O ESPORTE DE ASSU E REGIÃO, OBRIGADO PELA VISITA

sábado, 29 de outubro de 2016

Palmeiras e Dinamarca estão na final do Troféu Jacó Pereira

Foram conhecidos na tarde noite de hoje em Assu, os finalistas do Campeonato Assuense de Futebol Amador 2016 - Troféu José Jacó Pereira. Na primeira semifinal o Palmeiras do Alto são Francisco venceu o Botafogo do Porto Piató pelo placar de 2 a 1; Diego e Fabio Dantas marcaram para o Palmeiras enquanto que Pará descontou para o Botafogo. Na segunda Semifinal a Dinamarca não tomou conhecimento da Baixada Fluminense e venceu fácil por 4 a 0 com um show individual do baixinho Gugu que marcou os quatro gols. Confiram outras imagens.
 
Texto: L. Filho/Imagens: Jota Santos

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Por título inédito, Globo FC mantém base e reabilita atacante para estadual

Com perfil de clube formador de jogadores desde a fundação, o Globo FC planeja um bom investimento para o Campeonato Potiguar 2017 e deve colocar mais atletas das categorias da base na equipe profissional. O jovem grupo tem alguns destaques como o goleiro Rafael, os volantes Leomir e o atacante Romarinho, que foram emprestados ao América-RN para a Série C deste ano e retornam para o clube de Ceará-Mirim. Para o próximo ano, a aposta da diretoria e do técnico Luizinho Lopes é no centroavante Luizão. O jogador de 28 anos chegou ao Tricolor no início deste ano, mas sofreu uma grave fratura na perna direita e, praticamente, perdeu a temporada. Recuperado, o jogador deve ser o camisa 9 e uma das esperanças da busca pelo título estadual.
RN - Luizão, atacante do Globo FC (Foto: Rhuan Carlos/Divulgação) 
Luizão é a aposta do Globo FC para o Campeonato Potiguar 2017
(Foto: Rhuan Carlos/Divulgação)
Ao GloboEsporte.com, o presidente Marconi Barretto ressalta o bom trabalho do clube de Ceará-Mirim e espera que a Águia conquiste seu primeiro troféu de campeão potiguar. Desde 2014 na elite do futebol potiguar, após assegurar a vaga com a conquista da segunda divisão um ano antes, o Globo FC tem no currículo um vice-campeonato estadual. Nós estamos em fase de recuperação de um jogador,que contratamos em janeiro deste ano, e que sofreu uma fratura séria na perna direita no primeiro mês de clube. Ele ainda não havia sequer assinado com o clube, mas o fizemos para garantir a integridade dele. Ele está bem, chegou a jogar no fim da nossa participação na Série D deste ano e vamos apostar nele, por ser um centroavante. Temos ainda os quatro jogadores que emprestamos ao América-RN e a nossa base enriquecida com jovens promessas. Nós temos um time muito bem formado e espero que ele consiga dar liga e tenha sucesso no campeonato - contou Marconi Barretto.
LEIA MAIS
>>Árbitros do RN propõem mudanças na escala para jogos do estadual 2017

Quanto ao restante do grupo, o presidente do Globo FC revelou que o volante Pablo Oliveira e o atacante Romarinho despertam interesse de clubes nacionais e internacionais após a participação na terceira divisão nacional. A dupla está confirmada pelo dirigente para o estadual de 2017, mas existe a chance de negociação após a competição. Desses jogadores, Pablo e Romarinho despertaram a atenção de vários clubes. Vou ficar com eles para esse campeonato, pelo menos. Depois, são assuntos a se negociar. Dessa competição, eu espero que seja a nossa vez e que possamos comemorar o título - planejou o dirigente. Garantido na Copa do Brasil e na Série D de 2017, o Globo FC almeja a conquista de um dos turnos para assegurar o calendário de 2018. Quanto ao regulamento do estadual do próximo ano, Barretto discorda da fórmula adotada pela Federação Norte-rio-grandense de Futebol, que vai mandar os dois jogos das decisões e utilizar a Arena das Dunas como local dos confrontos. Segundo o presidente do Globo FC, por ter um estádio próprio, o clube de Ceará-Mirim pleitea mandar uma decisão ao lado da sua torcida, caso chegue à decisão. Eu gostaria que as finais do turnos, acontecendo que o Globo FC seja um deles, que tivéssemos a oportunidade de fazer a final em Ceará-Mirim e a outra, consequentemente, na Arena das Dunas. Infelizmente, não será possível, porque fomos voto vencido. Isso não significa que foi ruim para o Globo FC, porque eu tenho certeza que a renda com os dois sendo na Arena, dividindo ao meio, serão bem melhores do que qualquer outro jogo do estadual. Esperamos não estar somente em uma final de turno, mas na final da competição - completou.
Por Natal

LAD-Arbitragem Competição Amador Adulto 2016

PORTARIA Nº 041/2016
O Diretor de Árbitros da Liga Açuense de Desportos, no uso de suas atribuições, determina a seguinte escala de árbitros para as partidas da fase semifinal do 23º Campeonato Assuense de Futebol Amador Adulto 2016, Troféu: José Jacob Pereira.
Dia 29/10 - 15h15m - Jogo 43 – Botafogo do Porto Piató x Palmeiras
Árbitro: Cleber Medeiros de Brito
Assistente 1: Francisco Edson do Nascimento
Assistente 2: Nalyson Jardel Soares Rodrigues
Delegado: Joaquim Filomeno Neto
Representante: José Fábio de Souza
Dia 29/10 - 17h15m - Jogo 44 – Baixada Fluminense x Dinamarca
Árbitro: Jucimário Fernandes
Assistente 1: Nalyson Jardel Soares Rodrigues
Assistente 2: Francisco Edson do Nascimento
Delegado: José Fábio de Souza
Representante: Joaquim Filomeno Neto
Assú - RN, 27 de outubro de 2016.
José Fábio de Souza
Diretor de Árbitros
 

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

ASSU estréia fora de casa contra o Potiguar de Mossoró

O Camaleão do Vale em 2017 fará sua estreia fora de casa contra o Potiguar de Mossoró no dia 15 de janeiro às cinco da tarde no estádio Nogueirão, o segundo confronto do alviverde Assuense será em casa contra o atual campeão da segundona o Santa cruz de natal na segunda rodada.
Confira os jogos do 1º turno (Copa Rio Grande do Norte)
1ª rodada (15 de janeiro)
ABC x Globo FC
Alecrim x Baraúnas
Santa Cruz de Natal x América-RN
Potiguar de Mossoró x ASSU
2ª rodada (18 de janeiro)
Baraúnas x ABC
América-RN x Potiguar de Mossoró
ASSU x Santa Cruz de Natal
Globo FC x Alecrim
3ª rodada (22 de janeiro)
Santa Cruz de Natal x Globo FC
Potiguar de Mossoró x Baraúnas
Alecrim x ASSU
América-RN x ABC
4ª rodada (25 de janeiro)
Globo FC x América-RN
Alecrim x Potiguar de Mossoró
Baraúnas x ASSU
ABC x Santa Cruz de Natal
5ª rodada (29 de janeiro)
América-RN x Alecrim
Potiguar de Mossoró x Globo FC
Santa Cruz de Natal x Baraúnas
ASSU x ABC
6ª rodada (1º de fevereiro)
Santa Cruz de Natal x Alecrim
ASSU x Globo FC
Baraúnas x América-RN
ABC x Potiguar de Mossoró
7ª rodada (8 de fevereiro)
Potiguar de Mossoró x Santa Cruz de Natal
América-RN x ASSU
Globo FC x Baraúnas
Alecrim x ABC
Final do 1º turno
15 de fevereiro - 2º Colocado x 1º Colocado
19 de fevereiro - 1º Colocado x 2º Colocado
Fonte: FNF

ABC critica FNF por adoção da Arena das Dunas para finais dos turnos

A medida da Federação Norte-rio-grandense de Futebol de adotar os dois jogos das finais do primeiro e segundo turno do Campeonato Potiguar de 2017 na Arena das Dunas, em que se chegou a ser feita uma votação com os representantes dos oito clubes participantes, não agradou o vice-presidente de futebol do ABC, Leonardo Arruda. Ao GloboEsporte.com, o dirigente pôs em  questão a rentabilidade financeira da escolha da Arena para os clubes e ressaltou que tanto o Alvinegro, que possui o Estádio Frasqueirão, como o Globo FC, clube de Ceará-Mirim e que tem como patrimônio o Barretão, caso obtenham a vaga na decisão, não poderão jogar em casa.
ABC Leonardo Arruda, vice-presidente de futebol (Foto: Jocaff Souza/GloboEsporte.com)Leonardo Arruda criticou a posição da FNF em privilegiar a Arena das Dunas
(Foto: Jocaff Souza/GloboEsporte.com)
De uma hora para outra, a Federação achou de ter mando de campo das disputas de turno. Isso não existe. Mando de campo de decisão fica pelo critério técnico de cada clube. Sendo uma disputa de dois jogos, fica um mando de campo para cada clube. A Federação se alvorou de ter o mando e impor, inclusive, o estádio. Os jogos terão quer ser feitos na Arena das Dunas, com todos os custos. O ABC está sendo penalizado, porque tem um estádio. Imagine que o ABC tem um campo apto para uma disputa de campeonato, o Globo FC de Ceará-Mirim também tem, que é o Barretão, e se esses dois clubes chegarem a final de um turno, terão que jogar na Arena das Dunas? Isso é uma brincadeira de mau gosto. Dizer que isso é profissionalismo, que é para beneficiar os clubes, vai ter benefício apenas para a Arena das Dunas - criticou Arruda.
LEIA MAIS
Alecrim e Santa Cruz fazem parceria e devem jogar na Arena das Dunas
FNF antecipa tabela e Campeonato Potiguar 2017 inicia dia 15 de janeiro
Os altos custos operacionais da Arena das Dunas, que possui valores segmentados para cada setor do estádio, dificultam ainda mais a obtenção de uma boa renda líquida. Para justificar a insatisfação, Leonardo Arruda cita que a área vip, destinada para a torcida mista, não entra no borderô dos jogos e os sócios-torcedores precisam pagar pelo ingresso. Mesmo com o mando de campo adotado pela FNF, o vice de futebol do ABC reitera que os clubes ainda serão penalizados com o pagamento de taxas administrativas. Algumas das áreas do estádio, como a área vip, que é destinada para os torcedores de ABC e América-RN, não têm disponibilidade para os sócios-torcedores. Algumas despesas, como taxas administrativas, são pagas pelos clubes. Então, nós vamos ter que pagar para jogar. Essa medida, ao entendimento do ABC e também do Globo FC, é prejudicial. Os clubes que vão buscar as vagas para a Copa do Brasil e para a Copa do Nordeste vão ficar prejudicados, porque o campeonato possui um direcionamento de beneficiar apenas a Arena das Dunas. O ABC se sentiu prejudicado e apresentou o seu protesto, registrado em ata da reunião - concluiu.
Por Natal

ASSU viabiliza parceria para disputa do Campeonato Potiguar 2017

Tentando evitar que as falhas observadas na atual temporada se repitam em 2017 o presidente da Associação Sportiva Sociedade Unida (ASSU), empresário João Leônidas de Medeiros Neto, está buscando colocar os pingos nos ‘is’ quanto a formalização de uma parceria com um grupo colombiano para que o Camaleão do Vale tenha uma equipe competitiva na luta pela conquista do bicampeonato potiguar de futebol. Durante intervenção que fez no programa Princesa Esportiva desta quarta-feira, dia 26 de outubro desde a capital do Rio Grande do Norte onde acontece nesta data a reunião do Conselho Arbitral da Federação Norte-rio-grandense de Futebol (FNF), que define o Campeonato Estadual do ano que vem o dirigente informou que se reuniu com os representantes da Siscol – grupo colombiano o qual já teve uma parceria firmada com o Visão Celeste para a recentemente disputa da Segundo Divisão Norte-rio-grandense que teve como Campeão o Santa Cruz de Natal. O elenco do ASSU será formado em maior parte por jogadores dos empresários colombianos. O encontro foi classificado como positivo pelo presidente. Ele informou que existiram falhas em 2016 e está se cercando de tudo para evitar que a história se repita. “Estou com um advogado. A gente fez um contrato dentro da realidade do nosso clube…”, afirmou Leônidas Neto. Em se tratando de realidade o presidente não escondeu que o time tem “débitos fiscais e trabalhistas que precisam ser sanados para que comece o Campeonato Estadual sem cobrança ou falatórios na cidade”. O dirigente acrescentou, que fez “uma exigência contratual”, para que o clube, “absorvesse os jogadores que são formados na nossa casa [ASSU]. E contratualmente vão nos garantir que sejam todos aproveitados dentro do elenco. Essa é a parceria que o ASSU tem condições de fazer para jogar o Campeonato Estadual”. Segundo Leônidas, “se não tivesse surgido essa parceria o time seria inviável dada a situação de patrocinadores e até do próprio poder público, pois a gente sabe que até as prefeituras passam por dificuldades” e é preciso “ter flexibilidade para conversar com o poder público, um dos maiores parceiros”, ressaltou o dirigente do Camaleão.
Fonte: Gustavo Varela/Redação Rádio Princesa

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Alecrim busca investidores para sair do jejum e mira amistosos na Índia


Athirson técnico do Alecrim (Foto: Divulgação)João Henrique, Athirson e Lucas Aredes comandam Alecrim em 2017 (Divulgação)

Sem conquistar o Campeonato Potiguar há 30 anos, o Alecrim planeja sair do indesejado jejum e voltar a comemorar um título estadual. Para que o planejamento do Periquito possa ter êxito, o clube aposta em uma estratégia comercial para garantir ao investidor uma participação, em dinheiro, caso haja negociação de qualquer jogador durante a temporada. Os valores variam conforme o plano de patrocínio, que, de acordo com o clube, estão divididos em três categorias. o diretor comercial do Verdão, João Henrique Marcelino, disse que o primeiro passo para atrair patrocinadores foi a contratação do técnico Athirson Mazolli, ídolo do Flamengo, para comandar a equipe profissional. No nosso projeto, a ideia de captação dos recursos com os investidores é que, em qualquer negociação de um jogador, seja garantida uma participação de 10%, 5% e 2,5% em dinheiro, baseado no valor de patrocínio ao clube - contou.
O clube também pretende criar um programa de sócio-torcedor e planeja até mesmo uma viagem internacional a Índia para realizar a pré-temporada do clube, ainda este ano. É preciso que os torcedores do Alecrim e os empresários locais apostem nos nossos planos. Para isso, estamos estudando várias formas para garantir alguns patrocinadores. Uma das nossas ações é levar o nosso grupo para uma série de amistosos na Índia, para mostrar a marca do nosso clube - completou João. A chegada de Athirson a Natal está marcada para o dia 31 de outubro e os treinamentos do elenco alviverde devem acontecer no Estádio Luiz Rios Bacurau, em São Gonçalo do Amarante, que ficou conhecido como "Ninho do Periquito" em 2013, quando foi arrendado pelo Verdão. Anunciado no dia 25 de setembro como o novo técnico do Alecrim, o ex-lateral-esquerdo Athirson é a grande aposta da diretoria para voltar a dar alegria aos torcedores do Periquito. Com um currículo vencedor como jogador, o treinador terá sua terceira experiência no comando de uma equipe de futebol - as duas anteriores foram São Cristovão e Flamengo-PI. A contratação causou grande burburinhos nas redes sociais pelo mundo e, segundo o diretor comercial, houve repercussão até na Europa, onde o treinador jogou e realizou estágios em clubes da primeira divisão da Alemanha. - Eu já tinha uma amizade com Athirson antes de entrar para o Alecrim e quando mostramos o projeto para ele, com um perfil inovador e com planos de tirar a 'seca' de títulos do clube, ele topou de imediato. Ele fez um estágio com Pep Guardiola e passou uma temporada no Bayern de Munique e no Bayern Leverkusen, ambos da Alemanha, teve duas experiências no Brasil e está empolgado com o novo projeto. Vamos trabalhar para termos sucesso - destacou João Henrique, que terá a companhia do diretor de futebol Lucas Aredes no projeto do Alecrim.
Alecrim Sub-19 (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com) 
Parte do elenco Sub-19 do Alecrim deste ano será integrado ao profissional
(Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)
Para que o planejamento tenha sucesso, o Alecrim vai trabalhar com 28 jogadores no elenco para a disputa do estadual. Mais da metade deste grupo será formada com atletas das categorias de base ou que já atuaram no futebol potiguar. Nós estamos montando um time muito competitivo e que vai brigar pelo título do Campeonato Potiguar. O Alecrim não tem uma conquista há 30 anos e esperamos quebrar esse jejum. Para isso, fechamos com atletas experientes de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo, mas com uma boa base de jogadores locais e que são das categorias de base - revelou. Do plantel já confirmado, estão nomes conhecidos no futebol potiguar como o goleiro Messi, o lateral-esquerdo David e o volante Carlos Mipibu, que disputaram o estadual deste ano pelo Verdão. A lista dos jogadores segue com o goleiro da base Daniel; os laterais Rinaldo e Augusto; os zagueiros Fernando, Marcelo Alves, Anderson e Pedro; os volantes Lucas Periquito, Edson e Pantera; os meias Renatinho, Fabio Potiguar, Douglas e Mateusinho; e os atacantes Xilú, Danilo, Geovane, Igor, Roberto Júnior e Ronaldinho.
Por Natal

Federação reúne clubes para definir Campeonato Potiguar de 2017

José Vanildo se reúne com times potiguares nesta quarta-feira (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)
A Federação Norte-rio-grandense de Futebol realiza nesta quarta-feira o Conselho Técnico do Campeonato Potiguar de 2017. O encontro, marcado para as 14h30, na sede da entidade, em Natal, vai reunir os representantes dos oito clubes participantes. Na ocasião, serão discutidos o calendário, o formato e o regulamento da competição. Uma das preocupações do presidente da FNF, José Vanildo, é referente aos laudos dos estádios. Este será um dos temas tratados com os clubes. A gente vai discutir na reunião, por exemplo, a imediata regularização dos estádios que são utilizados no campeonato. O estádio de Mossoró (Nogueirão) é um deles. Vamos exigir a apresentação do laudo necessário para ele ser utilizado - declarou o presidente José Vanildo. Os oito times participantes do estadual de 2017 são ABC, Alecrim, América-RN, ASSU, Baraúnas,  Globo FC, Potiguar de Mossoró e Santa Cruz de Natal, que conquistou o acesso recentemente.
Por: GloboEsporte.com

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Edson lamenta derrota do ABC, mas ressalta acesso para a Série B em 2017


Edson - Goleiro do ABC  (Foto: Reprodução/ Inter TV Cabugi)Edson foi um dos jogadores a falar na chegada a Natal (Foto: Inter TV Cabugi)

No desembarque do ABC em Natal na tarde desta segunda-feira, poucos jogadores falaram com a imprensa. O goleiro Edson, que só havia tomado quatro gols em sete jogos nesta Série C, lamentou o resultado negativo para o Guarani e classificou a derrota como "vexatória". O jogo também foi a primeira derrota do jogador vestindo a camisa alvinegra, desde agosto. Os seis gols sofridos pelo Mais Querido no Brinco de Ouro abalaram a equipe e volta para casa teve um sabor de frustração. Esse jogo de domingo é para se esquecer. Foi onde nada deu certo. A gente havia conversado durante a semana inteira, porque nós sabíamos da força do Guarani. Eles mesmo deram essa prova, diante do ASA (quando reverteram uma desvantagem de 3 a 1 e venceram o time alagoano no Brinco de Ouro, por 3 a 0). Infelizmente, aconteceu. Mancha um pouco o nosso acesso, mas não apaga o que esse grupo fez desde começo do ano. Infelizmente, a gente sai da competição de uma maneira vexatória e vergonhosa - desabafou Edson.
LEIA MAIS
Geninho destaca esforço financeiro do ABC para alcançar vaga na Série B
ABC agenda reunião com Geninho para iniciar planejamento de 2017
Apesar da decepção, Edson ressaltou que o dever foi cumprido com a superação na temporada e as conquistas do estadual e a vaga na Série B. O goleiro chegou ao Mais Querido em agosto para substituir o goleiro Vaná, ganhou o carinho da torcida alvinegra rapidamente e espera permanecer para o próximo ano. O ABC começou desacreditado no estadual, deu a volta por cima e foi campeão. A gente conseguiu o objetivo maior de colocar o ABC de volta à Série B. Mas, a gente tem que pedir desculpas para o torcedor e refletir o que a gente fez de errado. Quem ficar para o próximo ano, vai precisar voltar com a cabeça boa - completou.
Por Natal

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Lúcio Flávio reprova atitude de Jones Carioca e desastrosa derrota do ABC

A trágica goleada sofrida pelo ABC para o Guarani causou a irritação do meia Lúcio Flávio. Capitão alvinegro, o jogador criticou o descontrole da equipe, principalmente do atacante Jones Carioca, expulso ainda no primeiro tempo. O camisa 10, que acabou sacado para a entrada do volante Márcio Passos, em uma tentativa de Geninho de fechar mais a defesa, chamou de "vergonhoso" o placar tão dilatado sofrido pelo Mais Querido em Campinas. Com uma vantagem de quatro gols no confronto, o Mais Querido foi sufocado pelo adversário e perdeu o equilíbrio emocional ao ter um homem a menos em campo.
ABC x Guarani Estádio Frasqueirão Série C - Jones Carioca - Lúcio Flávio (Foto: Alexandre Lago/GloboEsporte.com) 
Lúcio Flávio (dir.) criticou o descontrole de Jones Carioca e a expulsão do jogo
(Foto: Alexandre Lago/GloboEsporte.com)
Na realidade, (o time) não teve cabeça para segurar o resultado que era muito bom. Perdemos um jogador no primeiro tempo e isso acabou afetando bastante. Mas, faltou muita coisa e tomar um resultado assim, como o de hoje (contra o Guarani), é vergonhoso. Acho que o jogador, nessa situação de decisão, tem que ter um pouco mais de serenidade e inteligência para jogar, algo que o ABC não fez - disse Lúcio Flávio à Rádio Globo Natal. 
LEIA MAIS
Geninho pede desculpas à torcida do ABC e critica descontrole de atacante
Questionado se a vantagem da primeira partida, quando havia goleado o Bugre por 4 a 0, teria deixado o elenco alvinegro de "sapato alto", Lúcio Flávio rechaçou a possibilidade. Mesmo assim, disse que o grupo abecedista sabia que sofreria muita pressão, por jogar fora de casa, e que precisaria manter a tranquilidade contra as provocações dos adversários. Não é sapato alto, mas nós sabíamos que eles iriam provocar, iriam atiçar o árbitro. Não tivemos essa postura e, infelizmente, não fizemos um bom jogo. O Guarani, em contrapartida, fez uma excelente partida e no segundo tempo se aproveitou muito desse jogador a mais e fez uma virada que poucos esperavam - lamentou o capitão do ABC.
"Estou envergonhado"
Na saída de campo, o zagueiro Léo Fortunato também lamentou a desclassificação do ABC à final da Série C e disse estar "envergonhado" com a apresentação diante do Guarani. O jogador contou que o time estava disperso, principalmente no segundo tempo, e que não conseguiu chegar ao gol. Entramos muito dispersos, principalmente, no segundo tempo. Hoje foi a pior partida que fez na competição. O ataque deles é muito veloz, já estávamos em desvantagem. Mas, infelizmente, não conseguimos o gol. Estou envergonhado por causa disso - completou Léo Fortunato.
Fonte: Por Natal

Melhores Momentos - Gols de Guarani 6 x 0 ABC - Série C (23/10/16)

Guarani massacra ABC por 6 a 0 e vai à final da Série C

O Guarani conseguiu um "milagre" e massacrou o ABC no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em uma noite de domingo especial para o fanático por futebol. O Bugre devolveu a goleada sofrida no primeiro duelo da semifinal, em Natal, e com uma torcida ensurdecedora, atropelou o Alvinegro, em Campinas, por 6 a 0, e está na final da Série C do Campeonato Brasileiro. O adversário será o Boa Esporte, que bateu o Juventude neste sábado em Varginha, por 2 a 1 (já havia vencido a primeira partida pela mesmo placar, em Caxias do Sul). Os gols da vitória do Guarani foram marcados pelo zagueiro Leandro Amaro, aos oito minutos do primeiro tempo; três do experiente meia Fumagalli(Foto) - aos 24 minutos do primeiro tempo, em uma cobrança de falta espetacular; aos três e aos nove do segundo tempo; pelo volante Alex Santana, aos 31 do segundo tempo e pelo atacante Pipico, aos 34 do segundo tempo, que fechou a partida. As datas e os horários dos confrontos da final da Terceirona ainda serão confirmadas pela Confederação Brasileira de Futebol. No primeiro tempo, o Guarani não deu qualquer oportunidade para o ABC mostrar o bom futebol do primeiro duelo da semifinal, quando venceu por 4 a 0 em Natal. O time de Campinas foi o dono da partida e conseguiu, logo aos oito minutos, colocar pressão no Alvinegro. Após uma bola cruzada por Fumagalli, o zagueiro Leandro Amaro aproveitou o vacilo da defesa abecedista e pulou sozinho para abrir o placar. O gol empolgou a torcida, que não parou de gritar por um instante no Brinco de Ouro da Princesa. Aos 24 minutos, meia Fumagalli, que antes do confronto foi o homenageado pela diretoria do Guarani pelos 250 jogos com a camisa alviverde, fez um golaço em cobrança de falta, encobrindo a barreira e acertando o ângulo esquerdo do goleiro Edson. Logo na sequência, o Mais Querido quase desconta com Jones Carioca, que acertou a trave de Leandro Santos. A resposta do Bugre foi mais uma vez com Fumagalli, que acertou o travessão de Edson.
Comemoração Guarani x ABC (Foto: Estadão Conteúdo)Leandro Amaro abriu a goleada do Guarani de 6 a 0 sobre o ABC, em Campinas
(Foto: Estadão Conteúdo)
Em desvantagem, o ABC perdeu o rumo e se descontrolou em campo. O atacante Jones Carioca, após uma discussão áspera com Fumagalli, foi advertido com o cartão amarelo, e em seguida, recebeu o vermelho do árbitro carioca Rodrigo Carvalhaes de Miranda. Com um homem a menos, Geninho sacou Lúcio Flávio para a entrada do volante Márcio Passos e perdeu o poder de criação do Alvinegro.
Milagre e classificação
Os jogadores do Guarani pareciam "guerreiros" em campo. Não havia uma bola desacreditada, não havia uma jogada sem solução. Ainda restavam dois gols para chegar aos pênaltis, mas o elenco queria mais. Fumagalli, o craque do jogo, deu mais esperança ao torcedor com apenas três minutos, ao estufar a rede de Edson e marcar o terceiro gol do jogo. Atônito, o Alvinegro não conseguiu reagir e viu o camisa 250 do Bugre marcar o seu terceiro gol em campo, o quarto do clube de Campinas na partida. O otimismo era evidente do lado paulista, enquanto do lado potiguar, os atletas não encontravam uma solução para bloquear o adversário. Em outra chance clara, Fumaggalli conseguiu chegar ao ataque e acertou, mais uma vez, o travessão de Edson. O goleiro alvinegro, que só havia sofrido quatro gols em sete jogos, não sabia o que fazer contra a artilharia pesada do Guarani. O Bugre lutou e chegou ao quinto gol aos 31 minutos, após um chutaço do volante Alex Santana, que acertou o ângulo esquerdo de Edson. A torcida alviverde ainda comemorava o gol da classificação, quando o atacante Pipico, aos 34 minutos, marcou o sexto gol da partida e explodiu de felicidade o Estádio Brinco de Ouro.
Por Campinas, SP

domingo, 23 de outubro de 2016

Melhores Momentos - Gols de Boa Esporte 2 x 1 Juventude - Série C (22/10...

Boa vence o Juventude e está na final da Série C

O Boa Esporte é o primeiro finalista do Campeonato Brasileiro da Série C. O time de Varginha carimbou sua classificação ao vencer o Juventude pelo placar de 2 a 1, em partida realizada na noite deste sábado, no Estádio do Melão, onde está invicto na competição. Daniel Cruz e Tchô marcaram para o time da casa, enquanto Hugo diminuiu. Após vencer por 2 a 1 em Caxias do Sul, o Boa Esporte apostou em um começo arrasador e nas jogadas de contra-ataque para sacramentar mais uma vitória na Série C e aumentar sua invencibilidade na competição para 14 jogos, sendo que desde a oitava rodada sofreu apenas três gols. Curiosamente, todos para o Juventude. Agora, o time de Varginha terá pela frente na final o vencedor do duelo entre Guarani e ABC. no primeiro jogo, o time potiguar venceu por 4 a 0. Independente do resultado, o Boa Esporte decidirá em casa por ter uma pontuação maior na soma de todas as fases.
INÍCIO ARRASADOR!
O Juventude teve o ano dos sonhos. Além de conquistar o acesso à Série B do Brasileiro, só caiu na Copa do Brasil nas quartas de final, eliminado pelo Atlético-MG, nas penalidades máximas, na última quarta-feira. Motivado, mas desgastado por atuar no meio de semana, o clube de Caxias do Sul enfrentou um dos favoritos ao título, o Boa Esporte, invicto dentro do Estádio do Melão. O começo do duelo foi insano, com boas chances para ambos os lados, mas foi o time de Varginha que acabou abrindo o marcador. Aos 14 minutos, Rodolfo foi acionado pelo lado direito de campo, passou por dois marcadores e tocou, de bandeja, para Daniel Cruz, que só teve o trabalho de empurrar para o fundo do gol.
Boa Esporte bate Juventude e está na final
Boa Esporte bate Juventude e está na final
E o segundo só não saiu por um erro da arbitragem, que pegou posição irregular de Escobar. O volante recebeu de frente para o gol e tocou na saída do goleiro Elias, nada valeu. O Juventude sentiu a pressão, recuou e começou a sofrer um abafa da equipe de Varginha. Rodolfo avançou pela esquerda, cortou Micael e obrigou o goleiro do Ju fazer um milagre para evitar mais um. O gás do Boa Esporte acabou no final. O Juventude equilibrou as ações e tentou sair para buscar o empate. Aos 45 minutos, Pará colocou a bola na área, Daniel saiu caçando borboleta e Anderson Marques por pouco não conseguiu completar para o gol.
SUSTO E ALEGRIA NO FIM!
O segundo tempo começou um pouco mais lento. O Juventude voltou melhor e começou a ameaçar o Boa Esporte. Hugo começou a chamar a responsabilidade e guiar o time, que saiu em busca do empate. Mas foi o time de Varginha que quase marcou. Daniel Cruz apareceu bem pela direita e cruzou para Samúdio, que deu um carrinho, porém, só desviou para fora. O Juventude lutou e achou o gol de empate aos 23 minutos. Romarinho saiu em velocidade pelo lado direito e cruzou. A bola foi em direção ao gol e enganou o goleiro Daniel, que escorregou, mas conseguiu espalmar. Na sobra, Hugo apareceu livre para solta o pé, 1 a 1, no Estádio do Melão. O jogo ganhou novas emoções no final. Zago colocou o Juventude todo para cima, enquanto o Boa Esporte buscava acertar um contra-ataque para liquidar a fatura. Aos 37 minutos, o time mineiro perdeu um gol feito. Daniel Cruz colocou a bola na cabeça de Fellipe Mateus, que, sozinho, jogou para fora. Aos 41 minutos, Daniel Cruz invadiu a área e foi derrubado, pênalti. Na cobrança, Tchô chutou forte e deu números finais ao duelo. Após o gol, a torcida encheu o pulmão e começou a festejar a classificação.
Fonte: Futebol Interior.com.br