 (AFI) – Mesmo jogando em casa, o Vila Nova não conseguiu assumir a liderança do Grupo A da Série C do Campeonato Brasileiro. Em partida válida pela 15ª rodada, que tinha sido adiada devido às fortes chuvas em Goiânia, o Tigre foi derrotado pelo Confiança nesta quinta-feira por 2 a 1. Apesar da derrota, o time goiano ainda tem boas chances de avançar como líder do grupo para as oitavas de final da Série C. Com 30 pontos, o Tigre ocupa a segunda colocação, atrás apenas do líder Fortaleza, com dois pontos a mais. Para o Confiança, o resultado foi muito importante pois colocou o time na 5ª colocação, com 25 pontos, apenas um ponto atrás do América-RN, que fecha o G4.
COMEÇO ARRASADOR DO DRAGÃO
Apesar do favoritismo do adversário, foi o Confiança quem chegou com perigo primeiro e já abriu o placar logo no segundo minuto de jogo. Na primeira chance que teve, o meia Wallace Pernambucano recebeu dentro da área e bateu para marcar. Melhor no jogo, o Dragão ainda ampliou. Aos 15 minutos, Wallace Pernambuco apareceu em condições de finalizar novamente e o chute desviou no zagueiro Vitor, traindo o goleiro Edson que nada pôde fazer.
Já com 2 a 0 contra, o Vila Nova finalmente entrou no jogo e passou a chegar com certo perigo. Depois de algumas oportunidades ofensivas desperdiçadas, Gustavo Bastos aproveitou cobrança de escanteio para diminuir para o Tigre, aos 27 minutos. 
BAIANO ENTROU, MAS NÃO ADIANTOU
Na segunda etapa, o Vila Nova partiu para cima para buscar o empate ou até a virada, mas a defesa do Confiança estava bem postada. O lateral-direito Baiano, com passagens por Palmeiras, Santos, Vasco e Boca Juniors, que foi contratado esta semana, entrou no intervalo no lugar de Vitor para deixar o time ainda mais incisivo, mas seu desentrosamento com os companheiros era evidente. Os minutos finais foram de pressão do Vila, mas os visitantes souberam se segurar até o final, conquistando importante vitória fora de casa e impedindo a vitória do time goiano.
PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times voltam a campo na próxima segunda-feira, às 20h30, pela 17ª rodada. No Serra Dourada, o Vila Nova recebe o Salgueiro, enquanto o Confiante mede forças com o América-RN no Batistão.
por Agência Futebol Interior 

ABC x Vitória - Ainda "virgem" em casa, Elefante precisa reagir contra o forte Leão da Barra

Precisando desesperadamente voltar a vencer, o ABC recebe o Vitória nesta sexta-feira, às 19 horas, na Arena das Dunas, pela 27ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O time da casa está afundado na zona do rebaixamento, enquanto os baianos estão entre os primeiros, na briga pelo acesso. Em 15 partidas diante de sua torcida, o time potiguar ainda não conseguiu uma vitória e precisa acabar com esse tabu para reagir. Com 22 pontos, o Elefante é o penúltimo colocado da competição, acima apenas do lanterna Mogi Mirim, que tem a mesma pontuação, mas um saldo de gols inferior. Para escapar da degola, o objetivo é alcançar o Atlético-GO, primeiro time fora da zona, com 30 pontos. Na outra ponta da tabela, o Vitória é o terceiro colocado, logo acima do rival Bahia, que tem os mesmos 45 pontos, mas uma vitória a menos. O segundo colocado é o Paysandu, com 47, e o líder é o Botafogo, com 49. O Sampaio Corrêa, com 43 pontos, é o primeiro time fora do G4.

EDNO DE VOLTA
O maior reforço do ABC para essa partida é a volta do atacante Edno. Recuperado de uma lesão na coxa esquerda, que o deixou fora de combate nas duas últimas rodadas, o jogador treinou normalmente com o restante do elenco e deve ficar à disposição do técnico Hélio dos Anjos nesta sexta-feira.O restante do time que atuou na última rodada, quando o ABC fez jogo duro, mas foi derrotado pelo vice-líder Paysandu por 3 a 2, deve ser mantido para tentar buscar finalmente a primeira vitória dentro de casa. 
DESFALQUES DO LEÃO
O Vitória tem dois desfalques para o jogo por problemas musculares. O zagueiro Guilherme Mattis, que já não atuou na partida contra o Mogi Mirim, na última rodada, porque estava suspenso pelo terceiro cartão amarelo, sentiu um edema e está vetado. Para o seu lugar, Kanu será segue no time titular. O outro desfalque é o lateral-direito Diogo Mateus, que se machucou na 25ª rodada, contra o Atlético-GO, e segue sem condições de jogo. Dessa forma, Diego Renan também continua como titular do Rubro-Negro Baiano.
por Agência Futebol Interior 

Jucimário Fernandes apita Corinthians e Dinamarca

Jucimário Fernandes
O Presidente da Liga Açuense de Desportos, no uso de suas atribuições determina a seguinte escala de árbitros para a partida final da 2ª Copa dos Campeões Assuenses de Futebol Amador 2015.
Data
Dia
Horário
Jogo
Confronto
19/09
Sab
15h30m
07
Dinamarca x Corinthians
Árbitro
Jucimário Fernandes
Assistente 1
Gerson Luiso do Nascimento
Assistente 2
Francisco Edson do Nascimento
Delegado
Francisco Gelson de Macedo
Representante
Joaquim Filomeno Neto
Fonte: LAD/Imagem: L.Filho

ASSU pode ser campeão da segundona neste final de semana




Faltando duas rodadas para o término da 2ª Divisão do Campeonato Potiguar o ASSU faz as contas na busca para chegar a elite do futebol potiguar outra vez. O Camaleão do Vale só precisa conquistar 4 dos 6 pontos que ainda serão disputados para ser campeão. Líder isolado da segundona o alviverde da terra dos poetas encara o Atlético Potengi nesta sexta-feira as 16h em Goianinha no Nazarenão, mesmo estádio onde o time foi rebaixado no passado. O ASSU poderá ficar com o título já neste sábado quando também em Goianinha o Santa Cruz recebe o Mossoró. Basta o Camaleão fazer sua parte vencendo, e o time oestano que ainda não marcou um ponto sequer, quebrar essa rotina fora de casa. Em vídeo o goleiro Elias França que ainda não sofreu gols em nenhum dos quatro jogos do clube no certame futebolístico e o técnico Reginaldo Sousa, falam sobre as expectativas para mais esse jogo encarado pelo comandante assuense como uma decisão a exemplo dos demais.
Fonte: TV Princesa/Camaleão

"Me incomoda", diz Hélio dos Anjos sobre marca negativa à frente do ABC


ABC - Gilvan, Saulo e William - goleiros (Foto: Divulgação/ABC)Gilvan (à direita) deve dar lugar a Saulo(de preto) no gol alvinegro (Foto: Div./ABC)

O ABC encara o Vitória nesta sexta-feira, na Arena das Dunas. Para o duelo contra os baianos, que começa às 19h, nesta sexta-feira, o Alvinegro terá que enfrentar não só o adversário em campo, mas também os números negativos da atual temporada. Além de ainda não ter vencido nenhuma vez jogando em casa nesta Série B, desde que Hélio dos Anjos assumiu o Alvinegro, há menos de um mês, a equipe carrega um baixo aproveitamento. Em sete jogos, foram cinco empates e duas derrotas, números que ajudaram o ABC a chegar a 15 jogos seguidos sem vencer na competição. Tais números não têm agradado o treinador, que admite estar incomodado com a situação.



Eu sinto muito mais do que qualquer um, porque
comando é comando. Eu não perco o meu rumo, eu não perco as minhas atitudes positivas perante o grupo. Eu sou responsável por esses sete jogos e sou responsável também pelos outros jogos que eu não participei, porque, desde quando cheguei, eu disse nitidamente que eu não estava recebendo nenhuma herança. Eu adquiri aquilo porque, a partir do momento que eu vim, sabia de tudo o que havia acontecido e abracei essa causa. Me incomoda. Sete jogos sem vitória me incomodam. E o que me incomoda mais é que nós não estamos fazendo jogos ruins, não estamos fazendo jogos que deixam o torcedor decepcionado e o adversário grande perante nós. Temos feito jogos equilibradíssimos, mas eu já frisei: dedicação e bom jogo não querem dizer nada em uma hora como essa - declarou. Para enfrentar o Vitória, Hélio dos Anjos evidenciou mudanças no treino desta quinta-feira, no Frasqueirão. O treinador tem a volta do atacante Edno, que esteve fora da equipe por conta de uma contusão. Tem três dias que o Edno está trabalhando normalmente. O processo de recuperação foi feito dentro daquilo que o medico detalhou. O próprio Rafinha, mesmo chegando um pouco aquém em relação ao Edno, também nos surpreendeu. Eu não posso retornar os dois jogadores ao mesmo tempo vindo de contusões. Então, a gente está colocando em campo quem está melhor condicionado neste momento, e o Edno está mais bem condicionado. Eu fico feliz de ter a opção do Edno, principalmente porque é um jogador que representa muito dentro do grupo com sua experiência, e, dentro da estrutura tática que eu pretendo jogar, o Edno casa bem ali no sistema ofensivo - explicou. Hélio dos Anjos também confirmou a volta de Saulo à meta alvinegra. Após falhas contra Bragantino e Paysandu, Gilvan foi barrado. Quando ele (Saulo) saiu da equipe foi por problemas particulares, que acabaram trazendo desequilíbrio. Tecnicamente é um jogador que vinha fazendo uma temporada muito boa, mas quando nós chegamos optamos pelo jogador que vinha jogando e que vinha bem, mas nós vimos nesse momento a necessidade de mexer nesse setor, que eu particularmente não gosto de mexer.  - disse.

Por Natal

Judson quer América-RN equilibrado para buscar classificação à fase final


Judson - volante do América-RN (Foto: Jocaff Souza/GloboEsporte.com)Judson quer Mecão com mais atitude jogando fora de casa(Foto: Jocaff Souza)

O jogo contra o Confiança vai acontecer somente na próxima segunda, mas a preparação para a partida, que pode decidir a classificação do América-RN para as quartas de final da Série C do Brasileirão, segue em ritmo forte. Nesta quinta-feira, a equipe alvirrubra fez um trabalho tático, priorizando trocas de passes e jogadas de linha de fundo no excelente gramado da Arena das Dunas, em Natal. Com desempenhos diferentes dentro e fora de casa, o Alvirrubro procura o equilíbrio para avançar na competição. Como mandante, o time é um dos mais positivos, com seis vitórias e dois empates. Como visitante, a equipe conquistou uma vitória, três empates e quatro derrotas. Judson espera que a equipe repita o comportamento que mostra na Arena das Dunas jogando no Batistão, em Sergipe. Nós sabemos da necessidade de fazermos um resultado positivo e tirar logo essa desconfiança que muita gente colocou, e que chega ao grupo de que não conseguimos manter o rendimento dentro de casa jogando fora. A gente vai buscar equilibrar e conseguir um resultado positivo diante do Confiança - analisou. Para buscar a segunda vitória no campeonato e bater o Confiança, o volante acredita que o elenco precisa ter mais atitude. Destaque da equipe americana na temporada, Judson reforça que todos os jogadores estão focados em buscar a vitória. Acho que (precisamos) da atitude. Nós sabemos que é uma decisão mais importante de todo o campeonato, para irmos ao mata-mata. Vencendo, nós damos um grande passo. É esse o intuito, de irmos para lá, com foco total, não que antes o time não tivesse, mas agora com o foco redobrado para conseguirmos o objetivo, que é o resultado positivo - planejou.
Roberto Fernandes - técnico do América-RN (Foto: Canindé Pereira/Divulgação) 
América-RN mantém concentração para encarar o Confiança
nesta segunda-feira (Foto: Canindé Pereira/Divulgação)
Sonho com o acesso 
A busca pelo retorno à Série B em 2016 é o principal objetivo do América-RN este ano. Mesmo com a título do Campeonato Potiguar, os jogadores sabem que a pressão em voltar para a Segundona supera a conquista no primeiro semestre. Para tanto, Judson ressalta que a responsabilidade pela classificação é grande, mas espera ter êxito ao final do ano. Temos essa responsabilidade de conseguir a classificação, que é tão esperada não só pela torcida, mas principalmente por nós jogadores. A gente sabe da importância, um ano de centenário e é indiscutível que nós temos que colocar o América-RN na Série B - finalizou.
Por Natal

Eduardo Marinho apita Atlético x ASSU

Eduardo Marinho apita CAP X ASSU(Foto: Canindé Pereira)
A Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol já divulgou a escala de árbitros para os jogos da 5ª rodada do Estadual 2ª Divisão do RN. Clique na imagem abaixo e veja os nomes e demais condições de cada jogo. Segue:

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

"Foi uma conversa mais tática", diz goleiro do América-RN após reunião

O treino do América-RN desta quarta-feira, realizado no CT Dr. Abílio Medeiros, em Parnamirim, começou duas horas mais tarde que o habitual. O motivo do atraso foi uma longa reunião entre a comissão técnica e os jogadores. Questionado sobre o teor da conversa, o goleiro Pantera revelou que o papo desta vez foi "mais tático", com análise de vídeos e focando especificamente os erros cometidos pela equipe americana em campo.
Pantera goleiro do América-RN (Foto: Canindé Pereira/Divulgação) 
Pantera diz que conversa desta quarta-feira analisou
erros da equipe alvirrubra (Foto: Canindé Pereira/Divulgação)
Foi uma conversa mais tática, com análise, com vídeos, para que a gente possa observar certas coisas. Nessa reta final nós precisamos minimizar os erros, porque vamos para uma fase decisiva, onde não se tem margem para errar. Estamos tentando corrigir algumas coisas, vendo questão de posicionamento, coisas que não conseguimos observar na adrenalina da partida e que, depois dos jogos, com tranquilidade, observando vídeos, vendo os VTs dos jogos, podemos analisar onde estamos errando e tentar corrigir para chegar cada vez melhor nas decisões - revelou. Por falar em erros, o próprio goleiro foi protagonista de um deles no último jogo do Alvirrubro pela Série C, no empate em 2 a 2 com o Cuiabá. O gol de Geovani, que abriu o placar para a equipe da casa, saiu após chute forte em cobrança de falta que o goleiro alvirrubro tentou defender, mas acabou aceitando. Questionado se esse tipo de conversa é comum e se a comissão técnica, juntamente com o elenco, chegou a uma conclusão acerca dos erros mais comuns cometidos pela equipe, Pantera preferiu não "dar munição aos adversários".
(Foto: Klênyo Galvão/GloboEsporte.com)
Não é de agora. Roberto (Fernandes) vem tentando corrigir isso (erros) há muito jogos. São várias situações, não posso expor muitas delas porque não podemos dar munição para os nossos adversários, mas pode ter certeza que estamos trabalhando para que, já no próximo jogo, possamos garantir a nossa classificação e fazer um último jogo tranquilo - disse. Em quarto lugar na tabela de classificação, com 26 pontos, o América-RN ostenta uma vantagem de quatro pontos para o Confiança, quinto colocado. Porém, a equipe sergipana tem um jogo a menos e jogará contra o Vila Nova, no Serra Dourada, nesta quinta-feira, e pode diminuir para apenas um ponto a diferença para o Alvirrubro antes do duelo entre as duas equipes. Para o goleiro americano, "secar" o adversário direto é algo natural a se fazer. Todas as equipes que não estão em campo, quando o seu adversário direto está jogando, é evidente que você torce para que ele tropece. Não sabemos o que pode acontecer, mas, se o resultado for a nosso favor, é melhor. Com certeza a gente vai estar torcendo para que o resultado que favoreça o América-RN aconteça - declarou.
Por Natal

Edno é liberado pelo DM e deve encarar o Vitória na Arena das Dunas

Um índice de rebaixamento de mais de 90% e um jejum de 15 partidas sem vencer na Série B do Campeonato Brasileiro. Esse é o retrato do ABC, que se reapresentou na tarde desta quarta-feira, no CT Alberi Ferreira de Matos, na zona Sul de Natal, após a derrota para o Paysandu, por 3 a 2, nesta terça. A novidade foi a presença do atacante Edno, recuperado de uma lesão na coxa esquerda e que o tirou das últimas duas partidas. O jogador deve enfrentar o Vitória, na próxima sexta-feira, na Arena das Dunas.
ABC - treino - CT Alberi Ferreira de Matos - Edno  (Foto: Jocaff Souza/GloboEsporte.com) 
Edno (centro) participou do treino com bola entre os reservas
nesta quarta-feira (Foto: Jocaff Souza/GloboEsporte.com)

O técnico Hélio dos Anjos apenas ficou apenas de observador, enquanto o auxiliar Guilherme dos Anjos comandou o trabalho em campo. Os jogadores que enfrentaram o Papão fizeram trabalhos físicos na academia do clube, enquanto os reservas e os atletas que não foram relacionados, participaram de uma atividade tática. O Alvinegro está na 19ª posição, com 22 pontos e encara nesta sexta-feira em Natal o Vitória, terceiro colocado com 45 pontos e quem vem de uma goleada por 4 a 1 sobre o lanterna Mogi Mirim. A partida está marcada para às 19h.

Por Natal

Marcos Trindade faz um resumão da segundona 2015


O ASSU lidera a segunda divisão 2015  em todos os quesitos
1ª rodada
22 de agosto – S anta Cruz de Natal 2x2 Atlético Potengi – gols de Pará e Rafael para o Santa Cruz; Binha e Flávio para o Potengi. Arbitragem de Luiz de França Varela. Renda de R$ 260,00 para 39 pagantes. Jogo realizado no estádio Nazarenão, em Goianinha.
22 de agosto – Mossoró 0x3 ASSU – gols de Nininho, Duduzinho e Da Silva. Arbitragem de Emanoel Eduardo Marinho. Renda de R$ 1.615,00 para 171 pagantes. Jogo realizado no estádio Nogueirão, em Mossoró.
2ª rodada
29 de agosto – Mossoró 1x3 Santa Cruz – gols de Pedrinho para o Mossoró; Juninho Bahia, Moisés e Andrey para o Santa Cruz. Arbitragem de Alciney Santos de Araújo. Renda de R$ 210,00 para 31 pagantes. Jogo realizado no estádio Nogueirão, em Mossoró.
29 de agosto – ASSU 0x0 Atlético Potengi. Arbitragem de Leandro de Sales Barchz. Renda de R$ 5.660,00 para 658 pagantes. Jogo realizado no estádio Edgarzão, em Açu.
3ª rodada
04 de setembro – Atlético Potengi 3x1 Mossoró – gols de Erisson (2) e Doda para o Potengi; Pedrinho para o Mossoró. Arbitragem de Emanoel Eduardo Marinho. Renda de R$ 40,00 para 04 pagantes. Jogo realizado no estádio Nazarenão, em Goianinha. 05 de setembro – Santa Cruz 0x2 ASSU – gols de Val Paraíba e Nininho. Arbitragem de Lenilson de Lima. Renda de R$ 260,00 para 38 pagantes. Jogo realizado no estádio Nazarenão, em Goianinha.
4ª rodada
12 de setembro – Atlético Potengi 0x1 Santa Cruz – gol de Juninho Bahia. Arbitragem de Moisés Estevão de Moura Lima. Renda de R$ 10,00 para 01 pagante. Jogo realizado no estádio Nazarenão, em Goianinha.
13 de setembro – ASSU 1x0 Mossoró – gol de Jefinho. Arbitragem de Rodrick Kennedy de Oliveira Santos. Renda de R$ 4.710,00 para 646 pagantes. Jogo realizado no estádio Edgarzão, em Açu.
Os números
Jogos e gols
Total de jogos – 08
Gols marcados – 19
Média por jogo – 2,38
Artilheiros
02 gols – Juninho Bahia do Santa Cruz
02 gols – Nininho do ASSU
02 gols – Erisson do Potengi
02 gols – Pedrinho do Mossoró
01 gol – Val Paraíba do ASSU
01 gol – Rafael do Santa Cruz
01 gol – Pará do Santa Cruz
01 gol – Moisés do Santa Cruz
01 gol – Jefinho do ASSU
01 gol – Flávio do Potengi
01 gol – Duduzinho do ASSU
01 gol – Doda do Potengi
01 gol – Da Silva do ASSU
01 gol – Binha do Potengi
01 gol – Andrey do Santa Cruz
Renda e público
Total de renda – R$ 12.765,00
Jogos realizados – 08
Média por jogo – 1.596,00
Total de público – 1.588
Jogos realizados – 08
Média por jogo – 198
Público por clube
Clube Público Jogos Média

ASSU 1.304 02 652
Mossoró 202 02 101
Santa Cruz 77 02 39
Potengi 05 02 03
Todas as rendas e públicos
Jogo Renda Público
ASSU 0x0 Potengi 5.660,00 658
ASSU 1x0 Mossoró 4.710,00 646
Mossoró 0x3 ASSU 1.615,00 171
Santa Cruz 2x2 Potengi 260,00 39
Santa Cruz 0x2 ASSU 260,00 38
Mossoró 1x3 Santa Cruz 210,00 31
Potengi 3x1 Mossoró 40,00 04
Potengi 0x1 Santa Cruz 10,00 01
Os árbitros
Árbitro Jogos

Emanoel Eduardo Marinho 02
Luiz de França Varela 01
Alciney Santos de Araújo 01
Leandro Sales Barchz 01
Moisés Estevão de Moura Lima 01
Rodrick Kennedy de Oliveira Santos 01
Lenilson de Lima 01
Nota: Material organizado por Trindade Dados Estatísticos do pesquisador
Marcos Trindade.

Há 15 jogos sem vencer, zagueiro do ABC garante: "Vamos lutar até o fim"

Foi dele o segundo gol do ABC, aos 43 minutos do segundo tempo, diante do Paysandu. Adriano Alves marcou de cabeça e deu início a uma blitz abecedista pelo empate no Mangueirão, nesta terça-feira. Porém, o esforço foi em vão. O Alvinegro perdeu por 3 a 2 e chegou ao 15º jogo sem vitória na Série B, o maior jejum entre todas as equipes do Campeonato Brasileiro. O zagueiro, contudo, garante que o time vai lutar até o fim para se livrar do rebaixamento.
Adriano Alves - zagueiro do ABC (Foto: Reprodução/Premiere FC)Adriano Alves lamentou derrota e disse que vai lutar até o fim (Foto: Reprodução/Premiere FC)
- É difícil. A gente vem lutando jogo a jogo, buscando uma vitória, mas infelizmente isso não está acontecendo. E quando não acontece é porque falta alguma coisa. Mas acredito que não falta empenho, luta, determinação dessa equipe. Mas a gente vai lutar. Enquanto houver chance a gente vai brigar até o fim do campeonato para sair dessa situação que é muito complicada. A gente sabe que é difícil, no ano centenário do clube, mas pode ter certeza que vamos lutar até o fim - disse o zagueiro. Com mais uma derrota, o Mais Querido segue na 19ª posição, com 22 pontos, e agora está a oito pontos do Atlético-GO, o primeiro time fora da zona da degola. No início desta 26ª rodada, o ABC tinha 91% de chance de ser rebaixado, número maior do que o lanterna da competição, o Mogi-Mirim, que tem 88%.

Por Natal


Paysandu 3 x 2 ABC Gols e Melhores Momentos Brasileirão Série B - 15/09/15

Zagueiro do Mecão planeja vitória longe de casa para dar moral ao time

A semana no América-RN vai ser de muito trabalho para os jogadores. O confronto direto contra o Confiança, marcado para a próxima segunda-feira, pode garantir o Mecão nas quartas de final da Série C do Brasileirão com uma rodada de antecipação. A cobrança entre os jogadores é grande por conta do baixo aproveitamento do time fora de casa. Em oito partidas, o América-RN venceu apenas uma, contra o Vila Nova. Do restante, foram três empates e quatro derrotas. Para o zagueiro Zé Antônio Potiguar, a concentração é a chave para o elenco conseguir a vitória. Caso obtenha o resultado positivo, o jogador acredita que o Alvirrubro chegará com mais moral para buscar o acesso à Série B no próximo ano.
América-RN - titulares fazem treino físico (Foto: Jocaff Souza/GloboEsporte.com) 
Zé Antônio Potiguar (esq.) participa de treino físico com
titulares do América-RN (Foto: Jocaff Souza/GloboEsporte.com)
Temos uma semana um pouco complicada, porque está havendo mais cobrança. Mas, o nosso grupo é forte, que vem bastante unido, concentrado. Sabemos que podemos melhorar também jogando fora de casa e um jogo como esse contra o Confiança pode nos dar moral na sequência do campeonato e conseguir outros resultados positivos fora de casa - analisou. Se o período de treinamentos será mais extenso para o Mecão, a situação parece ser mais desconfortável para o time sergipano. Nesta quinta, o Azulino enfrenta o Vila Nova no Serra Dourada, ainda em partida adiada por causa das fortes chuvas que caíram na semana passada e impediram o time de aterrissar em São Paulo, onde faria escala. Alheio aos problemas do Confiança, Zé Antônio Potiguar pede foco ao grupo americano para conquistar a classificação. Essa vitória vai ser de suma importância. Vai nos dar a classificação e vamos respeitar a equipe do Confiança, mas é um jogo duro. Temos que focar o máximo para que a gente possa conseguir os três pontos. Precisamos de mais empenho, mais concentração e foco total. Acho que isso aí vai nos ajudar bastante e vamos sair de lá vitoriosos - concluiu.

Por Natal

Assuense compõe primeira diretoria do recém-constituído CREF/RN

Foto:Arquivo pessoal
Aconteceu sábado passado, dia 12, no interior do auditório do Hotel Villa Park, em Natal, o ato oficial de constituição do Conselho Regional de Educação Física do estado, CREF-16. Em 1998, com a criação do Conselho Federal de Educação Física, CONFEF, os profissionais de Educação Física do estado faziam parte do CREF-05, que era composto por todos os estados do Nordeste. Em 2002 são criados novos conselhos, e o estado passa a integrar o CREF-10, juntamente com a Paraíba, com a sede do órgão na capital paraibana. Também no sábado, pela manhã, no mesmo local, foram empossados os primeiros 28 conselheiros do CREF-16, sendo 21 profissionais de Natal e sete profissionais representando o interior potiguar, para um mandato de três anos. O CREF-16 possui cinco comissões importantíssimas em caráter permanente: a Comissão de Controle e Finanças; Comissão de Ética Profissional; Comissão de Orientação e Fiscalização; Comissão de Legislação e Normas; e, a Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional. Cada Comissão é composta por cinco conselheiros, onde um é escolhido como presidente, um como secretário e os outros três integram a comissão como membros. O professor Túlio César de Medeiros Almeida, da cidade de Assú, foi escolhido em votação pelos 28 conselheiros, para presidir a Comissão de Controle e Finanças, e ser o Secretário da Comissão de Legislação e Normas. Ontem, a redação da Rádio Princesa do Vale buscou um contato com Túlio César que se expressou acerca da importância de constituição do CREF-16. O profissional assuense destacou que o CREF-16 já surgiu grande, falando do total de associados e anunciando os nomes que integram a primeira direção da entidade.
Fonte: Rádio Princesa do Vale

Assú sediará a 6ª etapa do Campeonato de Motocross

As equipes SR Racing e Papai Racing estão realizando a 37ª edição do Motocross de Assú nos dias 19 e 20 de setembro em curso, sábado e domingo respectivamente no CT André Leite estrada do Piató a partir das 08h. O evento é apresentado pela Associação Motociclismo do Vale do Açu (AMVA) Off Road e também se configura na 6ª etapa do Campeonato Norte-rio-grandense de Motocross 2015. A cobertura total segundo consta no seu cartaz oficial de divulgação será do portal S2 Sports. Já a animação e narração ficarão a cargo do locutor ‘Magrão Cross’ voz oficial das realizações do gênero. O total da premiação que contemplará os dez primeiros colocados nas treze categorias será de 13 mil 610 reais incluindo troféus e dinheiro. A organização disponibilizou dois números de telefone para quem desejar obter mais informações. Os contatos são (84) 99154- 9854/ 99819- 8007.
Fonte: ASSECOM

terça-feira, 15 de setembro de 2015

ABC sofre virada e acumula mais uma derrota na Série B do Brasileiro

ABC foi derrotado mais uma vez (Foto: RICARDO LIMA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO)
ABC foi derrotado mais uma vez (Foto: RICARDO LIMA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO)
Segue o jejum do ABC na Série B do Campeonato Brasileiro. Sem vencer há 15 jogos, o Alvinegro foi derrotado na noite desta terça-feira (15) pelo Paysandu-PA por 3 a 2. Léo e Betinho, duas vezes, marcaram a favor dos paraenses, enquanto Ronaldo Mendes e Adriano Alves fizeram os gols dos potiguares. Com a derrota na 26ª rodada da Segundona, o ABC segue com 22 pontos e ocupa a 19ª posição. O Paysandu continua firme na briga pelo acesso à Série A do nacional. A equipe tem 47 pontos e é o 2º colocado. Na sexta-feira (18), o ABC recebe o Vitória-BA na Arena das Dunas, pela 27ª rodada da Segunda Divisão nacional. O confronto está marcado para começar às 19 horas. O Paysandu terá pela frente o Náutico-PE, no dia seguinte, às 16h30, no Mangueirão, em Belém.
De virada
Jogando fora de casa, o ABC entrou em campo com uma postura mais defensiva para explorar as jogadas de velocidade. A proposta deu certo. Logo no minuto inicial, Bismark bateu de fora da área e Emerson pegou. Mas aos 7 minutos, o esquema funcionou. Após jogada rápida, Ronaldo Mendes avançou pela esquerda e bateu cruzado para abrir o placar a favor do Alvinegro. No entanto, a festa potiguar não durou muito tempo. Aos 12 minutos, após cruzamento da esquerda, Gilvan saiu mal do gol e soltou a bola nos pés de Léo, que só teve o trabalho de empurrar a pelota para as redes. Aos 23 minutos, o goleiro do Paysandu saiu jogando errado e deu a bola nos pés de Erivelton, que ajeitou e arriscou de fora da área. Emerson voou e fez a defesa. A resposta bicolor veio no minuto seguinte. Léo cruzou e Betinho desviou de cabeça para fora. Com mais ímpeto, a equipe bicolor se manteve no ataque e conseguiu a virada aos 32 minutos. Após cruzamento, o árbitro viu um toque de mão de Marcílio e marcou a penalidade. Betinho cobrou, Gilvan ainda tocou na bola, mas não evitou o tento. Empolgado com a vitória, o time do Pará seguiu pressionando. Aos 36 minutos, após lançamento da defesa, Léo driblou Gilvan e finalizou, mas sem direção. Na reta final da primeira etapa, Erivelton recebeu na área, mas pecou no chute e mandou a bola longe da trave.
Perdeu, perdeu
Na volta do intervalo, o técnico abecedista, Hélio dos Anjos, sacou Rafael Miranda e colocou Cleyton. Mas a substituição não alterou o panorama do jogo e o Paysandu continuou melhor em campo, com o controle da bola. Aos 17 minutos, o ABC até conseguiu marcar, após desvio de cabeça, mas a arbitragem flagrou o zagueiro Adriano Alves em posição irregular. Com a vantagem, o Paysandu valorizou a posse de bola e passou a explorar o contra-ataque aproveitando os espaços vazios na zaga alvinegra. E assim surgiu o terceiro gol da equipe aos 34 minutos. Em jogada rápida, Betinho recebeu cara a cara com Gilvan e tocou com tranqüilidade na saída do goleiro. O ABC tentou responder em seguida. Bismark cruzou, Romarinho furou, Wellington Bruno também tentou, mas mandou para fora. Aos 38 minutos mais uma tentativa. Bismark fez boa jogada individual, se livrou da marcação e finalizou. O goleiro Emerson fez boa defesa evitou o gol. Aos 43, finalmente, o Alvinegro conseguiu marcar. Após cobrança de falta, Adriano Alves subiu mais do que a defesa e marcou de cabeça. Nos instantes finais, o ABC ainda pressionou em busca do empate, mas a defesa do Paysandu se segurou e garantiu a vitória por 3 a 2.

Por Heilysmar Lima/Portal no Ar

Abnegados do Camaleão fazem campanha em prol do clube

Abnegados do ASSU estão sempre discutindo campanhas em prol do clube
Com uma campanha impecável na segundona Potiguar 2015 onde lidera com 10 pontos ganhos, o time do ASSU tem despertado o interesse da cidade e do torcedor abnegado em ajudar a diretoria do Camaleão nesta missão de recolocar o clube na divisão de elite do futebol do RN. Uma prova desta paixão pelo clube é que as viagens e as hospedagens que o time está está fazendo para Goianinha onde já jogou contra o Santa Cruz, e irá voltar para enfrentar o Atlético Potengi nesta sexta(19/09) tem sido pagas por campanhas feitas por esses torcedores através de sorteio de prêmios. Na primeira viagem foi sorteado um kit do clube com vários itens oficiais, nesta próxima viagem o prêmio a ser sorteado será uma TV de LED ofertada pela loja Pedrinho Eletromóveis, um dos parceiros do clube desde a sua fundação. Cada bilhete está sendo vendido ao preço de R$ 50,00 e o sorteio será realizado no último jogo do clube dia 26 contra o Santa Cruz no Edgarzão.
Texto: L. Filho/Imagem: G. Varela
    

América-RN adota medidas para coibir falsos estudantes na Arena das Dunas


Fila Arena das Dunas (Foto: Alexandre Filho/GloboEsporte.com)Arena das Dunas terá quatro bilheterias para atender estudantes (Foto: Alexandre Filho)

O América-RN vai adotar medidas preventivas para coibir o uso ilegal da identidade estudantil de terceiros e barrar os falsos estudantes nas partidas realizadas na Arena das Dunas. As novas normas passam a valer no próximo jogo do Alvirrubro em Natal, no dia 27, contra o Botafogo-PB, pela última rodada da primeira fase da Série C do Campeonato Brasileiro. Em comunicado emitido pelo clube, fica determinado que, a partir de agora, só será permitida a venda de um ingresso estudante por pessoa pela internet e na sede provisória do clube. Além disso, haverá fiscalização nas catracas do estádio para bloquear a entrada de quem estiver portando carteira de estudante de terceiros. A fiscalização vai ser de um por um, olhando no rosto e comparando com a foto que está no documento. Dessa vez, pode começar o jogo que não vai entrar enquanto não houver essa conferência. E quem comprar e não estiver com a carteira de estudante válida ou tiver esquecido em casa, vai ter uma bilheteria reservada para pagar a diferença, caso queria entrar no jogo. Vamos ter quatro bilheterias só para estudantes, para resolver esses casos - explicou Alex Padang, diretor de marketing do América.Para facilitar o acesso da torcida, haverá catracas exclusivas para estudantes no Portão N (Setor Leste) e catracas exclusivas para sócios e torcedores que pagam inteira no Portão M (Setor Leste). No Portão G (Setor Sul) haverá catracas para estudantes, sócios e pagantes de inteira.
Por Natal

LAD - Copa dos Campeões - Arbitragem

PORTARIA Nº 031/2015

O Presidente da Liga Açuense de Desportos, no uso de suas atribuições determina a seguinte escala de árbitros para a partida final da 2ª Copa dos Campeões Assuenses de Futebol Amador 2015.
Data
Dia
Horário
Jogo
Confronto
19/09
Sab
15h30m
07
Dinamarca x Corinthians
Árbitro
Jucimário Fernandes
Assistente 1
Gerson Luiso do Nascimento
Assistente 2
Francisco Edson do Nascimento
Delegado
Francisco Gelson de Macedo
Representante
Joaquim Filomeno Neto
Assú - RN, 15 de setembro de 2015.
Francisco das Chagas Soares
Presidente