O ESPORTE DE ASSU E REGIÃO, OBRIGADO PELA VISITA

Homenagens

Gente do Bem, Dedé Morais - O Dedé de Chaguinha

Dos tempos que passei no IPI, um dos meus professores de educação Física foi Dede Morais ou Dedé de Chaguinha, como todos os conhecem em Assu, e eu particularmente tinha que fazer os exercícios já que não tinha aptidão para praticar nenhum tipo de esporte, e olha que Dede Morais ou Dedé de Chaguinha tentou, mas a minha missão era outra, por isso gostaria de abreviar um pouco do que eu ví Dedé fazer pelos alunos que tinham habilidade para algum esporte no IPI, primeiro o material para os meninos jogarem ele tirava do bolso(melhor da serraria). Formou grandes de times de Futsal no IPI conquistando muitas medalhas e em várias categorias agora, uma atividade esportiva que só vi ser praticada em Assu foi quando Dede Morais era o professor, que foi o Handebol, isso mesmo, Dedé conseguiu fazer com que os meninos do IPI praticassem e bem, o que forçou as outras escolas também a praticar o referido esporte. Mas, como tinha começado mais cedo a treinar os seus pupilos o IPI de Dede Morais saiu na frente e ganhou tudo na Handebol. Aliás Dedé não só era o treinador, mais também jogava e dava muita qualidade ao time. Por isso quero deixar aqui o meu carinho e o meu reconhecimento por esta figura humana que fez muito pela educação de muitos jovens deste meu querido Assu. Dede Morais ou Dedé de Chaguinha. Assu é bom eu posso afirmar. Hoje Dedé de Chaguinha dedica boa parte do seu tempo ao um esporte e prestação de serviço chamado de Rádio Amador. 
Gente do Bem - Reinaldo, o Leão da Raça

O craque ontem e hoje: Um volante de um sorriso fácil, mas de uma raça e determinação inigualáveis, um verdadeiro Leão em campo; É assim que podemos definir o ´perfil do volante Reinaldo ou simplesmente "Rei". Reinaldo assim como a maioria de todos os atletas começou jogando nos times do IPI onde estudava, depois pela qualidade técnica que apresentava despertou o interesse de vários clubes do Assu de outras cidades. Atuou campo e futsal no Botafogo de Nascimento, Esperança, Seleção do Assu, mas foi no União que o Rei viveu o seu melhor momento, formando o chamado meio campo mágico do Super time campeão do União atuando ao lado dos craques Armando e Chapinha. Atualmente Reinaldo mora em Fortaleza com a família pois é funcionário do DNOCS, onde curte os Netos que estão chegando, e sempre que pode passa na terrinha para visitar os amigos e os seus familiares. Os arquivos da fotos atuais de Reinaldo foram extraídas do face dos seus filhos.

Gente do Bem - Zé Pretinho, o Pantera do Gol
Zé pretinho, o maior goleiro Assuense chega aos 90 anos - Considerado pelos os que o viram jogar como o maior goleiro do futebol Assuense de todos os tempos, pois defendeu várias equipes do Assu e região, mas com destaque para o Botafogo de Pedro Magalhães e por muitos anos o Centro Sportivo Assuense do então prefeito Arcelino Costa Leitão. Era comum todos os domingo os Assuense lotarem o Estádio Público Municipal, onde hoje é a CIBRAZEM para torcer pelo Assu, e principalmente para ver a elegância das defesas do paredão Zé Pretinho. Contam os mais velhos que as defesas de Zé Pretinho eram consideradas quase impossíveis, e todos ficavam atônitos com a velocidade que ele chegava na bola; Reflexo, elasticidade, boa saída do gol e muita visão de jogo, ou seja era um Arqueiro perfeito,chegou a ser cogitado para jogar no futebol profissional de ABC e América aqui no RN e no Fortaleza do CE. Hoje ainda podemos compartilhar da companhia de mestre Zé Pretinho; Aposentado, é comum vê o paredão Assuense sentado na calçada de sua residência na Av. Senador João Câmara observando o vai e vem de pessoas e veículos. Neste final de semana, o grande goleiro Zé Pretinho comemorou ao lado de vários amigos(muitos deles vieram de Natal), abraçar e tomar uma cachacinha e comemorar os 90 anos do nosso mestre no Dida.tom. Parabéns mestre Zé Pretinho, o goleiro de todos os tempos do futebol Assuense, pelos 90 anos bem vividos. Abaixo registro fotográfico de Zé pretinho atual e os times que ele jogou. Assu é bom eu posso afirmar. Assú é bom e eu posso afirmar.
Gente do Bem - Nelsinho o goleiro filho de Dr, Nelson
O craque ontem e hoje: Fico impressionado com a qualidade da escola de goleiros que o Assu tem e que ao longo dos anos revelou vários deles. Nelsinho de dr. Nelson é mais um goleiro revelado pela escola Assuense e que se destacou principalmente no futsal embora tenha sido campeão municipal jogando pelo time de campo da 24 de junho de atacante. Nelsinho que acompanhava o seu irmão Junot A Santos Santos não tinha a mesma habilidade, e descobriu que o seu forte era atuar no gol. Nelsinho Santos foi campeão do master Princesa de Futsal pelo cruzeiro em 1987, título este que marcou o início da história vencedora do alviazulino Assuense; Nelsinho atualmente e funcionário do INSS, já foi vereador em Assu e tem duas grandes paixões; Uma boa pescaria com amigos, e a música, onde além de tocar e cantar, também compõe, e tocando e cantando que Nelsinho conquistou vários festivais de música na região e no estado. Considero Nelsinho um dos últimos boêmios a moda antiga do meu Assu, além de encontrá-lo sempre de alto astral. 

Gente do Bem - Junot, o pequeno grande genio do futsal
O craque ontem e hoje. Esse foi um craque que vc não podia avaliar suas habilidades com a bola pelo tamanho, pois o que fazia Junot A Santos Santos na quadra ou no campo, era coisa de gigante; Rapidez e agilidade aliada a dribles rápidos e chutes fortes eram características deste pequeno gigante. Junot de dr. Nelson é assim que todos os conhecem, foi outro atleta que jogou em praticamente todas as equipes de nossa cidade, AABB, Sel. do Assu, Grêmio, ASSA e tantas outras. Ao lado de Gão, Loza, Galego de Selé, Cornélio, Barrá, Leleto, Bira, Anchieta, Dedé de Nair e tantos outros craques que davam show na quadra da AABB, Junot deixou a sua marca e sua história também no nosso futebol, hoje ele é aposentado do Banco do Brasil e mora em Natal, e sempre que pode visita o Assu, pois a sua genitora e alguns irmãos ainda residem nesta terra abençoada por DEUS, São João Batista e Irmã Lindalva.

Gente do Bem - Vegas, o craque da provocação
O craque ontem e hoje: Um atacante com muita vontade e determinação, e que não levava desaforos prá casa, pois tinha muita malícia nas suas jogadas e isso incomodava demais aos seus marcadores, e em algumas vezes o clima esquentava e a turma da paz tinha que chegar para acalmar os ânimos. Este era o perfil de Francisco dos Navegantes ou "Vegas" como era e é conhecido por todos até hoje nos meios esportivos e no própria comunidade. Vegas não tinha a habilidade de Chapinha(seu irmão), mais compensava com a vontade e o faro de gols, principalmente no União EC. Aliás o time do União era uma extensão da família de Vegas, pois no time ainda jogavam também seus irmãos, Diá, Junior Buchudo, Douglas e as vezes Novinho. E Tinha mais, quando o União jogava aí a família estava toda presente no campo ou na quadra comandados pelo Patriarca, o saudoso Batista Barbeiro. Vegas atuou e foi campeão pelo União, Rotta, Botafogo e Vasco de Nascimento, Flamengo da 11, Seleção do Assu e dezenas de outras equipes da região. Aqui acolá Vegas ainda bate uma pelada; Atualmente trabalha na iniciativa privada e mantém um bom circulo de amigos com quem gosta de uma resenha sobre futebol, o difícil as vezes é entender o que "Veguinha" está dizendo pela rapidez com que fala. Este é Vegas de Batista Barbeiro. Tive a felicidade de ter Vegas jogando no meu time, o Rotta da Monsenhor Julio.
Por L. Filho

Nenhum comentário:

Postar um comentário